Israel, Palestina, Guerra, Onu

Israel, Palestina

À terceira reunião, ONU ainda sem acordo sobre guerra em Gaza

À terceira reunião, ONU ainda sem acordo sobre guerra em Gaza

17/05/2021 00:31:00

À terceira reunião, ONU ainda sem acordo sobre guerra em Gaza

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas ( ONU ) reuniu-se este domingo, na terceira reunião de emergência sobre o atual conflito entre israelitas e palestinianos, mas continua sem conseguir uma declaração conjunta, avançou a agência France-Presse.

O ministro dos Negócios Estrangeiros palestiniano, Riyad Al-Maliki, acusou Israel de"crimes de guerra", denunciando a"agressão" do Estado judeu contra"o povo palestiniano e os seus lugares sagrados"."O Hamas optou por acelerar as tensões, usadas como pretexto para iniciar esta guerra, que foi premeditada", replicou o embaixador de Israel nos Estados Unidos da América e na ONU, Gilad Erdan.

Jogadores ingleses e escoceses unidos contra o racismo PJ descarta hipótese de crime no desaparecimento de Noah António Oliveira desiste da candidatura à Câmara de Gaia

O diplomata israelita pediu ao Conselho de Segurança que condene o"lançamento indiscriminado de foguetes", enquanto o ministro palestiniano solicitou autoridade para"agir" para impedir a ofensiva israelita, perguntando quantas mortes palestinianas são necessárias para serem tidas como"escândalo".

PUBParalelamente ao encontro, os 15 membros do Conselho de Segurança continuaram as negociações sobre um texto comum que visa pedir o fim das hostilidades e reafirmar uma solução para dois Estados vivendo lado a lado, nomeadamente Israel e Palestina, com base nas resoluções já adotadas pela ONU. headtopics.com

Mas, de acordo com vários diplomatas ouvidos pela agência AFP, os Estados Unidos, numa posição considerada incompreensível para muitos dos seus aliados, continuam a recusar qualquer declaração conjunta.Numa semana, Washington, isolado, já rejeitou dois textos propostos por três membros do Conselho: Noruega, Tunísia e China.

Consulte Mais informação: Jornal de Notícias »

ONU elogia decisão de Israel em abrir passagem para ajuda humanitária em GazaNo total, ataques aéreos israelitas já mataram mais de 200 palestinianos, incluindo 61 crianças, enquanto foguetes disparados por grupos armados palestinianos mataram 10 pessoas em Israel, incluindo uma criança.

ONU alerta para 'carnificina' entre Gaza e Israel

“Matar civis é um crime de guerra”, diz responsável da ONU em GazaBombardeamentos israelitas fazem mais 33 mortos em Gaza, incluindo duas crianças pequenas, elevando para 182 o número de palestinianos mortos no território na última semana. Verdade indesmentivel! Apoiar Israel, na sua actuação criminosa, como fez Portugal, a UE e Biden, é ignóbil e criminoso. Matar mulheres à pedrada é um crime contra a humanidade 🤔

Bombardeamentos em Gaza. Conselho de Segurança da ONU reúne-se hojePela sexta noite consecutiva, Israel bombardeou a Faixa de Gaza. Um dos alvos foi a casa do dirigente do Hamas no território. A Cruz Vermelha Internacional diz que os ataques de hoje provocaram 26 mortos. 1. Palestinia never never exists as a country. It was the Ottoman empire, British Empire.... 2. In 1948, Israel offers to palestinians their own country that would have been bigger than Israel, with the half of Jerusalem. They always refused. Ham Israel Haï E em Israel, nada? Brasileira com sua filha pequena em Israel, mostrando a realidade hoje por lá.

Médio Oriente. Reunião de emergência do Conselho de Segurança da ONU nesta terça-feiraJuntamente com a Tunísia e a China, a Noruega está na origem da mobilização do conselho, durante a semana passada, sem ter conseguido até agora a adoção de uma declaração conjunta, devido a uma recusa por parte dos Estados Unidos A Emergência do Conselho de Segurança da ONU por causa do conflito no Médio Oriente é parecida com a urgência da OMS em declarar a Pandemia provocada pelo vírus Covid 19.