Decreto suspende atividades de turismo em Fernando de Noronha para prevenção ao coronavírus

20/03/2020 21:10:00

Decreto suspende atividades de turismo em Fernando de Noronha para prevenção ao coronavírus #G1 #Coronavírus #CoronavírusnoBrasil

Coronavírus, Coronavírusnobrasil

Decreto suspende atividades de turismo em Fernando de Noronha para prevenção ao coronavírus G1 Coronavírus Coronavírus noBrasil

Turistas devem deixar, até esta sexta (20), o arquipélago, que tem um caso suspeito da Covid-19. 'Precisamos isolar a ilha do turismo', diz administrador de Noronha.

As atividades de turismo em Fernando de Noronha foram suspensas a partir desta sexta-feira (20), por meio de um decreto distrital (veja vídeo acima). A medida faz parte das ações para conter o avanço do novo coronavírus, que tem 28 casos confirmados no estado. A partir de sábado (21), a entrada de turistas está suspensa no arquipélago, que tem um caso suspeito da infecção Covid-19.

Segundo o administrador de Noronha, Guilherme Rocha, o prazo para que os turistas deixem o arquipélago é esta sexta (20). “Na segunda [16], iniciamos a semana com 3,2 mil turistas. Na manhã de hoje [20], temos 837 pessoas. Com os voos que temos, acreditamos que vamos tirar todos de lá”, afirmou.

Consulte Mais informação:
g1 »

Embaixador da Coreia do Sul viraliza ao cantar ‘Evidências’ durante goleada do Brasil na Copa; veja - Estadão

Lim Ki-mo assistiu ao duelo das oitavas de final em sua casa com brasileiros e espantou a tristeza pela eliminação com cantoria; hit do Raça Negra também fez parte do repertório Consulte Mais informação >>

UFPB produz álcool em gel para comunidade universitária como prevenção do coronavírusUniversidade Federal da Paraíba produz álcool em gel para comunidade universitária como prevenção do coronavírus G1 Coronavírus CoronavírusnoBrasil

Navio alemão chega a Manaus e passa por inspeção da Anvisa; Governo determinou que pessoas não desembarquemNavio alemão chega a Manaus e passa por inspeção da Anvisa; Governo determinou que pessoas não desembarquem G1 _manucaa Cértissimo Manda eles voltarem

Presidente do STJ diz a ministros que não ficou perto de Alcolumbre infectado com coronavírusMinistro João Otávio Noronha anunciou que não tem sintomas de coronavírus, mas vai ficar em isolamento espontâneo, em casa fausto_macedo Não gosto de vê a desgraça dos outeos não , mas eles estavam torcendo para o Presidente está com esse vírus , olha só o resultado . Maia viajou também né , esperando o resultado dele . fausto_macedo Agora em casa ele tem mais tempo para cuidar da campanha política de seu irmão Paulo Noronha que vai disputar a prefeitura de Três Corações nas próximas eleições. O que um whatsapp não faz? Faz muitos contatos..rsrsrsrs fausto_macedo Não estavam todos chefes de poderes na reunião de segunda?

Globo e a dança das cadeiras nas novelas: relembre tramas | Tela PlanaPereirão, Crô e Caio Castro com sotaque português de Dom Pedro I voltam ao ar para substituir folhetins em pausa - e subir o astral em tempos de coronavírus Eu gostava dessa

Maratonas de Porto Alegre e de São Paulo têm novas datasComo medida de prevenção contra a pandemia de coronavírus Covid-19, organizadores de maratonas no Brasil e no mundo marcam novas datas para as provas

Coronavírus: como a pandemia está esvaziando as ruas no mundoVeja uma galeria das 'cidades-fantasma' ao redor do mundo em meio ao surto do coronavírus. meu Deus é o fim do mundo mesmo estão transformando pessoas em pombos Chega a ser assustador mesmo...

Atividades turísticas em Fernando de Noronha são suspensas por decreto distrital As atividades de turismo em Fernando de Noronha foram suspensas a partir desta sexta-feira (20), por meio de um decreto distrital (veja vídeo acima).Objetivo é disponibilizar álcool em gel para a comunidade universitária — Foto: Diêgo Holanda/G1 Um laboratório da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), devido a falta de álcool em gel no mercado, está produzindo o produto com 70% glicerinado, que tem o mesmo efeito de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19).Cruzeiro Amera de origem alemã foi inspecionado.18 de março de 2020 | 20h04 Ministro João Otávio de Noronha.

