Selecionador do Gana pede ″bravura″ e espera ″jogo equilibrado″ com Portugal

23/11/2022 16:00:00

Selecionador do Gana pede 'bravura' e espera 'jogo equilibrado' com Portugal

Selecionador do Gana pede 'bravura' e espera 'jogo equilibrado' com Portugal

O treinador alemão que lidera o Gana desvalorizou eventuais fragilidades portuguesas devido ao caso de Cristiano Ronaldo.

e receba as informações em primeira mão.Por Pedro Cadima Augustine fez parte da vaga de Black Stars – outros foram Ayew, Konadu, Mark Edusei, Lamptey ou Duah – que chegaram a Leiria e Portugal nos noventas, ajudando a equipa do Lis a fazer um 6º lugar na era Mário Reis, tendo o a avançado marcado seis golos na primeira volta, um deles num empate com o FC Porto, que o abalizaram para uma transferência para o Calcio, chegando em janeiro ao Veneza de Recoba, onde ainda defrontou Ronaldo Fenómeno, num total de três jogos que não revelaram o brilhantismo esperado.Por Redação A FIFA designou esta terça-feira o árbitro norte-americano Ismail Elfath, de 40 anos, para dirigir o Portugal-Gana, na quinta-feira, dia 24 do corrente mês, em Doha, o jogo de estreia da Seleção no Mundial do Catar, no Estádio 874 (16 horas, Grupo H).Assine para partilhar E usufrua de todas as vantagens de ser assinante Otto Addo, selecionador do Gana, abordou esta quarta-feira o jogo de amanhã contra Portugal - pelas 16 horas - e, questionado sobre se a situação de Ronaldo - que ontem deixou o Manchester United por mútuo acordo - poderia ter algum impacto no desenrolar da partida, afirmou que isso"não é problema" da sua equipa.

Subscrever O treinador salientou que a intenção do Gana neste Campeonato do Mundo é"ir jogo a jogo", sendo que o foco atual está no duelo com Portugal."O nosso foco é o jogo com Portugal.Aos 48 anos, Augustine, que se fez lenda após sair de Portugal nos turcos do Ankaragucu, é membro da associação de jogadores ganeses.Temos de sobreviver à fase de grupos e, depois, ninguém sabe o que poderá acontecer.Elfath vive na capital do estado do Texas, em Austin, é casado e tem três filhos, dois deles, de 17 e 5 anos de idade (o outro tem 9), jogadores de futebol – o primeiro é defesa, o segundo «ainda procura a sua posição», confirmou o próprio Elfath em entrevista dada ao site ‘Austin American Statesman’.Temos um objetivo, que é ganhar a Portugal, o que será muito difícil.E depois de vermos o que fizeram contra a Suíça no último amigável, acho que podem concordar comigo», avisa Augustine, aludindo ao triunfo dos africanos sobre os helvéticos por 2-0.Depois disso, veremos", referiu.Não acho que nada possa distrair ninguém", referiu em conferência de imprensa.

Por outro lado, Addo relativizou as questões à volta de Cristiano Ronaldo e a sua saída recente do Manchester United, vincando que"não é um problema" do Gana.Eu aposto numa grande prova do Salis do Lens.Este antigo avançado, que na adolescência percebeu que «não levava muito jeito, o melhor era ir para árbitro» - depois de também ter jogado basquetebol e futebol de rua - confessou ao site da cidade onde reside nos EUA ser « um sonho tornado realidade» estar no Mundial, «pináculo de uma carreira» que, revelou, o leva a, por ano, passar em média 140 noites longe da família, para dirigir encontros."Honestamente não me interessa, não é um problema nosso se essas questões podem afetar Portugal.Todos querem ganhar jogos e este é um grande jogo, um jogo de Campeonato do Mundo, portanto acho que ninguém se sentirá afetado com o que quer que seja", disse.«Gana chega a este Mundial e a este primeiro jogo com Portugal com espírito renovado e bastante confiança.Também André Ayew, capitão da seleção africana, admitiu que o momento de Ronaldo"não é um problema" dos ganeses, salientando que a formação lusa tem"grandes profissionais, que jogam em grandes equipas e que certamente estão preparados".O também norte-americano Armando Villarreal será o VAR."Portugal é favorito no papel, mas nós temos de contrariar isso.Nesse aspeto, Portugal deve ter cuidados redobrados», alerta Augustine, que também foi jogador do Boavista na sua etapa portuguesa..

Vamos defrontar uma equipa que foi campeã europeia há uns anos, com jogadores de nível mundial, mas vamos tentar dificultar-lhes a vida.Nestes grandes torneios, as surpresas podem acontecer.Vinha jogando na Suíça, mas sentia que era apenas alguém parte da equipa, em Leiria senti que era eu quem liderava o ataque.Precisamos de estar preparados e vamos fazer tudo o que pudermos para tirar algo deste jogo", antecipou o avançado, de 32 anos.Ayew, que joga precisamente no Qatar, no Al-Sadd, recordou ainda o encontro entre as duas seleções no Mundial 2014, no qual participou e em que Portugal venceu por 2-1, realçando que os dois conjuntos"mudaram muito" desde então.Ele adorava-me, falo mesmo a sério, senti que gostava de mim como é raro sentir-se."Muitos jogadores de Portugal nessa altura ainda se mantêm, mas no Gana só me mantenho eu e o meu irmão [Jordan Ayew].

São jogos diferentes.Fico muito feliz por saber que ainda é vivo», afirma, depois de pedir um esclarecimento sobre o antigo técnico.As duas equipas evoluíram muito desde então.Portugal ganhou o Europeu [de 2016], entretanto, e nós temos uma geração muito boa.Bernardo Silva é, atualmente, o jogador que mais me maravilha», invoca.Vamos tentar complicar o dia a Portugal ", concluiu o jogador, que vai participar no terceiro Mundial, depois do África do Sul 2010 e Brasil 2014.Partilhar.

Consulte Mais informação:
Diário de Notícias »
Loading news...
Failed to load news.

Jogou em Portugal e garante: «Gana com espírito renovado e bastante confiança» (Gana )A BOLA, toda a informação desportiva. Acompanhe todas as notícias do seu clube ou modalidade preferida, para onde quer que vá.

Ismail Elfath: vida do árbitro do Portugal-Gana é conto de fadas (Portugal)A BOLA, toda a informação desportiva. Acompanhe todas as notícias do seu clube ou modalidade preferida, para onde quer que vá.

Selecionador do Gana e situação de Ronaldo: «Não quero saber, não é um problema nosso»Mundial 2022 - Selecionador do Gana e situação de Ronaldo: «Não quero saber, não é um problema nosso»

Rúben Dias diz que o 'foco é ganhar ao Gana e nada mais'Portugal e Gana jogam na quinta-feira, às 19h00 locais (16h00 em Lisboa).

«Temos o objetivo de ganhar a Portugal, o que será muito difícil»Otto Addo, selecionador do Gana, pede bravura aos seus jogadores antes do duelo com a seleção lusa

O polvo vidente garante que Portugal vai ganhar ao Gana (veja o vídeo)Descendente do Polvo Paul, que se tornou célebre em 2010, o polvo Paulo Júnior foi confrontado com duas caixas com os símbolos das equipas e a escolha foi clara.