CDS tem dezenas de concelhias sem líder. “Chicão” perdoa quotas

CDS tem dezenas de concelhias sem líder. “Chicão” perdoa quotas

17/10/2021 12:20:00

CDS tem dezenas de concelhias sem líder. “Chicão” perdoa quotas

Nuno Melo revelou que há 150 estruturas locais sem dirigentes eleitos. Meia centena vai a votos, o pagamento de quotas será facultativo

JornalistaNuno Melo, candidato desafia­dor de Francisco Rodrigues dos Santos às eleições do CDS-PP, antecipadas em dois meses, para 27 e 28 de novembro, afirma que metade das comissões políticas locais do partido caducou os mandatos, limbo que as tropas do eurodeputado dizem ser “um sinal de preocupação e reflexo da baixa implantação do partido” no país real. Segundo fonte do grupo do Porto, o vazio de lideranças a nível local acontece “por falta de comparência de candidatos”, cenário que para os críticos de “Chicão” confirma “a fraqueza do partido fundador da democracia portuguesa”.

Francisco Louçã: ''Rangel é mau em campanhas eleitorais'' Otamendi e o golo anulado em Barcelona: «Nunca vi igual» Regulador norte-americano afirma que comprimido anti-covid-19 da Merck é eficaz

A menos de mês e meio do congresso, as convocatórias eleitorais concelhias multiplicaram-se desde o Conselho Nacional, domingo, estando já marcados 49 sufrá­gios, entre o final de outubro e início de novembro, de norte a sul do país. Entre as estruturas que vão às urnas estão Alfândega da Fé, Figueiró dos Vinhos, Nazaré, Marinha Grande, Condeixa-a-Nova, Vendas Novas, Santiago do Cacém, Barreiro, Grândola, Évora, Estremoz e Redondo. Para incentivar a ida a votos, a secretaria-geral do partido nota que para os militantes votarem “o pagamento de quotas é facultativo e em nada limita os direitos estatutários”, apesar de apelar “ao sentido de militância”: “Contamos com o contributo de todos.” No site, é referido que o valor mínimo a pagar é de €6.

Consulte Mais informação: Expresso »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Nuno Melo e Rodrigues dos Santos na escola de quadros do CDS-PPOs canditados à liderança centrista vão participar, em dias diferentes, na escola de quadros do CDS.

Nuno Melo arranca este fim de semana campanha interna para a liderança do CDS-PPObjetivo do candidato à liderança do CDS passa por 'ouvir as estruturas do partido, os militantes e trocar impressões'.

CDS-PP: Nuno Melo arranca este fim de semana campanha interna para a liderançaO eurodeputado Nuno Melo anunciou no último fim de semana que é candidato à liderança do partido como “uma obrigação e um imperativo de consciência” face à “progressiva perda de relevância própria” do partido, propondo-se “unir” e “chamar os que estão afastados”.

Melo critica líder do CDS por admitir adiar congresso em caso de chumbo do OECandidato a presidente do CDS-PP, Nuno Melo defende que, 'sejam quais forem os cenários do Orçamento de Estado, na generalidade ou na especialidade', o partido 'tem de mudar', argumentando que 'se já era desejável, agora é imperativo'.

Madeira: CDS satisfeito com redução do IRS nos 3.º 4.º escalões no Orçamento da RegiãoO CDS quer também, com as verbas do PRR orçamentadas para a habitação (176 milhões de euros), que se dê prioridade à construção de habitação a custos controlados de modo a possibilitar sobretudo aos casais mais jovens acesso a habitação, quer através de renda ou compra, mas que este custo não ultrap

CDS, o esbracejar de um partido náufragoA expectativa para o próximo congresso do CDS só pode ser muito baixa. Já houve vários momentos em que o CDS se incendiou em torno de congressos, mas o nível da argumentação surge agora como rasteiro de mais, apenas reduzido a manifestações de raiva