Custando até R$ 538, teste de Covid se torna luxo na Venezuela

Cidadãos do país podem pagar valor 65 vezes maior que o salário mínimo venezuelano para descobrir se estão doentes

Portalr7, R7

29/01/2022 06:00:00

Custando até R$ 538, teste de Covid se torna luxo na Venezuela Cidadãos do país podem pagar valor 65 vezes maior que o salário mínimo venezuelano para descobrir se estão doentes 📲 PortalR7 R7 JR24H JornalDaRecord

Cidadãos do país podem pagar valor 65 vezes maior que o salário mínimo venezuelano para descobrir se estão doentes

"Antigamente, até em centros privados faziam exames desse tipo, mas deixaram de fazer há muito tempo. Hoje em dia, infelizmente, as pessoas têm principalmente exames particulares, que, do ponto de vista epidemiológico e estatístico, não são incluídos nas estatísticas nacionais", destacou o também infectologista.

Dessa forma, o especialista somou o problema da subnotificação de casos positivos à limitação do acesso aos testes para descartar a Covid-19.Nesse caso, Figuera se referiu ao surgimento de novos laboratórios que funcionam em escritórios comerciais, hotéis e até estacionamentos e oferecem o teste de Covid-19 sem que os dados de casos positivos sejam enviados às instâncias do

Consulte Mais informação: Portal R7.com »

Cinco pessoas são feitas reféns em casa na capital paulista

Pelo menos cinco pessoas foram feitas reféns dentro de casa, hoje, na Zona Sul de São Paulo. Dos dois criminosos, um se entregou depois de mais de duas horas de negociação, segundo a polícia. O outro suspeito tentou fugir dos policiais, se machucou e foi levado a um hospital. Entre os reféns, ninguém ficou ferido. Consulte Mais informação >>

Isso aí é o que da esquerda no governo. E ainda tem idiot que quer votar em lula. O problema do brasileiro é burrice mesmo A cara do lula

Teste caseiro serve para detectar covid-19 em superfícies? Não caia nessaNas últimas semanas, um vídeo em que uma pessoa supostamente pega um teste caseiro de Covid-19 e pas

Brasileiros vacinados: cinco países que não pedem teste de covidTestagem para comprovar a ausência do vírus no passageiro antes do embarque não é mais obrigatória em alguns países da Europa e na Argentina; veja lista

65% acham que responsabilidade por testes de covid-19 é do governo federalNova rodada da pesquisa EXAME/IDEIA aponta também que 50% dos brasileiros consideram que o governo Bolsonaro levou a atraso na vacinação infantil Bando de imbecil , saúde de onde mora é responsabilidade do estado e prefeitura. Hj ermo federal só destina a verba . Ou esqueceram que STF determinou que condução da pandemia é por conta de estado e prefeitura? democracia, o deus que falhou A vacina não funciona? Eu já sabia

Farmácias registram novo recorde de testes positivos para Covid-19De 740.707 exames colhidos entre os dias 17 a 23, 319.574 foram positivos; número é 37% maior que na semana anterior e 38 vezes acima do início de dezembro E O LULADRÃO? NÃO TESTOU POSITIVO AINDA? TÁ DEMORANDOV SERÁ QUE ESSE IMBECIL DE MERDA TOMOU MESMO A TAL VACINA?

Secretário de Saúde descarta a possibilidade de falta de teste de Covid no RJO secretário estadual de Saúde, Alexandre Chieppe, em entrevista ao CBN Rio, disse que não vê a possibilidade de falta de testes de Covid no Rio de Janeiro. Segundo ele, o Ministério da Saúde sinalizou para o governo do estado o envio de três milhões de testes ao longo dos próximos três meses. ‘Temos testes hoje para garantir o abastecimento até metade da semana que vem, e com a chegada de novos testes, a gente não vê a perspectiva de falta. O momento é de abastecimento adequado’.

Brasil tem maior média móvel de mortes desde outubro, mostra consórcio de imprensaBrasil bate recorde de casos diários pelo segundo dia seguido, mostra consórcio de imprensa Consorcio 😂😂😂😂😂😂

Ex-general diz que Venezuela mandou dinheiro para Lula "Antigamente, até em centros privados faziam exames desse tipo, mas deixaram de fazer há muito tempo. Hoje em dia, infelizmente, as pessoas têm principalmente exames particulares, que, do ponto de vista epidemiológico e estatístico, não são incluídos nas estatísticas nacionais", destacou o também infectologista. Dessa forma, o especialista somou o problema da subnotificação de casos positivos à limitação do acesso aos testes para descartar a Covid-19. Nesse caso, Figuera se referiu ao surgimento de novos laboratórios que funcionam em escritórios comerciais, hotéis e até estacionamentos e oferecem o teste de Covid-19 sem que os dados de casos positivos sejam enviados às instâncias do Executivo Nacional , que ignora esses resultados em sua contagem oficial. Essa é uma das razões pelas quais, nos últimos dias, a Sociedade Venezuelana de Doenças Infecciosas recomendou a ampliação da disponibilidade de testes diretos gratuitos para detectar a Covid-19. Nesse sentido, os médicos emitiram um comunicado em que destacaram a importância de"ampliar a disponibilidade gratuita de testes" para detecção de Covid-19,"para que pessoas sintomáticas e seus contatos possam ser isolados em tempo hábil em caso de positividade", já que a falta de diagnóstico também influencia a propagação do vírus. "O mais importante é que a pessoa que apresente sintomas desde o primeiro dia seja testada e não espere, porque, se um caso positivo for detectado desde o primeiro dia e for isolado, você evitará mais infecções", explicou Figuera. Sem opção Andrea González, jornalista venezuelana de 27 anos, vivenciou a jornada de contrair a Covid-19 e não conseguir arcar com as despesas causadas pelo vírus. Os sintomas apareceram nos primeiros dias de 2022, quando a situação econômica de González não era boa. Ela tinha apenas R$ 538 quando ela e seu parceiro ficaram doentes e tiveram que optar por comprar remédios, comida e itens pessoais ou pagar exames para confirmar que tinham Covid-19. "O mais difícil foi fazer o teste, porque eu tinha condições, mas nem todo mundo pode pagar R$ 134 por um teste. Agora imagine pagar R$ 538 por um teste molecular, porque eu fiz o rápido e ele não é 100% confiável", relatou à Efe. Leia também