Financiamento às empresas e particulares continua a crescer em outubro

Financiamento às empresas e particulares continua a crescer em outubro

27/11/2021 04:52:00

Financiamento às empresas e particulares continua a crescer em outubro

Os empréstimos da banca nacional às empresas e famílias voltaram a crescer em outubro, com o crédito à habitação a acelerar 4,4% e o crédito ao consumo a subir 1,7%, em termos homólogos. Os depósitos à ordem representam já quase metade do total do montante depositado pelas famílias nos bancos portug

Os empréstimos concedidos pela banca nacional a empresas e famílias continuaram a aumentar em outubro, de acordo com os dados do Banco de Portugal (BdP) divulgados esta sexta-feira. O financiamento às empresas cresceu 4,9% em relação a outubro de 2020, enquanto os empréstimos a particulares aumentaram 4,4% para a compra de casa e 1,7% para o consumo, ambos em termos homólogos.

Também os depósitos nos bancos portugueses mantiveram a trajetória recente de crescimento, aumentando 6,9% em relação a igual período do ano passado. A nota do BdP destaca o maior peso atualmente dos depósitos à ordem neste valor total, que passaram de 20%, há cinco anos, dos depósitos detidos por particulares para os atuais 47%. Em outubro deste ano, este indicador chegou aos 169,7 mil milhões de euros.

Já as empresas registavam, no mês passado, 59,3 mil milhões de euros em depósitos, uma variação homóloga de 14,0%. No mês anterior, o indicador havia crescido 14,6% em relação a igual período do 2020. headtopics.com

Termina esta noite campanha que fica para a história pelos momentos de humor

Consulte Mais informação: Jornal Económico »

Portugal está preparado para vacinar crianças entre os cinco e os 11 anosESCUTE! ALEMANHA‼️ Se foi Marcelo q disse , confiamos ! 😂😂🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣😅😅😂 Devia tar mais eufórico tipo atirar pro ar aqueles canhões de papelinhos e fitas de carnaval

Os lobistas contra os lóbisOs lóbis existem e funcionam. Uns estão organizados e são perenes, outros conjunturais e efémeros. A clandestinidade dos lóbis tem contribuído para uma reputação duvidosa e a sua frequente ligação a interesses ínvios e obscuros. Ao optar por não legislar, a Assembleia da República perpetua esta perceção que é do interesse de muitos, inclusive dos lobistas, na medida em que os liberta de deveres e obrigações.

Os pianistas e os carregadores de pianosÉ fundamental restaurar a dignidade do trabalho, de todas as profissões sem exceção. Porque todas contribuem ativamente para o bem comum.

No Chega, os críticos são “ratos” e os votos são controladosEm 20 distritos, apareceram 38 listas para eleger delegados ao congresso do Chega. Os militantes das 18 listas da “oposição” vão conseguir fazer-se ouvir e criticar André Ventura? Viseu será um duelo sobre democracia interna. JÁ COMEÇAM? VÃO-SE COÇAR. ASSINATURAS COM VOCÊS? DE CHULOS ESTOU EU FARTO. VIVA O CHEGA, VIVA O CONGRESSO.

Mudam-se os tempos, mas não se mudam os tratosNum país onde morreram 35 mulheres em contexto de violência doméstica em 2019, 16 em 2020 e onde , só até novembro deste ano, já foram mortas 23 mulheres, 20 delas em contexto de violência doméstica e contexto familiar, temos de reconhecer que estam

Liga Europa: Olympiacos e Eintracht de Frankfurt garantem apuramento para os oitavosO resumo dos jogos do grupo D.