Ana Gomes, Livre, Presidenciais, Marcelo Rebelo De Sousa, Miguel Albuquerque

Ana Gomes, Livre

Livre reconhece ″pontos em comum″ com Ana Gomes

Livre reconhece 'pontos em comum' com Ana Gomes

23/05/2020 11:44:00

Livre reconhece 'pontos em comum' com Ana Gomes

Presidenciais são em janeiro de 2021 e já há três possíveis adversários para Marcelo Rebelo de Sousa.

SubscreverOs estatutos do Livre não definem a forma de escolha de uma candidatura a apoiar, no entanto, Pedro Mendonça garantiu que esta passará obrigatoriamente pela Direção (Grupo de Contacto) e Assembleia, que poderão sempre consultar os membros do partido.

Pinto da Costa foi o único presidente que não manifestou apoio a Luís Filipe Vieira França anuncia a morte do chefe da Al-Qaida no Magrebe Islâmico Parlamento recomenda ao Governo que adopte medidas de combate ao racismo – só Ventura votou contra

O Livre e Ana Gomes têm uma ligação política conhecida publicamente, tendo a ex-eurodeputada marcado em eventos dinamizados pelo partido.No passado dia 9 de maio, Ana Gomes participou numa conversa online, dinamizada pelo partido, com o fundador e historiador Rui Tavares, a propósito do Dia da Europa - iniciativa na qual já tinha participado em 2019, na altura com Joacine Katar Moreira, ainda candidata à Assembleia da República pelo partido.

Nas últimas eleições presidenciais, o Livre apoiou publicamente o candidato António Sampaio da Nóvoa, tendo sido a escolha feita pelos membros e apoiantes do Livre e pelos subscritores da candidatura cidadã `Tempo de Avançar´, através de uma consulta interna onde o candidato recolheu 87,1% dos votos.

Marcelo, Ana Gomes, Miguel Albuquerque e André VenturaAs presenciais marcadas para janeiro de 2021 tomaram conta do panorama político nacional. Com Marcelo Rebelo de Sousa lançado por António Costa a um novo mandato e Ana Gomes (PS), Miguel Albuquerque (PSD) a ponderarem candidaturas. André Ventura já se assumiu como candidato.

No domingo passado, Ana Gomes afirmou que vai refletir sobre as presidenciais, embora não ambicionasse ser candidata, por considerar que"mudou muita coisa" com o primeiro-ministro a antecipar um segundo mandato de Marcelo Rebelo de Sousa.

Ana Gomes falava na SIC Notícias a propósito das declarações do primeiro-ministro e secretário-geral do PS, António Costa, na Volkswagen Autoeuropa, manifestando a expectativa de regressar àquela fábrica com o atual Presidente da República, já num segundo mandato, dando como certa a sua recandidatura e reeleição.

Já esta quinta-feira, o presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque admitiu que tem sido desafiado a avançar para a corrida a Belém, para fazer frente à dupla Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa. Em declarações ao Observador, Albuquerque acusou mesmo o atual chefe de Estado de ser"bengala do Governo".

Identificados autores de apedrejamento de jogadores do Benfica Bébé sem rosto. Ordem expulsa obstetra “Ninguém queria a censura de Goebbels mas também ninguém queria voltar a ouvir as ideias de Hitler”: redes sociais e liberdade de expressão

O primeiro a anunciar a ida a votos contra Marcelo foi André Ventura do Chega. Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

A mulher que nos últimos 6 meses tem sugerido que se ignore a constituição para libertar o Rui Pinto, condenar o Benfica, etc... quer agora jurar a defesa por essa mesma constituição !!! O COVID19 mudou mesmo o mundo em 2 meses. E com a Constança também! Fartos de putas e filhos da puta.! Força Ana...chega-te à frente!!!

'A peixeira strikes back' Se estiver à espera do livre para aspirar ganhar, bem pode esperar sentada. O livre é um saco de gatos. Boçalidade não se compara com nada .. Também já tinha reparado, são iguais na parte do populismo e demagogia.

Ministro do Ambiente diz que acesso às praias é livreOs grupo têm de estar a um metro e meio de distância.

Sinal vermelho não impede acesso à praia: 'O acesso à praia é livre', afirma Matos FernandesSerá que o resto da malta incluindo as autoridades, sabem disso ou é mesmo só para o ministro!?

Ministro esclarece: acesso à praia é livre, 'vermelho não é proibição de entrar'Matos Fernandes diz que 'no caso de haver um incumprimento reiterado' essa praia 'poderá ser encerrada'

Rodrigo Lopes: «Somos os mesmos mas treinamos ao ar livre»Judo - Rodrigo Lopes: «Somos os mesmos mas treinamos ao ar livre»

Mais atividade ao ar livre e calçado trocado à porta. As regras para o pré-escolar reabrirO distanciamento deve ser mantido, mas sem abdicar do direito de brincar, segundo as orientações do Ministério da Educação. Crianças devem evitar levar brinquedos pessoais e os educadores devem privilegiar as atividades ao ar livre. A educação pré-escolar reabre a 1 de junho. Em atualização

Ministro diz que acesso à praia é livre. Vermelho não é proibição de entrarO ministro do Ambiente garantiu esta quinta-feira que 'o acesso à praia é livre' e que o sinal vermelho é um aviso, mas não impede a entrada de pessoas, embora o 'incumprimento reiterado' possa levar ao encerramento. Vermelho a cor preferida dos portugueses😅😂