Moro promete divulgar salário em consultoria nos EUA e fala em abuso do TCU

26/01/2022 20:58:00

Moro promete divulgar salário em consultoria nos EUA e fala em abuso do TCU

Sergio Moro, Operação Lava Jato

Moro promete divulgar salário em consultoria nos EUA e fala em abuso do TCU

'Quero ser transparente e acabar com mentiras', afirma pré-candidato do Podemos

Moro vem sendo criticado pela atuação na iniciativa privada na empresa Alvarez & Marsal, ocorrida após deixar o governo de Jair Bolsonaro, em 2020. A firma foi nomeada judicialmente para administrar a recuperação judicial de firmas que foram alvos da Lava Jato.

O ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Bruno Dantas relata procedimento sobre suposto conflito de interesses no trabalho. Críticos do ex-juiz na Câmara dos Deputados estão articulando a criação de uma CPI sobre o assunto.

Consulte Mais informação: UOL Notícias »

O Assunto #771: Os significados do 11 de agosto

No Largo de São Francisco, milhares de pessoas se reuniram ao redor das arcadas da Faculdade de Direito da USP enquanto, lá dentro, eram lidos dois documentos concebidos em resposta à escalada ofensiva de Jair Bolsonaro contra o sistema eleitoral. Um da Federação das Indústrias de São Paulo e outro - a Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em Defesa do Estado Democrático de Direito' - de professores da própria escola. Consulte Mais informação >>

Vai fazer igual as suas sentenças ... FRAUDAR DADOS ... O TCUoficial tem que ficar ATENTO a este LADRÃO FARSANTE ... MoroNaCadeia ... MoroJuizLadrao Abre o sigilo, juiz ladrão!!!!!!! Canalha!!!! MoroNaCadeia O que as pessoas querem saber não é o salario de Moro, mas os valores que recebeu da Álvaro e Marçal. Tem muita diferença.

Kkkkk abuso? Mentiroso!! Quem falou que nunca entraria para a política kkkkk Toda força a CPI E de abuso de poder vc entende né SF_Moro Olha quem está falando em abuso! Verdade com hora e dia marcados? Assim dá tempo de maquiar os números né!!!!

TCU pode acionar BB e Coaf para descobrir quanto Moro recebeu de consultoriaO pedido partiu do subprocurador Lucas Rocha Furtado e já chegou ao ministro Bruno Dantas Demorou....tem que descobrir a verdade.esse juizinho do cassete...arrebentou muitas empresas e muitos posto de trabalho...ir a fundo para saber a verdade... E o que o TCUoficial está esperando? 👍🏼👍🏼👍🏼

Todos os políticos tem que informar os rendimentos de tudo, pois se virá político sua vida é pública. Se quer privacidade viva sua vida privada longe da política, ou as regras que são aplicadas a outros políticos não funcionam com esse Senhor? É cada sacanagem... Esse é o cara da transparência?🤔 Quem é moro?

TCU define dois novos alvos em investigação sobre ganhos de MoroTribunal pretende apurar uma suposta ligação do ex-PGR Rodrigo Janot e do ex-procurador Carlos Fernando Lima com a consultoria Alvarez & Marsal Esse Moro é mais bandido do que qualquer pessoa que ele condenou Achamos um MoroNaCadeia

Procurador do TCU sugere pedir ao Coaf dados sobre honorários recebidos por Moro em escritórioLucas Furtado argumenta que Alvarez & Marsal se recusou a fornecer as informações solicitadas Rapaz! Como é DIFÍCIL 'arrancar' essa informação. Mas se fosse com o Lula, apareceria dinheiro até onde não tinha. Vamos criar VERGONHA na cara a e impor ou invés de ficar arrodeando?😡 E sobre as RACHADINHAS? Chegaram ao ponto de unirem as duas maiores Organizações Criminosas pelo PAVOR que o juiz causa a bandidagem de 'BENS'

Mônica Bergamo: Caso contra Moro no TCU pode avançar sobre gastos de empreiteiras com consultoriasMedida é estudada no processo que analisa relação do ex-juiz com a Alvarez & Marsal Ohhhhh delícia… vagabundo

Subprocurador do TCU pede medidas para obter documentos sobre saída de Moro de consultoria americana | Brasil | O DiaEx-juiz deixou o cargo em outubro, quando se lançou na política. ODia

