Cartacapital, Carta Capital, Manuela Carta, Mino Carta, Lula, Política, Economia, Sociedade, Brasil, Progressista, Jornalismo Crítico, Transparente, Ana Luiza Basilio, Moro, Veja, İstoé, Editora Confiança, Assine Carta, Assine Carta Capital, Esquerda, Luiz Inácio Lula Da Silva, Delfim Neto, Afonsinho, Belluzzo, Revista Época, Bndes, Correios, Funai, Cidadania, Lava Jato

Cartacapital, Carta Capital

Trump provocou multidão que atacou o Capitólio, diz líder republicano no Senado

Militantes de extrema-direita foram 'alimentados com mentiras', declarou o influente legislador em discurso no Senado

19/01/2021 22:41:00

Militantes de extrema-direita foram 'alimentados com mentiras', declarou o influente legislador em discurso no Senado

Militantes de extrema-direita foram 'alimentados com mentiras', declarou o influente legislador em discurso no Senado

 “A multidão foi alimentada com mentiras”, disse o influente legislador em discurso no Senado. “Foram provocados pelo presidente e outras pessoas poderosas”, acrescentou McConnell, um fiel aliado de Trump por quatro anos.Milhares de apoiadores de Trump invadiram em 6 de janeiro o Capitólio, sede do Congresso, depois de um discurso do presidente para uma multidão reunida em frente à Casa Branca, no qual repetiu suas acusações infundadas sobre uma suposta fraude eleitoral.

'Querem me culpar pelas 200 e tantas mil mortes', diz Bolsonaro - Saúde - Estadão Lumena é a quinta eliminada do 'BBB21' com 61,31% dos votos 'Lockdown não é culpa minha: é de governadores e alguns prefeitos', diz Bolsonaro - Saúde - Estadão

Cinco pessoas morreram no caso desencadeado no Capitólio.Em 13 de janeiro, a Câmara dos Representantes acusou Trump de “incitar a insurreição”. O presidente republicano, que deixa o cargo nesta quarta-feira 20, enfrenta agora um possível impeachment no Senado.

Para condenar Trump na Câmara Alta, são necessários os votos de 17 senadores republicanos, e McConnell não descartou votar a favor da condenação.Este é o segundo processo de impeachment iniciado pelos democratas contra Trump. headtopics.com

Em dezembro de 2019, o presidente foi acusado de “abuso de poder” e de “obstruir o bom funcionamento do Congresso”.Trump foi acusado por pedir à Ucrânia que investigasse um suposto ato de corrupção vinculado ao seu rival político Joe Biden, em troca de desbloquear uma ajuda militar crucial para o país.

O Senado, de maioria republicana, o absolveu em 5 de fevereiro de 2020 após duas semanas de julgamento. Obrigado por ter chegado até aqui.CartaCapitalpreza por um jornalismo corajoso e transparente e ter você ao nosso lado nos garante a força necessária para continuarmos nesta luta pela democracia.

Torne-se nosso assinante e tenha acesso ao conteúdo integral de Consulte Mais informação: CartaCapital »

Um ano de Covid-19 em São Paulo | São Paulo | G1

O titereiro corta as cordas O fim de Trump é a cadeia O duro é que eles não deixam de acreditar.