A medida faz parte das ações para conter o avanço do novo coronavírus, que tem 28 casos confirmados no estado. A partir de sábado (21), a entrada de turistas está suspensa no arquipélago, que tem um caso suspeito da infecção Covid-19. “A UFPB já produz a maior parte dos materiais de limpeza consumidos pela própria instituição, como água sanitária, desinfetante, sabão líquido, inclusive álcool em gel e glicerinado, otimizando o uso do recurso público”, explica o pró-reitor de administração da UFPB, Aluísio Souto. Segundo o administrador de Noronha, Guilherme Rocha, o prazo para que os turistas deixem o arquipélago é esta sexta (20). Nesta terça-feira o governador Wilson Lima determinou que passageiros e tripulantes da embarcação não poderiam desembarcar em Manaus. “Na segunda [16], iniciamos a semana com 3,2 mil turistas. Conforme Souto, o álcool 70% glicerinado é mais rápido de produzir e demanda logística mais simples. Na manhã de hoje [20], temos 837 pessoas. “Os presentes na reunião não se cumprimentaram e o Ministro Noronha não se sentou próximo dele”.

Com os voos que temos, acreditamos que vamos tirar todos de lá”, afirmou. Em um segundo momento, mediante parcerias ou patrocínios, poderemos atender à demanda externa”, explica Aluísio. A nossa finalidade nessa inspeção foi exatamente verificar todas as condições sanitárias em relação aos objetos que nós monitoramos: água, resíduos, efluentes, climatização, limpeza, desinfecção, gerenciamento de resíduos sólidos e, principalmente, em relação à situação de saúde de tripulantes e também de passageiros da embarcação”, explicou. Além da retirada de pessoas de fora, também há recomendação para que os moradores cumpram o decreto estadual e passem a maior parte do tempo em suas casas. “Precisamos isolar a ilha do turismo, mas também precisamos da compreensão dos moradores, que precisam ficar em casa, se isolar”, disse o administrador. Ele trabalha com sete bolsistas, todos alunos do Centro de Tecnologia (CT). Passeios de barco estão entre as atividades suspensas em Fernando de Noronha — Foto: Fábio Tito/G1 A administração de Noronha está em contato com duas companhias aéreas que fazem voos do continente para o arquipélago, para também retirar servidores estaduais e federais que trabalham no local. Outros que já estavam programados, foram cancelados. Há, nesta sexta (20), confirmação de um voo semanal para retirar essas pessoas, mas existem negociações com outra companhia para que haja pelo menos dois voos por semana. O pró-reitor de administração Aluísio Souto informa que a UFPB vai adquiri-lo de usinas paraibanas, para que não haja interrupção na produção.

Para Rocha, a medida busca priorizar a vida, em vez da economia, apesar dos prejuízos causados a pousadas, restaurantes e outros profissionais que atuam no setor turístico. Ao todo, são cerca de 120 pousadas cadastradas em Noronha. De fato, a UFPB está preparada para todas as ações de prevenção e combate ao Covid-19, para garantir todos os sanitizantes para todos que compõem a comunidade universitária, entre discentes, terceirizados colaboradores, técnico-administrativos e docentes”, assegura. A Anvisa esclareceu que, para o caso de navios de cruzeiro, existe uma recomendação para que não haja embarque ou desembarque de ninguém, sobretudo de pessoas. “A gente não tem como mensurar a perda que vai ser nesses meses onde não vai ter turismo nenhum, mas não tivemos dúvidas em optar por salvar vidas”, disse o administrador de Noronha. Para os turistas que pagaram antecipadamente a Taxa de Preservação Ambiental, há possibilidade de usar o pagamento em outro período. “Esse é o principal recurso financeiro que temos para custear a manutenção. O balanço mais atualizado do Amazonas é de 44 casos suspeitos, 39 descartados e três em investigação.

Esse dinheiro pode ser aproveitado em outra viagem”, declarou Rocha. Caso o turista queira o reembolso, o administrador alegou que não há, neste momento, possibilidade de ressarcir o valor. “A gente pede paciência, porque agora a gente não pode reembolsar. Mas, daqui a 90 dias, se a gente conseguir vencer essa guerra nesse prazo, a gente vai poder”, afirmou. A administração de Fernando de Noronha também fechou uma parceria com o Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa) para a distribuição de 2 mil cestas básicas para os moradores.

A distribuição fica a cargo da equipe de assistência social da ilha, em data a ser definida. Caso suspeito em Noronha Ainda segundo Guilherme Rocha, uma pessoa que mora na ilha é um dos casos suspeitos da Covid-19 no estado. “Ela teve contato com uma turista pernambucana e está internada no Hospital São Lucas”, disse. O resultado deve ser divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). Há, na unidade de saúde, dois leitos isolados.

“Estamos seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e da secretaria estadual. Há também um avião para trazer as pessoas em caso de necessidade”, declarou o administrador. Dicas de prevenção contra o coronavírus — Foto: Arte/G1 CORONAVÍRUS .