Lençóis Paulista (SP) mantém vacinação por agendamento após análise descartar reação em criança

20/01/2022 23:15:00
Lençóis Paulista (SP) mantém vacinação por agendamento após análise descartar reação em criança

Lençóis Paulista (SP) mantém vacinação por agendamento após análise descartar reação em criança

Lençóis Paulista (SP) mantém vacinação por agendamento após análise descartar reação em criança

Prefeito Anderson Prado disse ao GLOBO que município vai retomar imunização em massa na próxima terça-feira, após suspensão por sete dias; menina de 10 anos apresentou quadro clínico adverso, sem relação com a vacina, segundo investigação

RIO — O município de Lençóis Paulista, no interior de São Paulo, decidiu manter a vacinação infantil apenas por agendamento até a próxima terça-feira, mesmo após uma investigação da Secretaria de Estado da Saúde concluir que um efeito adverso em uma criança imunizada contra Covid-19

. A prefeitura suspendeu a imunização em massa nesta quarta-feira por sete dias depois que uma menina de 10 anos foi internada supostamente por uma parada cardíaca.Doença rara:Criança vacinada em Lençóis Paulista (SP) não teve reação a imunizante, conclui investigação

Consulte Mais informação: Jornal O Globo »

Vacína sim ciência sempre 'Análise' rápida à ' toque de caixa ' e ' vamo que vamo' vacinar né J Dória discípulo de Joseph Mengele, e alma de Goebbels na propaganda! Dória genocida! Não enganam ninguém. Podres!!

Governo de SP diz que vacina não causou reação em criança de Lençóis Paulista | O Antagonista

Governo de SP diz que vacina não causou reação em criança de Lençóis Paulista | O AntagonistaSegundo Secretaria de Saúde, análise realizada por especialistas apontou que a criança de 10 anos, que teve parada cardíaca, possuía doença congênita rara Claaaaaaaro, vacinas salvam vidas, mesmo aquelas que a farmacêutica diz que não sabe quais possíveis reações e adversidades e também não se responsabiliza por nenhum efeito colateral... Isso mesmo. 👇

Prefeitura de Lençóis Paulista (SP) suspende vacinação de crianças por 7 dias | O Antagonista

Prefeitura de Lençóis Paulista (SP) suspende vacinação de crianças por 7 dias | O AntagonistaAo todo, 46 crianças foram vacinadas na cidade. Avisamos... E quando morre alguém na UPA qual o critério...

Doria: evento adverso sem relação com vacina foi 'celebrado' por bolsonaristas | O AntagonistaCentro de Vigilância Epidemiológica da secretaria estadual de Saúde descartou relação com vacina em caso de Lençóis Paulista (SP).

Lençóis suspende vacinação infantil após parada cardíaca, mas Jean criticaSecretário do governo disse que decisão da prefeitura foi precipitada...

Painel: Damares planeja visitar criança cujo pai relatou suposta reação à vacina, negada pelo Governo de SP

Painel: Damares planeja visitar criança cujo pai relatou suposta reação à vacina, negada pelo Governo de SPDamares planeja visitar criança cujo pai relatou suposta reação à vacina, negada pelo Governo de SP A pastora do Jesus da Goiabeira agora vai se aventurar a CSI pra tentar avacalhar vacinação de crianças no Brasil Deveria visitar os país de crianças que morreram de covid. Esse Governo é um desserviço á Sociedade Brasileira! Mais de 600 MIL ÓBITOS pela covid, pela criminoso atraso na aquisição das vacinas que reduziram drasticamente o número de óbitos no Brasil e no mundo. NUNCA prestaram condolênscias a ninguém!!! Agora esse teatro ForaBolsonaro

Cidade que teve vacinação em massa não tem nenhum paciente em UTI

Cidade que teve vacinação em massa não tem nenhum paciente em UTIBotucatu tem mais de 90% da população imunizada com segunda dose; 70% já tomaram a dose de reforço... Nem quem tomou e nem quem não tomou ! Nem crianças então, certo produção? Pelo tempo em que fizeram as vacinas, são quase todos “não vacinados” segundo as normas de reforço vacinal.

