Mãe de Bolsonaro é internada em hospital de Registro, no interior de SP

20/01/2022 23:46:00

Mãe de Bolsonaro é internada em hospital de Registro, no interior de SP

Cartacapital, Carta Capital

Mãe de Bolsonaro é internada em hospital de Registro, no interior de SP

Olinda Bolsonaro, de 94 anos, está no Hospital São João, mas estado de saúde não foi divulgado

Foto: ReproduçãoA mãe do presidente Jair Bolsonaro (PL), Olinda Bolsonaro, de 94 anos, está internada no Hospital São João, na cidade de Registro (SP), desde a última segunda-feira. O estado de saúde dela não foi divulgado.

As informações foram reveladas pelo g1 nesta quinta-feira. O veículo confirmou a internação com o médico responsável pelo tratamento de Olinda, Petrônio Bezerra dos Santos, e com o próprio hospital.Olinda mora atualmente em Eldorado, no interior de São Paulo. Segundo o g1, ela está internada na ala de apartamentos particulares e passa por exames.

Consulte Mais informação: CartaCapital »

A contraofensiva de Lula diante do novo Auxílio Brasil de R$ 600 | Clarissa Oliveira

Discurso de Lula na Fiesp, críticas da primeira-dama Michelle Bolsonaro ao petista e entrevista de Armínio Fraga ao Amarelas On Air são temas do Giro VEJA Consulte Mais informação >>

JoseAloiseBahia Descanse em paz, não tem a mínima culpa de ter um filho desses. Para o entupimento com o camarão um andar inteiro,para mãe um hospital do interior.. Tadinha, melhoras. Ela não tem culpa dessa besta ter tomado esse caminho E daí? Não sou coveiro. Todo mundo tem que morrer um dia. Vão ficar de mimimi por que?

COMENTAVAM NAS PRAÇAS QUE TERIA SIDO POR DESGOSTO. CREDO, QUE FILHO !!! Q crime essa mulher cometeu pra ter tido um filho genocida e fascista O cara não paga um Einstein pra própria mãe? Diagnóstico: desgosto.

Mãe de Jair Bolsonaro é internada no interior de SP, diz hospitalOlinda Bolsonaro, de 94 anos, está no Hospital São João, em Registro (SP), desde segunda-feira (17). Seu estado de saúde não foi divulgado. Não sou coveiro. ? ? ? ? 666

Advogada informal de Jairinho abre processo contra defesa da mãe de HenryEla, que acusa criminalistas de calúnia, teria ameaçado Monique Medeiros na prisão e, dias depois, supostamente enviado um emissário para coagi-la Esse vagabundo tem que moer na cadeia Quer holofote!!

Maria Rita: ‘Elis Regina é de todos, mas a mãe é minha’

'Não lembro de nada', diz Maria Rita sobre recordações da mãe, Elis Regina - ISTOÉ IndependenteMaria Rita abriu o coração ao falar sobre a mãe, Elis Regina, que morreu há exatos 40 anos. Em entrevista ao jornal O Globo, a cantora, que perdeu a matriarca quando tinha apenas 4 anos de idade, falou com orgulho da artista e disse que não possui lembranças da época. “É um lamento muito profundo […]

'Vacinem seus filhos. A proteção do meu depende da imunidade comunitária': o apelo de mãe de menino à espera de vacinaCom o início da vacinação infantil no Brasil , famílias de crianças imunossuprimidas e com comorbidades esperam ansiosamente pelo imunizante, que diminuirá os riscos à saúde dos pequenos. Vacinar crianças deveria ser um crime. Ok, mas vacina impede a transmissão? Se não, infelizmente as crianças como meu filho que não pode ser vacinas, estarão sempre em risco de pegar. Alguém por favor me ajuda com um pouco de comida pra mim e pra minha mãe ou Marmitex?😭 estou desempregada pq cuido da minha mãe, ela teve AVC e ficou com sequelas, por favor nos ajudem, qualquer alimento eu aceito, até vencido 😭🙏

'Vacinem seus filhos. A proteção do meu depende da imunidade comunitária': o apelo de mãe de menino à espera de vacina - BBC News BrasilThaís é mãe de Hélio e espera o início da vacinação na cidade em que moram. O garoto precisa de medicamento imunossupressor desde os primeiros anos de vida e é parte do grupo prioritário para receber o imunizante. Não depende não! O índice de transmissão é baixíssimo, vide as escolas. Agora o seu filho tem prioridade máxima na vacinação! Estuda um pouco mais antes de tomar essa decisão. Suas palavras confirma seu desconhecimento do assunto. Deixe que dos meus filhos cuido eu!

20.Olinda Bolsonaro e o filho, o presidente Jair Bolsonaro — Foto: Reprodução A mãe do presidente Jair Bolsonaro (PL), Olinda Bolsonaro, de 94 anos, está internada no Hospital São João em Registro, no interior de São Paulo, desde a última segunda-feira (17).acirrada disputa entre a advogada informal do ex-vereador Jairo Souza Santos Júnior e a defesa de Monique Medeiros, ambos réus pelo assassinato de Henry Borel, de 4 anos, ganhou mais um capítulo na noite desta segunda-feira, 17.: — É um lamento muito profundo por eu não ter conhecido essa mãe como eu merecia ter conhecido.

01.2022 17h23 Foto: Reprodução A mãe do presidente Jair Bolsonaro (PL), Olinda Bolsonaro, de 94 anos, está internada no Hospital São João, na cidade de Registro (SP), desde a última segunda-feira. Olinda Bolsonaro mora em Eldorado (SP), que fica a aproximadamente 52 quilômetros de distância de Registro e não conta com hospital de referência. O estado de saúde dela não foi divulgado. Embora não represente Jairinho formalmente, a advogada também protocolou uma petição nos autos do processo em que o padrasto e a mãe de Henry são julgados na 2ª Vara Criminal do TJ-RJ. As informações foram reveladas pelo g1 nesta quinta-feira. O g1 não teve acesso às informações sobre o estado de saúde ou o motivo da internação de Olinda até a última atualização desta matéria, pois, segundo o médico, a divulgação das informações precisa ser autorizada pela família dela. O veículo confirmou a internação com o médico responsável pelo tratamento de Olinda, Petrônio Bezerra dos Santos, e com o próprio hospital. — Não me oponho a falar da minha mãe.

Olinda mora atualmente em Eldorado, no interior de São Paulo. Segundo a defesa de Monique, Flávia foi visitá-la na prisão e teria lhe ameaçado, dizendo que ela precisaria assinar um documento se responsabilizando pela morte do filho. Segundo o g1, ela está internada na ala de apartamentos particulares e passa por exames. Em agosto do ano passado, quando visitou a mãe junto com três de seus filhos, Bolsonaro declarou que Olinda não o reconhecia mais. A visita havia ocorrido em função de um problema grave de sangramento e, na época, o presidente afirmou que poderia ser a última vez que via a mãe. Uma semana depois, um advogado denominado Fábio, também ligado a Flávia, foi visitar Elker na penitenciária Santo Expedito, em Bangu, e teria tentado coagir Monique. Relacionadas .” E, para reforçar que não imita Elis, usou letras maiúsculas para tocar num ponto delicado: “EU NÃO LEMBRO DE MINHA MÃE.