Cantora Checa antivacinas morre depois de contrair Covid-19 intencionalmente

Cantora Checa antivacinas morre depois de contrair Covid-19 intencionalmente

19/01/2022 14:51:00

Cantora Checa antivacinas morre depois de contrair Covid-19 intencionalmente

A vocalista da banda de música flok Asonance, que era anti-vacinas, expôs-se ao vírus de forma propositada, depois de o filho e o marido terem contraído a doença antes do Natal.

Hanka Horká/FacebookO estado de saúde da cantora de música folk agravou-se na semana passadaHanka Horká/FacebookTem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.A cantora checa Hanka Horká morreu, no domingo, aos 57 anos depois de ter contraído Covid-19 intencionalmente para ter acesso a um certificado de recuperação sem ter de se vacinar.

A vocalista da banda de música flok Asonanceexpôs-se ao vírus de forma propositada, depois de o filho e o marido — ambos vacinados — terem contraído a doença antes do Natal, informa o jornalEl País.Decidiu continuar a viver normalmente connosco e preferiu apanhar a doença do que ser vacinada”, conta Jan Rek, o filho da artista.

Consulte Mais informação: Observador »

Não se terá engasgado como a criança inconveniente!? Notícias sem fundamento. E? Covid, Cumpre o teu dever😂😂😂 Tão ser justiceiro... os maus perdem sempre... jornalismo? Óptimo A evolução das espécies de Darwin dá uma explicação para isto! Que notícia ridícula e idiota! E quantos não morreram sem vacinas? E por que vocês não mencionam as centenas de milhares de pessoas que morreram devido estas vacinas experimentais? E aqueles que poderão ter sérios problemas no futuro pela vacina?

Karma... Abutres Tiveram que ir à República checa para encontrar um negacionista a morrer😂. É difícil não é?

Cantora checa morre após contrair Covid-19 de propósito para obter certificado de vacinaçãoMundo - Cantora checa morre após contrair Covid-19 de propósito para obter certificado de vacinação Portanto levou a vacina, é isso?

Mais uma prova de que os artistas não são necessariamente inteligentes. mereceu

Cantora checa contraiu covid-19 para não se vacinar, acabou por morrer - SIC NotíciasHanka Horká tinha 57 anos e era vocalista dos Asonance, uma banda folk. Escolha errada.I don’t feel sorry for people who don’t take vacines and die. Uma não notícia. Aliás uma notícia para espalhar medo e pânico só isso. E sim estou vacinado e tomo precauções mas este aproveitamento mediático da CS para espalhar medo é doentio. Que loucura, hein?!…

Cantora checa morre depois de se infetar propositadamente com o vírus da covid-19CNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo. O povo brinca com coisa séria A evolução natural a trabalhar...! 👍 Que encontre a paz. A estupidez mata, a vacina não!

Cantora checa morre após contrair Covid-19 de propósito para obter certificado de vacinaçãoMundo - Cantora checa morre após contrair Covid-19 de propósito para obter certificado de vacinação Portanto levou a vacina, é isso?

Cantora anti-vacinas morre depois de contrair covid-19 de forma propositadaA cantora quis ser infetada para obter um certificado de recuperação. Com isto, pretendia entrar em saunas e teatros sem estar vacinada. Se calhar vou começar a fazer rt a todos os casos idênticos que têm aparecido, de forma a acusar os negacionistas de terem sangue nas mãos. É assim que se faz, não é? Uahauahauahahb dramatické informace

Cantora checa morre depois de se infetar propositadamente com o vírus da covid-19CNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo. O povo brinca com coisa séria A evolução natural a trabalhar...! 👍 Que encontre a paz. A estupidez mata, a vacina não!

O estado de saúde da cantora de música folk agravou-se na semana passada Hanka Horká/Facebook O estado de saúde da cantora de música folk agravou-se na semana passada Hanka Horká/Facebook Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante. A cantora checa Hanka Horká morreu, no domingo, aos 57 anos depois de ter contraído Covid-19 intencionalmente para ter acesso a um certificado de recuperação sem ter de se vacinar. A vocalista da banda de música flok Asonance expôs-se ao vírus de forma propositada , depois de o filho e o marido — ambos vacinados — terem contraído a doença antes do Natal, informa o jornal El País . Decidiu continuar a viver normalmente connosco e preferiu apanhar a doença do que ser vacinada”, conta Jan Rek, o filho da artista. O filho da cantora, em declarações à estação pública de rádio iRazohlas.cz, acusa um movimento antivacinas de ser responsável pela morte da mãe, já que a convenceram a não vacinar-se contra a Covid-19. PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR Segundo Jan Rek, os líderes desse movimento convenceram a Hanka Horká a não se vacinar, o que faz com que tenham “as mãos sujas de sangue”. Sei exatamente quem a influenciou. Deixa-me triste que acreditasse mais em estranhos do que na própria família”, disse o jovem. O estado de saúde da cantora agravou-se na semana passada. Dois dias antes de morrer Hanka Horká utilizou as para escrever que tinha sobrevivido à Covid-19: “Sobrevivi. Agora haverá teatro, sauna, concertos e uma viagem urgente ao mar”. Na República Checa, tal como acontece em Portugal, o certificado de vacinação ou de recuperação é exigido para entrar em espaços culturais e desportivos, mas também para viajar ou para ir a bares e restaurantes. Leia também: