Após alta lotação nas praias, casos de coronavírus voltam a subir na Baixada Santista - Saúde - Estadão

Após alta lotação nas praias, casos de coronavírus voltam a subir na Baixada Santista

18/09/2020 04:50:00

Após alta lotação nas praias, casos de coronavírus voltam a subir na Baixada Santista

Tendência de redução que o Estado já vive é instável, sujeita a possíveis aumentos de transmissão, afirma especialista; governo estadual informa que números na região indicam estabilidade

17 de setembro de 2020 | 21h35SOROCABA – Os números do novocoronavírusinterromperam a tendência de queda e voltaram a subir na última semana, na Baixada Santista, litoral do Estado de São Paulo. Considerando o período de incubação do vírus,

Guerra das vacinas traz de volta ‘gabinete do ódio’ - Política - Estadão Oposição ameaça entrar com pedido de impeachment se Bolsonaro barrar compra de vacina - Política - Estadão Lula defende impeachment de Bolsonaro

o aumento pode estar relacionado às altas lotações das praias da região entre o último fim de semana de agosto e o feriadão de 7 de setembro. Especialista diz que a tendência de redução que o Estado já vive é instável, sujeita a possíveis aumentos de transmissão, por isso os cuidados devem ser mantidos. Já o governo estadual informou que os números na região indicam estabilidade na pandemia.

Leia TambémBrasil contabiliza média móvel de 779 óbitos por dia devido à covid-19Os boletins das prefeituras mostram que a média diária de casos de covid-19, que era de 476 na semana de 5 a 11 de agosto, foi baixando semana a semana, até chegar à média diária de 149 na semana do dia 2 ao dia 8 de setembro. Já na semana de 9 a 15 de setembro, a média diária subiu para 196. 

A média diária de mortes teve comportamento semelhante. Era de 13 mortes por dia na semana de 5 a 11 de agosto e caiu gradativamente, até fechar a semana de 2 a 8 de setembro com média de 5 mortes diárias. Na semana seguinte, no entanto, o número subiu para uma média diária de 8 mortes. Os números mais recentes indicam que a tendência de alta pode continuar. Só nesta quinta-feira, 17, em apenas três cidades que atualizaram boletins – Santos, Guarujá e Cubatão – foram registrados cinco óbitos pela covid-19.

No total, a Baixada Santista chegou a 52,3 mil casos confirmados e 1.892 mortes pelo novo coronavírus. Apenas Santos tem 19.089 casos e 597 óbitos, seguido por Guarujá (7.910 casos e 372 óbitos), Praia Grande (7.869 casos e 225 mortes) e São Vicente (6.158 casos e 387 mortes). Nesta quinta-feira, o Estado de São Paulo registrava 916.821 casos positivos e 33.472 mortes pelo vírus. 

Mais carrosO aumento no fluxo de turistas para a Baixada Santista e outras cidades do litoral paulista acontece desde o fim de agosto, quando foi ampliada a reabertura do comércio e ficou mais difícil controlar o acesso às praias. No fim de semana de 29 e 30 de agosto, o primeiro da retomada, imagens mostraram faixas de areia lotadas. No feriado da Independência, mesmo com a pandemia, o fluxo de turistas foi maior que em 2019.

No último fim de semana, 2,5 milhões de veículos utilizaram as rodovias estaduais com destino ao Interior e ao litoral paulista, segundo dados da Secretaria de Logística e Transportes do Estado. O número de carros foi 1,63% maior que o do último fim de semana de agosto, até então o mais movimentado desde o início da pandemia. Em rodovias de acesso às praias do litoral norte, o movimento aumentou entre 6,9% e 7,8%. Já no Sistema Anchieta-Imigrantes, de acesso à Baixada Santista, o aumento foi de 1,94%.

Candidato a vereador é preso com mais de R$ 15 mil na cueca em Sergipe Erick Jacquin e esposa testam positivo para Covid-19 'Auxílio emergencial é tentativa de compra de voto', diz Joice - Política - Estadão

Para o médico infectologista Carlos Magno Fortaleza, ainda não é possível afirmar com certeza se a oscilação para cima nos casos de covid-19 na Baixada tem a ver com a lotação das praias. “É importante dizer que o platô com tendência de redução nos casos e óbitos que a gente vê no Estado como um todo é uma tendência geral que resulta de pequenas tendências. Em longo prazo haverá uma redução visível.”

Segundo ele, a tendência de redução da pandemia tem um equilíbrio instável, sujeito a grandes variações com possíveis aumentos de transmissão. “Esses aumentos podem estar associados a mais pessoas nas praias, mas também à abertura de bares e restaurantes e com um pouco menos de cuidados. Esses refluxos com aumentos foram vistos na Europa e nos Estados Unidos. Na Europa chegou quase a configurar como uma segunda onda. Por essa razão é que não dá para baixar a guarda. A possibilidade de, em caso de maior exposição, aumentar o número de casos, é real”, disse.

'É cedo', diz secretárioO secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, disse que, levando em conta o período médio de incubação e o aparecimento dos primeiros sintomas, é muito cedo para verificar qualquer alteração da pandemia correlacionada ao movimento das praias durante o feriado da Independência. “Ainda se compararmos a quantidade de casos e internações dos dias anteriores com os dias posteriores ao feriado, teremos números absolutamente estáveis na região”, disse. Segundo ele, o Estado continua orientando o respeito às regras de isolamento social, a utilização de máscaras e a política de não aglomeração, assim como a fiscalização e orientação das prefeituras locais.

