50 milhões de euros para comprar 193 novos autocarros elétricos

50 milhões de euros para comprar 193 novos autocarros elétricos

26/01/2022 18:38:00

50 milhões de euros para comprar 193 novos autocarros elétricos

Os 32 projetos que foram aprovados pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), gerido pelo Ministério do Ambiente e da Ação Climática, mobilizam um total de 50,9 milhões de euros de fundos comunitários para a aquisição destes autocarros.

“Vão ser adquiridos mais 193 novos autocarros elétricos e apoiada a instalação de 136 postos de carregamento para as frotas limpas de transportes públicos. Os 32 projetos que foram aprovados pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), gerido pelo Ministério do Ambiente e da Ação Climática, mobilizam um total de 50,9 milhões de euros de fundos comunitários para a aquisição destes autocarros que prestarão serviço fora das áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto”, esclarece um comunicado do Ministério do Ambiente.

Consulte Mais informação: Jornal Económico »

260mil por cada autocarro hmmm Boa!

O Ministério do Ambiente anunciou hoje, dia 26 de janeiro, que vão ser concedidos apoios para a aquisição de mais 193 autocarros elétricos para servirem regiões fora das áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto. “Vão ser adquiridos mais 193 novos autocarros elétricos e apoiada a instalação de 136 postos de carregamento para as frotas limpas de transportes públicos. Os 32 projetos que foram aprovados pelo Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (PO SEUR), gerido pelo Ministério do Ambiente e da Ação Climática, mobilizam um total de 50,9 milhões de euros de fundos comunitários para a aquisição destes autocarros que prestarão serviço fora das áreas metropolitanas de Lisboa e do Porto”, esclarece um comunicado do Ministério do Ambiente. De acordo com este documento, “das candidaturas vencedoras fazem parte empresas que prestam serviços de transporte coletivo em Guimarães, Braga, Coimbra, Aveiro e Faro”. “Mas também foram aprovadas candidaturas de territórios com mais baixa densidade populacional, como Fornos de Algodres, Almodôvar, Castro Verde ou Vila Velha de Ródão”, adianta o referido comunicado. Segundo o Ministério do Ambiente, “estes projetos permitirão uma diminuição anual estimada de 8.271 toneladas de dióxido de carbono”. “Com este terceiro programa de apoio às frotas rodoviárias sustentáveis, o PO SEUR já destinou 110 milhões de euros de fundo de coesão aos autocarros limpos, permitindo a aquisição de 893 unidades”, conclui o comunicado do Ministério do Ambiente.