″Sócios gostavam de saber o que se passa antes de saberem pelo MP″

14/01/2022 10:03:00

'Sócios gostavam de saber o que se passa antes de saberem pelo MP'

Desporto, Rui Costa

'Sócios gostavam de saber o que se passa antes de saberem pelo MP'

Na reação à entrevista de Rui Costa , Francisco Benítez levantou dúvidas sobre a operação Cartão Vermelho. Capristano e Paulo Madeira gostaram das explicações do presidente.

SubscreverMas o que mais custou lhe custou foi ter conhecimento de que o Benfica não vai constituir-se assistente no processo Cartão Vermelho."Se o fizéssemos, podíamos ter a certeza mais rapidamente daquilo que todos presumimos, de que o clube foi roubado por algumas pessoas. E podíamos agir", realçou.

O candidato derrotado nas últimas eleições lamentou ainda"a confiança cega" de Rui Costa em Domingos Soares de Oliveira e Miguel Moreira:"Gostaria que houvesse uma alteração de comportamento para com duas pessoas que são arguidas e que alegadamente prejudicaram o Benfica."

Consulte Mais informação:
Diário de Notícias »

Djokovic admite ter furado isolamento e lapso na declaração de entrada na AustráliaO tenista admite que deu entrevista ao jornal francês L´Équipe depois de saber que estava infectado, considerando que foi um “erro de julgamento”. Lapso 🤣🤣🤣🤣🤣 Oooops? Que mau caráter esse “ cidadão do bem “

Cláudio Ramos vai de férias e deixa fãs 'preocupados': 'Alguém sabe que se passa?'Cláudio Ramos despediu-se dos espectadores na passada sexta-feira no programa 'Dois às 10', da TVI, e sem avisar não marcou presença no matutino da estação de

Estudo sugere que covid-19 é mais prejudicial no fim da gravidezDe acordo com as conclusões, 'partos prematuros, nados-mortos e morte infantil são mais comuns entre as mulheres que foram infetadas pelo vírus até 28 dias antes da data do parto'. Agora querem foder as grávidas!

Fama indesejada: Janny Sikazwe, o árbitro mais famoso do mundo por estes diasDecisão de terminar um jogo da CAN antes do tempo por duas vezes tornou-se mediática

Habitação, um problema que não deveríamos terTemos espaços vazios nas cidades, capacidade de construção e meios de financiamento suficientes, pelo que não deveríamos ter o grave problema de habitação que temos.

e receba as informações em primeira mão.Foto EPA/JAMES ROSS O tenista sérvio Novak Djokovic admitiu esta quarta-feira ter cometido “um erro de julgamento” ao ter estado presente numa entrevista quando devia estar em isolamento, depois de receber um teste de covid-19 positivo., na altura, que o apresentador estava a usufruir de umas merecidas férias, depois um longo ano de trabalho marcado pelo regresso ao ‘Big Brother’, ao lado de Manuel Luís Goucha.e receba as informações em primeira mão.

Subscrever Mas o que mais custou lhe custou foi ter conhecimento de que o Benfica não vai constituir-se assistente no processo Cartão Vermelho."Se o fizéssemos, podíamos ter a certeza mais rapidamente daquilo que todos presumimos, de que o clube foi roubado por algumas pessoas. Num comunicado publicado na sua conta na rede social Instagram , para abordar o que diz ser “a desinformação sobre as suas actividades e presença em eventos em Dezembro”, Djokovic afirma ter feito um teste PCR a 16 de Dezembro, apesar de não ter sintomas e de ter um autoteste negativo, por precaução. E podíamos agir", realçou. Alguém sabe que se passa? Oxalá seja por bem e esteja de férias. O candidato derrotado nas últimas eleições lamentou ainda"a confiança cega" de Rui Costa em Domingos Soares de Oliveira e Miguel Moreira:"Gostaria que houvesse uma alteração de comportamento para com duas pessoas que são arguidas e que alegadamente prejudicaram o Benfica. Apesar de Djokovic dizer que só teve conhecimento do resultado do teste no dia seguinte, os documentos submetidos no tribunal na Austrália dizem que ele foi testado e diagnosticado logo a 16 de Dezembro ." Assinaturas e Jesus Benítez criticou ainda Rui Costa por"ter confessado que assinou documentos apenas por ser administrador da SAD e quando ele disse que se fosse qualquer outra pessoa a estar no seu lugar também teria assinado". Concluíram que a taxa de mortes perinatais para as grávidas que tiveram covid-19 nos 28 dias antes do parto era de 23 em mil, enquanto antes da existência da covid-19 essa taxa era de seis em mil.

