Mestres do algoritmo: computadores vão tomar lugar de artistas?

Mestres do algoritmo: computadores vão tomar lugar de artistas?

26/09/2021 19:00:00

Mestres do algoritmo: computadores vão tomar lugar de artistas?

O uso da inteligência artificial para criar obras digitais milionárias traz uma especulação digna de ficção científica

Amanda CapuanoAtualizado em 23 set 2021, 21h16 - Publicado em 26 set 2021, 08h00TRAÇOS ARTIFICIAIS - Obra de Hobbs (à esq.), tela floral da brasileira Monica Rizzolli (no alto), o desenho de cordas enroladas recordista de valor e o macaco mutante: vendas de 600 milhões de dólares - Fotos ART BLOCKS/.

Renan inclui Heinze como indiciado da CPI | Radar Corpo de pastor que escreveu que ressuscitaria é enterrado após três dias, em Goiatuba Princesa Mako, do Japão, se casa com plebeu e deixa família imperial

PublicidadePublicidadeQuando a paulista Monica Riz­zol­li iniciou a carreira artística, em 2008, a tela e o pincel eram seus melhores amigos. Quatro anos depois, ela embarcou em uma jornada autodidata na programação de computadores — atividade que muitos veriam como o extremo oposto da liberdade criativa. Pois foi aí que Monica, de 39 anos, se encontrou. “A programação faz com que as coisas se repitam, mas de maneiras diferentes. Eu me apaixonei pela possibilidade de trazer essa repetição irregular para meu desenho”, diz ela. Agora, essa divagante paixão acaba de se reverter em fortuna bem concreta. A brasileira é a criadora de

Fragmentos de um Campo Infinito, série de 1 024 pinturas florais que arrecadou mais de 25 milhões de reais no início de setembro. Seu feito atesta a altíssima fervura do mercado de NFTs — obras digitais portadoras de um código capaz de lhes conferir o selo de “únicas”. Mas não só: chama atenção que os trabalhos supervalorizados não foram concebidos pela artista, e sim por algoritmos programados por ela. Chegou o dia, enfim, em que a pintura ousa desbravar um território antes só possível na ficção científica: as mãos humanas dão lugar às pinceladas da inteligência artificial. headtopics.com

A criatividade é a última fronteira entre máquinas e humanos, apontou um estudo da Universidade de Oxford que colocava ocupações que lidam com a subjetividade em uma zona de risco reduzido de substituição pela tecnologia. Mas a popularização de uma arte criada por algoritmos parece apontar para um futuro em que tal metamorfose não será assim tão improvável — ainda que a revolução não seja movida por robôs transmutados em pintores, mas programas de computador que copiam e se antecipam ao comportamento das pessoas reais.

Dominando NFTAs obras de Monica são parte de um fenômeno maior de valorização da arte feita por algoritmos. Um dos vetores da tendência, a plataforma Art Blocks tem atraído colecionadores dispostos a investir muita grana na chamada “arte gerativa”. Só em agosto, o site registrou mais de 50 000 transações que movimentaram o equivalente a 600 milhões de dólares em criptomoedas. No atual estágio da inteligência artificial, o empurrão humano ainda é fundamental não só como grife, mas para escrever o código que rege o algoritmo e traçar a ideia visual da obra. “Hoje, o valor ainda depende muito do criador, mas no futuro haverá uma mistura entre o valor artístico e o valor do código de programação”, prevê Victor Armellini, sócio da NFTrend, que considera que a maior falha das máquinas — por enquanto — é sua incapacidade de discernir o valor artístico das coisas.

NFT (Fichas Não Fungíveis) 2021-2022: Um Guia para IniciantesContinua após a publicidadeEmbora as engenhocas tecnológicas não roubem o emprego dos artistas, os programadores já entraram na disputa pelo mercado. Formado em computação, o americano Tyler Hobbs é um dos nomes fortes do ramo. Sua coleção mais famosa,

Fidenza, brinca com formas e cores em 999 obras lançadas em junho, e vendidas inicialmente por cerca de 400 dólares cada uma. Meses depois, o valor delas explodiu, alcançando cifras milionárias. “Quero encontrar novas maneiras de fundir profundamente a mão com o algoritmo”, já proclamou Hobbs. Na contramão dele, Monica Riz­zol­li foi da arte tradicional à programação. Para transformar as flores que retrata em números, ela estudou botânica e passou dois meses programando o algoritmo. “É como se jogasse um dado e a combinação dos lançamentos definisse a estação, as cores, a quantidade de pétalas e cada detalhe da obra.” headtopics.com

