“Não aceito lições do PSD sobre pensões”, diz ministra

14/09/2022 16:00:00

“Não aceito lições do PSD sobre pensões ou sustentabilidade da Segurança Social”, diz ministra

“Não aceito lições do PSD sobre pensões ou sustentabilidade da Segurança Social”, diz ministra

Em 2024, os aumentos das pensões serão determinados em função da avaliação feita em 2023 e tendo em conta os contributos da comissão criada para estudar a sustentabilidade da Segurança Social.

“Não aceito lições do PSD sobre pensões ou sustentabilidade da Segurança Social.Costa garante: "Até ao final de 2023 os pensionistas recuperarão o poder de compra".e receba as informações em primeira mão.Receber alertas Foto Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho e Segurança Social, durante a apresentação do pacote de apoios às famílias Daniel Rocha Indexante dos Apoios Sociais (IAS) que, neste momento, é de 443,20 euros e serve de referência para a atribuição e cálculo de um conjunto de prestações sociais, das propinas ou do patamar de isenção de IRS.

” A frase categórica é da ministra do Trabalho e da Segurança Social, que está esta quarta-feira a ser ouvida no Parlamento.Ana Mendes Godinho reiterou que o aumento das pensões em 2024 ainda não está definido , mas reconheceu que o Executivo avalia a aplicação da fórmula de cálculo de atualização das pensões e opta por não a aplicar sempre que não responde à conjuntura.Reforça a garantia que"até ao final de 2023, os pensionistas recuperarão o poder de compra face à inflação deste ano".“Os únicos anos em que houve diminuição das pensões pagas foi nos amos de governação do PSD, quando o PSD decidiu não aplicar a fórmula [de atualização das pensões] para cortar e pagar menos”, disse Mendes Godinho, na audição regimental desta quarta-feira.As autoridades ucranianas têm relatado êxitos na região de Kherson, no sul, ocupada pela Rússia e na fronteira com a Crimeia anexada, e nas regiões orientais sob o controlo de separatistas pró-russos desde 2014.“Nós avaliamos a aplicação da fórmula e, quando não responde ao momento em que vivemos, não a aplicamos” , frisou, dando como exemplo o facto de, nos últimos seis anos, o Executivo ter optado por “não a aplicar nos seus termos para garantir” um maior aumento do rendimento dos pensionistas..Ou seja, com a aplicação da fórmula, os pensionistas teriam tido um aumento médio de 6,1%.

E, “por considerar que da aplicação da fórmula resultava em perder de rendimento das pensões mais baixas”, foi feito um aumento extraordinário que ditou uma subida média de 14%.A ONU apresentou como confirmados desde o início da guerra mais de 5..

Consulte Mais informação:
ECO »
Loading news...
Failed to load news.

Me too Do psd nao aceitas e com razão mas do pcp tens e deves aceitar lições KKKKKKK uma tonta A resposta que interessa aos portugueses 🤡🤡🤡 E diz bem pois da última vez que se meteram nisso foi o que se viu. Só aceita do governo de Sócrates Bem respondido. Se a SS tem um saldo positivo de mais mil milhões e o desemprego está em mínimos históricos com contribuições em número recorde, onde está o problema? Só na cabeça dos PPDers

A senhora saberá quantas vezes o antecessor jurou ter a solução para a sustentabilidade da ss? E diz muito bem Só tem q defender interesses dos reformados e nao permitir saque ás pensoes e demonstrar q dá mais ou tira como Passos ultrapassamdo o.O tempo das ofendidas acaBou.Quere se acao e os aumentos merecidos.

Costa garante:Até ao final de 2023 os pensionistas recuperarão o poder de compra. E 2024?Não me vou pôr a discutir - CNN Portugal“Eu fui muito claro na minha intervenção“, afirma o primeiro-ministro em entrevista exclusiva à TVI. Reforça a garantia que “até ao final de 2023, os pensionistas recuperarão o poder de compra face à inflação deste ano“. Em relação ao ano de...

Então fica entregue ao analfabetismo …. Essa senhora que veja o que está a acontecer com o pedido de reformas por invalidez! Porque segurança social não dá respostas aos pedidos das pessoas! Incluindo eu! É por não aceitar lições que é uma burra do crlh. Pois não. Moral é coisa que os xuxas tem alergia O pior cego é o que não quer ver

Ninguém quer dar lições. Quer que vocês governem e se deixem de propaganda Cagona E muito Bem! Lições do PSD são para repetentes...e o PS já está muitos anos à frente!

Ucrânia: Zelensky anuncia orçamento de 27 mil milhões de euros para a defesa em 2023Presidente da Ucrânia indicou também que a Ucrânia retomou o pagamento de pensões aos reformados que vivem nos territórios ucranianos reconquistados às forças russas desde o início da contraofensiva por Kiev.

Governo em silêncio sobre aumento das prestações sociais em 2023Depois de ter anunciado uma suspensão da fórmula de actualização das pensões no próximo ano, ainda não é claro como é que o Governo vai actualizar o indexante que determina o acesso e o valor de vários apoios sociais ou o patamar de isenção de IRS.

Pacote anti-crise atira 4 mil milhões de despesa para o Orçamento de Estado de 2023O aumento médio das pensões e a atualização regular das prestações são as medidas com maior impacto: vão pesar 1 427 milhões euros no próximo ano, cerca de dois quintos do valor que transita para 2023.

L’Équipe revela: Mbappé pode sair em 2024 do PSG (França)A BOLA, toda a informação desportiva. Acompanhe todas as notícias do seu clube ou modalidade preferida, para onde quer que vá.