"Tal demonstra uma grande ligeireza e irresponsabilidade, pois não se pode assinar documentos de compra de passes de jogadores sem saber o que se está a assinar, sob pena de comprarmos um jogador por mais de 3 milhões de euros quando ele estava avaliado em 25 mil euros". “Senti-me obrigado a ir à entrevista com L'Equipe porque não queria desapontar o jornalista, mas mantive a minha distância social e a minha máscara facial, excepto durante a sessão fotográfica. Por outro lado, entende que"foi a trapalhada total" quando Rui Costa abordou o processo de saída de Jesus:"Foi a parte pior da entrevista, porque entrou em contradições e mostrou que não teve rédeas na condução do processo, ao não conseguir segurar o balneário." O empresário lamenta ainda"o registo"vieirista" de Rui Costa, dizendo constantemente que está a perder dinheiro por estar no Benfica". Djokovic sublinhou ainda que a declaração de entrada na Austrália foi preenchida pela sua equipa de apoio em seu nome, classificando o caso como um “erro administrativo” e “humano”, não deliberado. De resto, na sua opinião, o atual presidente devia fazer uma maior demarcação em relação ao antecessor."A constituição da sua lista é um sinal claro de continuidade em relação a Vieira. O comunicado não aborda as suspeitas sobre a autenticidade do teste positivo que lhe deu a entrada na Austrália para participar no Open, já que o tenista não é vacinado e é contra a vacinação obrigatória. A investigadora e obstetra Sarah Stock, da Universidade de Edinburgo, que é co-autora do estudo, afirmou que os dados sugerem que"a vacinação durante a gravidez não aumenta o risco de complicações, mas a covid-19, sim".

Todos os benfiquistas já perceberam que é preciso mudar de página, mas Rui Costa parece que tem medo de cortar o cordão umbilical. Ele pode não ter lucrado nada, mas pelo menos foi cúmplice. O velho ditado diz que"ladrão não é apenas aquele que rouba mas também quem fica à espreita"", atirou. O empresário gostaria ainda de perceber qual a relação que o Benfica pretende estabelecer com John Textor:"Rui Costa disse que a SAD nunca vai perder a maioria, mas isso é algo que nem me preocupa muito. O que me importa é que não seja perdido o poder executivo da SAD e isso não ficou claro.

" Demarcar-se de Vieira José Manuel Capristano, antigo vice-presidente do Benfica, faz um"balanço globalmente positivo" da entrevista."Mostrou que domina quase todos os dossiês e teve uma enorme importância a defesa que fez de Domingos Soares de Oliveira, o principal responsável pelo facto de o Benfica ter um ativo superior ao passivo, caso único nos grandes clubes portugueses". E não concorda que Rui Costa deva afastar-se de Vieira:"O segredo de justiça em Portugal é uma vergonha. Pessoas que ainda estão a ser investigadas são declaradas culpadas na praça pública. Ao assumir que será implacável caso algumas das acusações a Vieira sejam provadas, é óbvio que está a demarcar-se.

" Capristano gostou também de ouvir que"será dada uma maior importância à formação no plantel principal". E ficou agradado com as explicações a respeito da saída de Jesus:"Não foram os jogadores que mandaram embora o treinador, porque foi ele que percebeu não ter condições para continuar, depois dos jogadores se terem unido." E assegura que Rui Costa é o homem certo,"pois é culto, ponderado e grande conhecedor do futebol, em termos nacionais e internacionais". Paulo Madeira defende que"foi uma boa entrevista, em que foram focadas as questões da atualidade, com Rui Costa a explicar tudo com clareza". E ficou convencido de que não foram os jogadores a despedir Jesus,"pois foi Rui Costa quem tomou a decisão, ao perceber que o treinador não tinha condições para dar a volta à situação".

O ex-internacional português defende que"ao contrário do que já se andava a dizer, as escutas demonstram não existirem provas de que Rui Costa sabia de eventuais ilegalidades". E acrescenta:"As pessoas falam nas assinaturas dele... A verdade é que ele, como administrador da SAD, teve de assinar aqueles documentos, como assinou certamente muitos outros que não são do conhecimento público".

.