Coronavírus Covid-19 Marcelo Rebelo De Sousa İnfarmed Peritos Presidente Da República

Coronavírus Covid-19 Marcelo Rebelo De Sousa İnfarmed Peritos Presidente Da República

Marcelo reforça apelo e admite novas restrições

16/09/2021 21:16:00

As intervenções dos peritos que estiveram, esta quinta-feira, reunidos com os atores políticos no Infarmed, já terminaram e o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fez uma declaração final, na qual voltou a fazer um apelo à responsabilidade individual dos portugueses.

Filmagens da nova série da 'Guerra dos Tronos' põem Monsanto em 'estado de sítio' Gasóleo volta a subir na próxima semana Ator Alec Baldwin ​​​​​​​matou uma pessoa a tiro durante rodagem de filme

Embora tenha reconhecido que a situação epidemiológica “é um fechar de uma página”, Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de sublinhar que não se trata da “conclusão de um processo". "A pandemia não terminou, continua a haver internados nos cuidados intensivos e mortos", sublinhou.

Insistindo naquele que tem sido o seu apelo desde o início da pandemia, o chefe de Estado lembrou: "Não é possível separar a saúde individual da saúde pública"."É um apelo que não é novo para os portugueses, que têm correspondido. Na rua, mesmo neste momento em que houve um passo no sentido de acompanhar a responsabilidade individual em vez de regras obrigatórias, as pessoas reagiram de forma diversa. É esse o grande apelo", disse. headtopics.com

Para o Presidente, "há duas situações em que esse apelo tem de estar bem presente", referindo-se ao início do ano letivo e à época de festas do Natal e do Ano Novo."Foi aqui explicado o que vai ser o conjunto de cenários do futuro, quais os desafios imediatos. O estudo dos que podem vir a ser considerados como destinatários da terceira dose, a importância dos testes, a importância sublinhada pela Diretora Geral da Saúde de aplicar as regras gerais da transição para uma nova fase, como as situações de lares e transportes públicos, onde há um risco maior", afirmou ainda.

Marcelo garantiu também que "se vai acompanhar atentamente o aparecimento de novas variantes" e admitiu que se forem necessárias medidas mais apertadas que "essas restrições serão impostas". Consulte Mais informação: Jornal SOL »

Desconfinamento: levantamento de todas as regras não será imediatoEspecialistas propõem levantamento de restrições.

Setor da pecuária repudia restrições nas ementas das escolasNo documento divulgado esta terça-feira, o manifesto 'Por uma alimentação consciente em Portugal', os representantes do setor 'repudiam e condenam' o despacho do Governo, publicado em agosto, que regula as ementas escolares, excluindo, a partir deste ano letivo, alimentos como alguns produtos de charcutaria ou hambúrgueres

Governo não confirma fim das restrições mas diz que 'é natural que haja flexibilização''É um dia muito importante para o país e para a população portuguesa quando se atingiu os 81% de esquema vacinal completo e os 86% de primeiras doses', afirmou o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Lacerda Sales.

Peritos vão sugerir levantamento de quase todas as restrições: o que está em causaProposta será feita na reunião do Infarmed desta quinta-feira. A SIC falou com alguns especialistas.

Covid-19: Macau dá Portugal como exemplo e apela à vacinação para aliviar restriçõesMacau usa Portugal como exemplo, dizendo que está quase 'a voltar à normalidade', pelo esforço realizado na vacinação

Bruxelas reforça luta contra evasão e fraude fiscaisVon der Leyen anuncia proposta de lei europeia para “tributar lucros ocultos de empresas de fachada”.