Francisco Louçã: ''Rangel é mau em campanhas eleitorais''

Francisco Louçã: “Rangel é mau em campanhas eleitorais“

27/11/2021 04:38:00

Francisco Louçã: “Rangel é mau em campanhas eleitorais“

Comentador da SIC acredita que Rangel vai vencer a Rui Rio.

Uns continuam à espera que o processo de asilo se conclua, outros estão fora do alcance das autoridades à espera de serem deportados. Há também quem tenha viajado para outros países da União Europeia como Espanha França ou Itália."À Margem" é uma Grande Reportagem SIC.

Consulte Mais informação: SIC Notícias »

Sempre adormeci com este artista que agora fala de outros 😂😂😂😂 só faltava este... LOL Já tu.... E não só, arre!

Não sei se Rio é Seguro, sei que Rangel não é CostaApesar das autárquicas, há o sentimento de que Rio não chega lá. Aconteceu com Seguro. A sua “abstenção violenta” transformou a vitória nas europeias em “poucochinho”. Mas Costa era presidente da Câmara de Lisboa e mobilizava a esquerda. O seu último resultado tinha sido de 51% em Lisboa, o de Rangel é de 22% nas europeias. Rio venceu três vezes a Câmara do Porto, duas com maioria absoluta. Rangel perdeu duas eleições europeias e venceu uma, contra Vital Moreira um apelo ao voto em Rio pela extrema esquerda 🥰

Registadas várias ocorrências devido ao mau tempo em S. Miguel nos AçoresVídeos - Registadas várias ocorrências devido ao mau tempo em S. Miguel nos Açores

André Ventura diz que direita está ''completamente de rastos''André Ventura diz que direita está “completamente de rastos“ Le Zemour Portugais !!

Marcelo Rebelo de Sousa viaja para Angola para participar na bienal de LuandaÉ a segunda visita a Luanda em quatro meses.

Pensar a mobilidade no meio urbanoÉ preciso lançar desde já as bases para a mobilidade que queremos para o futuro e, neste âmbito, é incontornável falar em mobilidade autónoma.

Máscaras vão ser obrigatórias em todos os recintos fechadosAs máscaras vão voltar a ser obrigatórias em todos os espaços fechados que não sejam excepcionados pela DGS, isto é, salvo indicação em contrário, anunciou esta quinta-feira o primeiro-ministro.