Ilhabela, Litoral Paulista, Prefeito

Ilhabela, Litoral Paulista

Câmara de Ilhabela cassa mandato do prefeito por contratação ilegal

Câmara de Ilhabela cassa mandato do prefeito por contratação ilegal

16.5.2019

Câmara de Ilhabela cassa mandato do prefeito por contratação ilegal

Márcio Tenório (MDB) é acusado de ter autorizado pagamento de um evento que não aconteceu

O evento, que seria realizado nos dias 26 e 27 de janeiro deste ano, porém, não ocorreu, apesar de a empresa Five Eventos Eirelli Ltda, responsável pela organização do evento e contratação dos artistas, ter recebido os valores.

O prefeito não pode participar da sessão da Câmara para se defender das acusações, pois está impedido pela Justiça de frequentar prédios públicos, enquanto durar seu afastamento. Sua defesa foi feita pelo advogado Luís Augusto Barsoe.

Segundo os vereadores que integram a comissão, o procurador da empresa, Francisco Eduardo Morais de Oliveira, que participou das oitivas, teria deixado transparecer que não conhecia a proprietária. Ela também seria beneficiária do programa Bolsa Família.

À época, a prefeitura informou que o evento havia sido cancelado por causa da balneabilidade das praias e devido à previsão de chuva para o período. “Esse argumento é estranho, pois no mesmo fim de semana a prefeitura realizou dois eventos, na praia, e não choveu. As apresentações de samba nem seriam na praia”, afirmou presidente da comissão, Anísio Oliveira (DEM).

Chedid é proprietário da empresa Expresso Fênix, detentora da concessão de linhas municipais de coletivos em Ilhabela.

Constavam no processo atas de constituição de entidades e de sessões da Câmara; ofícios, intimações, cópias de depósitos em contas bancárias e ao menos 200 das páginas tinham informações da escola de samba Unidos de Vila Maria, de São Paulo, que recebeu R$ 1 milhão da prefeitura para colocar Ilhabela como tema de samba enredo em 2016. Todos os documentos se referiam à administração anterior e não tinham relação com o processo de Tenório.

Sobre as denúncias, Barsoe disse que o pagamento foi feito pela prefeitura à empresa Five Eventos pois o evento não foi cancelado, e sim, adiado. “Por isso foi mantido.”

Ele também rebateu outra acusação da comissão, de que a empresa não apresentou os extratos bancários. “A conta é particular, não pública, então a empresa não tinha obrigação de enviar o extrato. A comissão poderia ter pedido a quebra do sigilo bancário na Justiça.”

Consulte Mais informação: UOL

Prefeito de Ilhabela é afastado do cargo após ser alvo de operação da PF Márcio Tenório (MDB) também responde a processo de impeachment na Câmara

Câmara de Praia Grande desmente dado do TCE e diz que reduziu comissionados A Câmara Municipal de Praia Grande, no litoral paulista, desmentiu nesta quinta-feira, 9, informação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo sobre o gasto por vereador na cidade. Ao contrário do dado divulgado pela Corte de Contas, que apontava R$ 4,

Ministro da Educação deveria sair da Câmara demitido, diz deputado aliado Líder do Podemos, o deputado federal José Nelto (GO) afirmou hoje esperar que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, saia do plenário da Câmara dos Deputados sem ocupar mais o cargo.'Haverá um questionamento muito duro com o ministro aqui em Com um aliado de M. desses, quem precisa de oposição. Só foi aliado p se eleger Baseado em que esse deputado diz isso? Eu acredito que pra banda podre desse congresso, independente da explicação ela nunca vai ser boa o bastante.

Marinho reafirma que Previdência pode passar na Câmara no 1º semestre Comissão especial tem audiências públicas marcadas até o fim de maio e, só depois, irá discutir e votar o relatório para encaminhar ao plenário Do jeito que deputados vão um ou no máximo 2 vezes por semana pra Brasília, duvido! Tem que passar já!

Maia abre e encerra sessão da Câmara sem votar MP dos ministérios Deputado Diego Garcia (Podemos-PR) apresentou questão de ordem para que fosse respeitada a ordem de outras medidas provisórias que estavam na fila Cadê os trabalhos honestos dessa casa Pagamos seus salários🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷 COAFComMoro !!!! 🤮🤮🤮

Câmara convoca ministro para explicar nesta quarta-feira bloqueio de verbas na Educação Por se tratar de convocação, Abraham Weintraub é obrigado a comparecer ao plenário. Requerimento de convocação foi aprovado por 307 votos a favor e 82 contra. Espero que ele não faça outro vídeo chorando e tirando a camisa. Coitado do ministro, pagando pelo fato do governo não ter base no Congresso. Espero que ele já tenha aprendido a tirar 30% de 100...

Câmara e Senado indicam que decreto das armas excede limites legais Pareceres de consultores apontam excessos que podem ser vetados no Legislativo Daqui a pouco veremos “governo recua...” Para a Câmara e o Senado legal é os traficantes e bandidos andarem com armas e fuzis matando inocentes nas ruas. quem diria bolsonaro fazendo merda de novo nossa que surpresa

Câmara dos EUA obrigam governo a entregar declarações de IR de Trump Diante de recusas a seu pedido de abril, comitê de Finanças intima Departamento do Tesouro e Receita Federal americana Interessante

Na Câmara, Weintraub fala de mal-entendido com Bolsonaro e nega cortes - CartaCapital Ministro da Educação usou a tática do sabonete: só escorregou. E pouco explicou Ele mandou a Carta Capital se fuder e vc nem viu Esse é outro inútil Como assim; foi vocês que levaram um laço de lucidez. Comunistas 👎👎👎

Sessão com Weintraub tem xingamentos e ameaça de briga na Câmara Ministro da Educação esteve na Câmara nesta quarta-feira (15) _cotidiano Incompetente. _cotidiano O ministro teve um saco para aturar a audiência de ontem. _cotidiano Despreparado

BR18 Analisa: Governo feito barata tonta na Câmara Por Vera MagalhãesO governo sofreu um vareio na Câmara hoje: no mesmo dia, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi Vera, vai dormir. Só não tem mais trapalhão porquê eles são só 4 kkkkkkkkk

Escrever Comentário

Thank you for your comment.
Please try again later.

Últimas Notícias

Notícia

16 maio 2019, quinta-feira Notícia

Notícias anteriores

Presidente do BC diz que 'incertezas continuam no ar' e adiam investimentos

Próxima notícia

Empresários criticam plano para mudar Minha Casa Minha Vida - Economia - Estadão
Presidente do BC diz que 'incertezas continuam no ar' e adiam investimentos Empresários criticam plano para mudar Minha Casa Minha Vida - Economia - Estadão