Covid-19. Rússia espera que regulador europeu inicie autorização da Sputnik V esta semana

Covid-19. Rússia espera que regulador europeu inicie autorização da Sputnik V esta semana

02/03/2021 19:12:00

Covid-19. Rússia espera que regulador europeu inicie autorização da Sputnik V esta semana

Mesmo sem aprovação da Agência Europeia do Medicamento, a Eslováquia e a Hungria já autorizaram a administração da vacina russa.

A Rússia espera que o regulador europeu dê início ao processo de autorização da vacina Sputnik V durante esta semana. A fórmula russa ainda não teve luz verde da Agência Europeia do Medicamento (EMA), mas a Eslováquia e a Hungria já autorizaram a sua administração.

Portugueses ainda têm €100 milhões em escudos em casa. Para o ano prescrevem Deputada Joana Mortágua é candidata do BE à Câmara de Almada 'Transmissão da Covid-19 por ar é esmagadora': o alerta dos especialistas à OMS

As primeiras 200 mil doses da vacina russa chegam à Eslováquia. Até junho deverão chegar dois milhões de doses. A Sputnik V poderá ser administrada dentro de duas semanas de forma opcional e sem restrições de idade.

Depois da Hungria, a Eslováquia é o segundo país da União Europeia a usar a vacina russa sem a aprovação da Agência Europeia do Medicamento. Também a Áustria já está em negociações com a Rússia para aquisição de doses. headtopics.com

Se no início de fevereiro, o primeiro-ministro austríaco afirmava que a administração de vacinas russas e chinesas contra acovid-19estava dependente da autorização e comercialização da União Europeia, agora aponta o dedo à hesitação da Agência Europeia do Medicamento.

República Checa e Croácia também não esperam pela luz verde europeia. Já estão em negociações para comprar a vacina russa. O Luxemburgo pode vir a seguir o mesmo caminho.Os atrasos na chegada das vacinas abrem a porta à Sputnik V que, de acordo com uma revista científica britânica, tem uma eficácia de 91,6%.

Consulte Mais informação: SIC Notícias »