União Brasil se divide diante de possível filiação de MoroEmbora tenha se filiado ao podemos há menos de 3 meses e inclusive tenha se lançado como pré-candidato à presidência pelo partido, Sergio Moro está agora de olho em outra legenda, o União Brasil. Nilson Klava traz os detalhes. Esse é aquele tal juiz que foi considerado suspeito pelo STF? O tal que trabalhava em conluio com o MP? Esse aí é um daqueles que quando começarem de fato os debates, vai ficar guaguejando para responder perguntas simples. A única coisa que sabe falar é sobre desvio de dinheiro. Se o perguntarem sobre educação, ele irá direcionar para desvio de dinheiro. Fraquíssimo. Entendo $$$$$$$$$

O ex-juiz Sergio Moro, pré-candidato à Presidência pelo Podemos, afirmou que vai divulgar nesta sexta-feira (28) o quanto recebeu por atuar em uma consultoria privada nos Estados Unidos.Alvarez & Marsal.” para que a consultoria americana Alvarez & Marsal , que empregou Moro depois que ele deixou o Ministério da Justiça, fosse contratada para lidar com processos de recuperação judicial das empreiteiras que estiveram envolvidas no maior esquema de corrupção conhecido no país.PUBLICIDADE BRASÍLIA - O procurador do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União (TCU), Lucas Rocha Furtado, propôs que o órgão obtenha informações junto ao Banco Central e ao Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) a respeito dos , no qual ele atuou após deixar o governo federal.

Moro vem sendo criticado pela atuação na iniciativa privada na empresa Alvarez & Marsal, ocorrida após deixar o governo de Jair Bolsonaro, em 2020. A firma foi nomeada judicialmente para administrar a recuperação judicial de firmas que foram alvos da Lava Jato. O objetivo de Furtado é “obter toda documentação relativa ao rompimento do vínculo de prestação de serviços do Sr. O ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Bruno Dantas relata procedimento sobre suposto conflito de interesses no trabalho. “O administrador judicial não presta serviços para a empresa em recuperação judicial, mas para o juiz do processo e todos os credores. Críticos do ex-juiz na Câmara dos Deputados estão articulando a criação de uma CPI sobre o assunto. O interesse público, argumenta, reside no “possível conflito de interesse do agente (ex-juiz) que, em um primeiro momento, atua em processo judicial com repercussões na esfera econômica e financeira da empresa e que, posteriormente, aufere renda, ainda que indiretamente, no processo de recuperação judicial para o qual seus atos podem ter contribuído”. "Quero acabar com essa história, com essas mentiras. "Adote medidas junto ao Sr.

Vou divulgar na sexta-feira todas essas informações: quanto que eu ganhei, quanto que eu recebi.Paulo , Moro afirmou que os valores embolsados por ele na passagem pela consultoria norte-americana representam uma “questão privada”, embora a empresa tenha de companhias investigadas pela Lava Jato. A partir dos conhecimentos de um sponsor, ou patrocinador de projetos, esse tipo de empresa levanta recursos por meio de um IPO e, na sequência, adquire empresas operacionais já existentes, por exemplo. Mostrar que eu não recebi nada de empresa investigada na Operação Lava Jato", disse Moro, em vídeo nas redes sociais nesta quarta (26). O ex-juiz e ex-ministro afirmou na gravação também que não está"cedendo ao TCU" e que o processo é um"abuso, cheio de ilegalidades". Em dezembro, Rocha Furtado já havia manifestado a intenção de compreender os termos da atuação do ex-juiz, sob."Quero ser transparente com você, com a população brasileira, como toda pessoa pública deve ser. Por trás da batalha política do TCU contra Moro está a avaliação de que esticar a corda no caso levará o ex-magistrado e pré-candidato do Podemos à Presidência a bater às portas do Supremo Tribunal Federal (STF)." Em dezembro, Bruno Dantas atendeu a pedido feito pelo Ministério Público de Contas e determinou que a Alvarez & Marsal revelasse quanto pagou ao ex-juiz.

O ministro já afirmou que atos de Moro como juiz contribuíram para a crise financeira da Odebrecht e quer saber se a consultoria foi beneficiada por eles. Na manhã desta quarta (26), Moro havia dito em suas redes:"Com medo das verdades incômodas que iriam surgir, Lula manda o partido desistir da CPI contra mim. A empresa afirma que as cifras são protegidas por uma cláusula de confidencialidade e que só poderia divulgá-las com o aval de Moro. Lula arregou". O ex-juiz, na disputa eleitoral deste ano, provavelmente enfrentará Lula, a quem condenou em processo da Lava Jato, em 2017. Ao Painel o secretário de Comunicação do PT, Jilmar Tatto, disse que o adversário apenas quer holofotes.

"Não vamos dar a ele." ic_save Mais ic_share Leia Mais Ícone fechar Voltar Ver novamente Voltar Voltar Compartilhe .