Crime Terrorismo Reino Unido Parlamento

Crime Terrorismo Reino Unido Parlamento

Assassino de deputado britânico leal ao Daesh

21/10/2021 20:51:00

Ali Harbi Ali, de 25 anos, que esfaqueou 17 vezes o deputado conservador David Amess, descreve-se a si mesmo como militante do Estado Islâmico, declarou o procurador James Cable, no início do julgamento de Ali, esta quinta-feira.Há anos que este cidadão britânico, filho de um ex-conselheiro de relações públicas de um antigo primeiro-ministro da Somália, planeava assassinar um deputado britânico, acrescentou o procurador, citado pela Reuters. 

Benfica igualou recorde com 57 anos Vergonha no Jamor. Onze contra nove e no final perdeu o futebol Sporting e Braga reagem: ″Assim, o futebol português nunca será levado a sério″ Consulte Mais informação: Jornal SOL »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Claro ...

Jovem de 25 anos acusado de matar deputado conservador britânicoSuspeito, Ali Harbi Ali, esfaqueou o deputado até à morte no passado dia 15 de outubro.

Reino Unido endurece nível de ameaça terrorista contra deputadosO Governo britânico elevou, esta quarta-feira, para substancial o nível da ameaça terrorista contra deputados, o que pressupõe como provável um ataque dirigido a qualquer um dos parlamentares.

Covid-19: especialistas britânicos pedem regresso de medidas de restriçãoO aumento de casos no Reino Unido está a preocupar as autoridades de saúde. Com certeza 🤡

Polícia acusa formalmente homem de 25 anos pela morte de deputadoAs autoridades britânicas detalharam que o britânico Ali Harbi Ali, 25 anos, de ascendência somali, foi acusado com base na Lei de Terrorismo pela morte do parlamenttar David Amess.

Polícia britânica acusa formalmente homem de 25 anos pela morte de deputadoAli Harbi Ali, de ascendência somali, foi acusado com base na Lei de Terrorismo pela morte de David Amess.

Rússia organiza encontro internacional sobre o AfeganistãoNo evento estarão presentes os representantes do Daesh.