PUBLICIDADE RIO — O município de Lençóis Paulista, no interior de São Paulo, decidiu manter a vacinação infantil apenas por agendamento até a próxima terça-feira, mesmo após uma investigação da Secretaria de Estado da Saúde concluir que um efeito adverso em uma criança imunizada contra Covid-19 .A criança havia recebido o imunizante da Pfizer, indicado para sua faixa etária (foto).× Foto: Prefeitura de Lençóis Paulista A prefeitura de Lençóis Paulista (SP) suspendeu nesta quinta (19) a vacinação de crianças contra a Covid por sete dias.× Reprodução/Governo do Estado de São Paulo/Facebook João Doria disse nesta quinta (20) que um evento adverso sem relação com vacina em Lençóis Paulista (SP) foi “celebrado” em redes bolsonaristas.

A prefeitura suspendeu a imunização em massa nesta quarta-feira por sete dias depois que uma menina de 10 anos foi internada supostamente por uma parada cardíaca. Doença rara: Criança vacinada em Lençóis Paulista (SP) não teve reação a imunizante, conclui investigação Uma análise do Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde de São Paulo, realizada por mais de 10 especialistas, apontou nesta quinta-feira que a criança possuía uma doença congênita rara, desconhecida até então pela família. “O Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde informa que concluiu nesta quinta-feira (20) a investigação que descartou o evento adverso pós-vacinação na criança de 10 anos do município de Lençóis Paulista. A conclusão foi de que não existe qualquer relação causal entre a vacinação e seu quadro clínico. A manifestação, diz a prefeitura, “acontece após uma criança de 10 anos sofrer uma parada cardíaca 12 horas após receber a dose pediátrica da vacina Pfizer. Especialistas já afirmavam que a vacinação infantil é segura e eficaz. A análise realizada por mais de 10 especialistas apontou que a criança possuía uma doença congênita rara, desconhecida até então pela família, que desencadeou o quadro clínico. "A Secretaria de Estado da Saúde reforça a importância da vacinação e reafirma que todas os imunizantes aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária são seguros e eficazes", afirmou a pasta em nota. A Secretaria de Estado da Saúde reforça a importância da vacinação e reafirma que todas os imunizantes aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária são seguros e eficazes.

Imunização infantil: Vacinação de crianças é segura e colabora para o controle da pandemia, dizem especialistas Segundo o prefeito Anderson Prado (DEM), as autoridades estão monitorando as 46 crianças vacinadas até agora na cidade e apenas uma apresentou febre, reação comum após a imunização.”. Procurada por telefone por , a prefeitura e a secretaria municipal de Saúde não atenderam. Uma enfermeira mantém contato diário com as famílias. A menina de 10 anos que precisou ser internada está estável e consciente. Ela foi encaminhada ao Hospital Unimed de Botucatu, onde permanece em observação. O município seguirá vacinando por agendamento nesta sexta e na segunda-feira.

Pais que queiram imunizar seus filhos devem ligar para a Central de Saúde e marcar. A imunizanção em massa será retomada na próxima terça-feira, quando acabam os sete dias de suspensão. Vacinação infantil:  Número de crianças e adolescentes internados por Covid-19 sobe 61% em dois meses em SP — Seguiremos monitorando nossas 46 crianças vacinadas. Na terça-feira, retomamos (a vacinação em massa) — disse Prado ao GLOBO. — Eu acredito na nota informativa do Centro, nos técnicos e que a vacinação é segura e devemos orientá-la.

Sempre fomos a favor da vacinação —  emendou. De acordo com Prado, até a última atualização, Lençóis Paulista tinha 2.243 casos ativos de Covid-19 e nenhuma pessoa internada em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). — É um reflexo claro da vacinação — afirmou. A aplicação da vacina em pessoas com 12 anos ou mais segue de segunda a sexta-feira na Central de Vacinação do Espaço Cultural, das 16h30 às 20h.

Quem não conseguir se vacinar no local, deve procurar o ESF da Maria Cristina, das 8h às 15h, para receber a dose da vacina contra Covid-19. Suspensão A Prefeitura nesta quarta-feira a suspensão da vacinação por sete dias após uma menina de 10 anos supostamente ter sofrido uma parada cardíaca, segundo relatos dos pais. O evento adverso teria ocorrido 12 horas depois que a criança recebeu a dose pediátrica da Pfizer. De acordo com a Prefeitura, o pai contou que a criança"apresentou alterações nos batimentos cardíacos e desmaiou". Ela foi encaminhada à rede de saúde particular para receber atendimento médico, onde foi reanimada.

A decisão pela suspensão da vacinação foi tomada pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19, em reunião extraordinária realizada na tarde desta quarta-feira. Na ocasião, ficou estabelecida a interrupção da aplicação de imunizante em crianças entre 5 e 11 anos por sete dias,"em livre demanda". .