Consulte Mais informação: Estadão »

Os fatores por trás da popularidade de Jacinda Ardern, reeleita com folga premiê da Nova Zelândia - BBC News Brasil

Partido dela, o Trabalhista, teve vitória eleitoral mais expressiva em décadas; país se destacou na contenção do coronavírus.

VCS SABEM QUE DEPOIS DA LOTAÇÃO DAS PRAIA, QUEM ESTAVA LÁ VOLTOU PRA SUA PRÓPRIA CIDADE NÉ ? Agradeçam ao prefeito de Santos e ao Governo do Estado de SP. Parceria genocida em nome da retomada da economia Segundo o datafoda-se Pq será, né. ..😑 Isso a gente sabia que iria acontecer. Ótimo!! A circulação do vírus vai acabar com esse isolamento social insano que foi criado para encobrir o descanso com a saúde pública.

Então: Farmácia, Mercado, metrô, trem e ônibus. São todos imunes. Só a praia que transmite. Deu a lógica né... 🤷🏾‍♂️ Fake News! È impressionante o nível dos eleitores do Estadão.🤮🤮🤮 Só falam merda e acreditam mais ainda nas merdas que este decadente jornal escreve. BolsonaroOrgulhoDoBrasil Fakes Kkkkkkkkkkk

que surpresa Interessante. O vírus não gosta de busão e trem lotado.... FakeNews Meio óbvio e previsível, hein. 💩 A culpa é da praia e não daquele busão lotado de todo dia! Alguém tinha alguma dúvida que isto iria acontecer? Foramaia Só acredito vendo... O virus cansou de andar em onibus lotado e foi para a praia.... kkkk

Novidade Sem sair da pandemia, muitos estão em circulação pelas praias por serem levados a acreditar que, a onda sobre a doença, já passou. Não usaram máscara no boqueirão Agora é esperar a lotação nos cemitérios Por que o Estadão esconde os jornalistas que lá trabalham com COVID-19? lara_mesquita Que surpreendente, por que será?

Spoiler alert: as mortes de uma semana para a outra foi de 5 para 8...affffff Ora ora, ninguém imaginava! Finja surpresa! Foi é? Ninguém imaginava! Aposto que essa matéria tava escrita antes desse fim de semana Quem ia achar que um vírus capaz de contaminar através de partículas de saliva seria transmitido num ambiente em que indivíduos estão colados uns aos outros?

Não existe mais “lotação” o povo tá andando é em ônibus, trem e metrô lotados! Pasquim faz parte da mentira? Como assim 36 mil novos casos no Brasil? Lógico as pessoas estão nas praias, shopping, ruas, parques ao ar livre, + de 21 dias, onde o contágio é praticamente zero! Já no fica em casa e só vá pró hospital na falta de ar o contágio, Óbitos foi só subindo! Brasil tem 3,7 M de Recp.

CarlosTufvesson Agora fiquem longe dessas pessoas. Feke News!!! Bolsonaro lembra Chiva, o destruidor, uma das três mais poderosas divindades do induismo. Porém Chiva destrói para criar o novo. Bolsonaro destrói o Brasil, para deixar terra arrasada, pois é incapaz de criar e construir. Agora aguentem! Surpreendendo o total de ZERO pessoas

Ora, ora, ora. Causa e efeito! Quem poderia imaginar?

Mulher é presa após chamar atendente de unidade de saúde de 'macaco' e imitar gorilaCaso foi registrado na manhã desta quinta-feira (17), em Araçatuba (SP). Dona de casa prestou depoimento ao delegado de plantão, pagou fiança de R$ 1,2 mil e foi liberada. Bozo tá conseguindo colocar ódio entre pessoas, além disso armando o gado para dar o Golpe 👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻 Morte a todos os racistas! É isso !

Em 'bolha', vôlei de praia brasileiro reinicia Circuito após paralisaçãoADAPTAÇÃO!🏐🇧🇷 Em 'bolha', vôlei de praia brasileiro reinicia Circuito após paralisação lancenet Aí siim

Jorge Jesus e Pedrinho sofrem com memes após eliminação do Benfica - LANCE!Tanto Mengo como Jesus voltaram à normalidade!

Após 50 anos, documentos apontam ordem de Nixon para derrubar Allende - CartaCapital‘A opção extrema: derrubar Allende’ é o título de um conjunto de relatórios desclassificados Os americanos fizeram isso em inúmeros países, inclusive no Brasil até hoje nunca responderam por esses atos. Democracia? Ditada e ditada remete direto à ditadura, uma imposição do Império sobre povos soberanos, ou pelo menos que deveriam ser assim. Defesa dos direitos humanos, mas são mestres em vender seu peixe podre como fresco. Mesmo durante o período de Obama houve aqueles episódios de espionagem de Chefes de Estado denunciado pelo ex-agente da Cia, Snowden e que custou sua liberdade e à cassação do seu passaporte. Exportam comida ruim e modelos de exploração do homem pelo homem para todo o mundo,

Cantor Maurício Manieri recebe alta após sofrer infarto em SPCantor foi submetido a um cateterismo nesta segunda (14). Ele sentiu 'fortes dores no peito' na sexta-feira (11) e ficou internado no Hospital São Luiz, em São Caetano do Sul, na Grande SP. Sim! Boa notícia, mas uma foto dele ajudaria a matéria.

Passageiro é retirado de avião após ofensa homofóbica a comissário de bordoHomem foi retirado de aeronave que partia de São Paulo com destino a Fortaleza. Em nota, a Latam confirmou que pediu apoio à Polícia Federal e repudiou a atitude indisciplinada do passageiro. acho eh pouco era só jogar ele p fora, se estivesse em pleno voo, melhor ainda . Põe ele pra conhecer uma cela que ele não repete isso nunca mais.