Pessoas, Carolina Deslandes

Pessoas, Carolina Deslandes

Caso Carolina Deslandes: cantora queixa-se de ser ″roubada″, bar do Porto nega acusações de maus tratos

Carolina Deslandes queixa-se de ser 'roubada' em bar do Porto

22/10/2021 22:56:00

Carolina Deslandes queixa-se de ser 'roubada' em bar do Porto

Cantora diz que ficou sem casaco, mala e um par de ténis, antes de atuar, e que foi maltratada pelo proprietário do Hot Five, que ao JN garante estar 'de consciência tranquila'.

Cantora diz que ficou sem casaco, mala e um par de ténis, antes de atuar, e que foi maltratada pelo proprietário do Hot Five, que ao JN garante estar"de consciência tranquila".Um dia depois de ter estado no Porto para participar no concerto que a também cantora e amiga Irma deu no bar Hot Five, Carolina Deslandes usou as redes sociais para revelar que lhe roubaram a mala, o casaco e uma caixa com uns ténis dentro do espaço, quando as duas se preparavam para atuar.

Marcelo em Angola. Presidente recusa associar visita às presidenciais Reino Unido detetou dois casos da nova variante Omicron Discotecas. Setor propõe centros de testagem gratuitos nas zonas de diversão noturna

"Cheguei para fazer o ensaio de som, na sala de espetáculos, e pousei as minhas coisas na cadeira. Fiz o ensaio de som e a seguir fomos maquilhadas e penteadas na casa de banho. Eu disse à Irma que não ia estar a levar as minhas coisas, ia deixá-las ali", conta. Carolina lembra que o clube ainda estava fechado e que se apercebeu de que lhe tinham levado as coisas quando as equipas de produção regressaram do jantar, ao qual ela e Irma não foram.

No vídeo publicado no Instagram, a artista queixa-se que o proprietário do bar, apesar de se ter prontificado a ver as imagens na câmara de videovigilância, demorou duas horas a fazê-lo, preferindo abrir as portas ao público. headtopics.com

Contactado pelo JN, o dono do Hot Five, Alberto Índio, garante estar"de consciência tranquila", antes de dar a sua versão do sucedido. O também músico explica que o espaço foi cedido a uma produtora, Casulo, que organizou o espetáculo."Às 16.30 horas abri a porta e entreguei as chaves às pessoas da produção. Quando saíram para jantar, inadvertidamente, alguém deixou a porta do palco aberta e foi nessa altura que as coisas desapareceram. Quando eu chego às 9 da noite já tinha muita gente à porta e lá dentro andavam à procura das coisas da Carolina." Índio lembra ainda que"foi o road manager da Irma que pediu para não ver as imagens antes do concerto, pois a Carolina podia enervar-se e já não querer atuar". Entretanto, já avançou com uma queixa na polícia,"visto que houve uma salto que foi documentando".

Acusado por Carolina de ser"uma pessoa mal formada", Índio também nega que não lhe tenha dirigido a palavra, reconhecendo que, de facto, houve um problema com os cartões de consumo, pois"ela estava com quatro amigos e só pagaram três cartões"."Mas eu nem estava na caixa, ao contrário do que ela diz", conclui Alberto Índio.

Consulte Mais informação: Jornal de Notícias »

Novo estudo sobre a origem da Covid-19 aponta para mercado de Wuhan

É tanto drama na vida dessa senhora que já ninguém leva nada a sério … MAs o ténis agora cabe numa caixa? no Porto são sapatilhas !!!!!! Será que quis dizer um par de pénis? Ela que mande investigar, podem ser do Chega !

Francisco J. Marques defende Conceição: «Começa a ser tempo de o reconhecer e respeitar»FC Porto - Francisco J. Marques defende Conceição: «Começa a ser tempo de o reconhecer e respeitar» Como é que se respeitar um treinador que é malcriado e nem sequer tem hombridade de cumprimentar os colegas de profissão És mesmo totó FJM,o teu treinador já não tem emenda. É o ADN dele!

Regras restritivas da pandemia acabam nas visitas às cadeias a partir de 1 de novembroAcrílicos das salas de visita, que separam os reclusos dos seus familiares vão ser retirados.

Metade dos municípios da Área Metropolitana do Porto vai mudar de autarca em 2025PSD e PS têm três cada um a cumprir último mandato. Rui Moreira, independente, e CDS são os restantes.

Preço mais baixo leva portugueses a abastecer na fronteira de Chaves com EspanhaA subida dos preços de combustível em Portugal fez aumentar a procura pelo abastecimento na fronteira em Espanha, como é o caso de empresários, reformados ou até emigrantes da zona de Chaves.

Cerimónias fúnebres de Armanda Passos realizam-se sexta-feira na Igreja da Lapa, no PortoArtes: Cerimónias fúnebres de Armanda Passos realizam-se sexta-feira na Igreja da Lapa, no Porto

Jair Bolsonaro acusa CPI de não fazer nada ''produtivo'' e cultivar ''ódio e rancor''Jair Bolsonaro acusa CPI de não fazer nada 'produtivo' e cultivar 'ódio e rancor' Quem cultiva ódio, rancor e cadáveres, é Jair Bolsonaro. A CPI fez um bom trabalho revelando seus crimes. Nosso presidente é um criminoso mau e perverso e será preso. Exato, fato. Foram somente narrativas sem provas. Uso político claro e explícito. Tudo mentira, tudo invenção, só para acabar com imagem do Presidente. Este Renan Calheiros e um grande corrupto e vagabundo. Gastaram dinheiro público para uma merda de um relatório falso. Vergonha