Bolsonaro sanciona lei que dificulta punição de políticos por improbidade - Política - Estadão Senador insiste na inclusão do crime de genocídio indígena no relatório da CPI Muita pose, pouco serviço: o desmanche da popularidade de Joe Biden | Mundialista

Uma amostra do virtuosismo que os algoritmos-pintores podem atingir foi seu recente uso para reproduzir o modo de pintar do mestre Rembrandt, na Holanda. Nas obras de algoritmos à venda on-line, a coisa é mais prosaica: o comprador seleciona uma série e adquire um exemplar ainda inexistente, gerado na hora pelo computador. Aos avessos à surpresa, também circulam obras já concluídas. A recordista de valor até agora, vendida por quase 30 milhões de reais, é

Ringers #879, do canadense Dmitri Cherniak, que retrata uma das 1 000 formas de enrolar uma corda. Fazem sucesso, ainda, os simpáticos macacos da sérieBored Ape Yacht Club, que muda os elementos de sua composição a cada nova imagem e ganhou até leilão na tradicional Sotheby’s. Prepare a carteira: a arte do futuro chegou.

Publicado em VEJA de 29 de setembro de 2021,CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO PARA COMPRARDominando NFTNFT (Fichas Não Fungíveis) 2021-2022: Um Guia para Iniciantes Consulte Mais informação: VEJA »

O Assunto #566: Orçamento secreto, obra de Bolsonaro

No momento em que o governo tenta disseminar a falsa ideia de que vai furar o teto de gastos porque não haveria outra maneira de bancar um programa social, O Assunto trata de uma deformidade que perpassa esse debate: as chamadas “emendas gerais do relator”, um instrumento adaptado para garantir recursos polpudos (R$ 19 bilhões este ano) a deputados e senadores aliados do Palácio do Planalto que, além de tudo, têm seus nomes mantidos em sigilo.

Se tomar o lugar do romero brito ja fico feliz

Michelle se vacinou nos EUA porque recebeu convite de médico, diz governoA primeira-dama procurou Jair Bolsonaro antes de tomar a decisão de receber o imunizante Eu me vacinei pq fui convidada pelo bom senso, autoconsciência e responsabilidade coletiva. Aff! Esse povo adora arrumar desculpas ridículas. 🙄😑 Depois que recebem a visita das 'Testemunhas de Darwin', acham ruim. Hahahaha! E aqui o kidroga não convenceu ela a tomar, a família não acredita nem no ministro da saúde. Bom, ninguém acredita. A pessoa em questão é proveniente de uma área simples do DF. Certamente em algum momento da vida se beneficiou do SUS e nunca deve ter sido “bajulada” para tomar vacina! 39 aa, já estava atrasada!

Instituto oferece capacitação em beleza para mulheres empreendedoras - Geral - EstadãoPrograma do Grupo Boticário dispõe de cursos profissionalizantes online de maquiagem, unhas e vendas, além de módulos de desenvolvimento pessoal e empreendedorismo; inscrições vão até 13 de outubro

Alemães vão às urnas para escolher substituto de Angela MerkelSaída de cena da chanceler representa o fim de uma era no país; diferença entre os dois principais candidatos é de apenas três pontos percentuais Que o partido cristão da Merkel perca. Amém Mesmo ateista,espero que o próximo líder alemão tenha a mesma competência da cristã conservadora Merkel

Dana White, sobre prisão de Jon Jones por violência doméstica: 'É algo que nem me choca mais'🗣️ Dana White, sobre prisão de Jon Jones por violência doméstica: 'É algo que nem me choca mais' lancenet Mas deveria.

Pandemia fez ingleses preferirem passar férias de verão mais perto de casa - Internacional - EstadãoClássicas viagens para outros países da Europa foram substituídas pelas praias inglesas, onde negócios vão bem, mas proprietários sofrem com falta de trabalhadores e restrições impostas pela Covid

Em meio à crise econômica, a liberação dos cassinos volta à discussãoA aposta é de que nem os evangélicos vão ser mais contra os lucros que podem vir da jogatina Oi como está a renegociação da dívida da Abril junto ao governo federal? Avançou depois daquela entrevista? Tinha que liberar logo Junto das drogas Diante do agravamento e, antes disso, da viagem a las Vegas...