Chile decreta novo toque de recolher após mais protestos em Santiago; atos deixam 7 mortos

Governo mobilizou 10.500 integrantes das Forças Armadas para atuar contra manifestações violentas e saques na capital.

21.10.2019

Governo mobilizou 10.500 integrantes das Forças Armadas para atuar contra manifestações violentas e saques na capital G1

Governo mobilizou 10.500 integrantes das Forças Armadas para atuar contra manifestações violentas e saques na capital.

"Hoje tivemos mais de 70 atos de grave violência, entre eles, mais de 40 saques", disse Chadwick em um pronunciamento.

O general Javier Iturriaga, responsável pelo estado de emergência decretado no país, pediu aos chilenos que ficassem em casa durante a noite.

À noite, um novo caso: cinco pessoas morreram em incêndio dentro de uma fábrica de roupas. O comandante do corpo de bombeiros, Diego Velásquez, disse em uma transmissão para a TV local que o armazém da tecelagem teria sido alvo de saques no bairro de Renca, periferia de Santiago.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram como pessoas, na maioria, jovens, forçaram os acessos a um supermercado da rede Jumbo, e outro da rede Lider, em Peñalolén, levando televisões, roupa e outros acessórios. Situações parecidas aconteceram em outros bairros de Santiago.

Semáforos foram derrubados, há carcaças de ônibus queimados pelas ruas e até mesmo o prédio da empresa responsável pela distribuição elétrica foi atacado em uma Santiago que vive um cenário de destruição, após os protestos iniciados na sexta-feira com o aumento do preço da passagem do metrô.

Incêndio durante protestos no Chile — Foto: Reuters/Rodrigo Garrido

Prédio amanheceu com vidros quebrados em Santiago, no Chile, neste domingo (20) — Foto: Adriane Schultz/G1

A Câmara dos Deputados também convocou uma sessão especial no fim de semana para votar o projeto de suspensão do aumento nas tarifas. A votação terminou com 103 votos a favor da suspensão e 1 voto contrário e 1 abstenção.

Os protestos afetaram alguns dos voos com partida e chegada ao aeroporto internacional de Santiago. Operadoras nacionais informam que não há cancelamentos no trecho entre Santiago e aeroportos brasileiros, mas dizem que pode haver alterações nos horários.

Consulte Mais informação: G1

Forças armadas contra o povo Agora virou baderna. DIREITA E SEU LACAIOS MILICCOS no poder é só isso. Sem entrar em teorias de conspiração é óbvio que não se trata de protesto popular, mas de ações orquestradas por grupos criminosos para desestabilizar qualquer governo! AL continua em risco! Saques de esquerdistas, lá eles também tem seus Boulos da vida..

Aprendam como se fazem brasileiros. De repente é uma saída para o escárnio a que somos submetidos por nossos lixos de governantes. Serve para o judiciário podre também. realidade: é o exército que tá causa o caos a população não suporta e são mais agressivos botam a culpa na população Prepare isso vai chegar ao Brasil, peoposta do Foro de Sao Paulo.

Foro de São Paulo atuando! LulaPresoPolitico

Governo do Chile decreta estado de emergência em Santiago por protestosSegundo os primeiros relatórios, 19 estações de metrô e 16 ônibus urbanos foram danificados e 180 pessoas foram presas América Latina está fora de controle A esquerda mundial, na luta constante para um futuro pós-apocalíptico. O foro de São Paulo em ação, alguém dúvida 🤔🤔

Presidente do Chile decreta estado de emergência após protestos violentos em Santiago - Internacional - EstadãoAumento nas passagens provocou série de protestos na capital do país; pelo menos 133 pessoas já foram presas Inter It's coming. Com bozo e thuthuca fica mais possível. Familicia Inter Por isso adoro o Chile. N_Carvalheira Inter E a mbachelet preocupada com a Amazônia. Tá serto.

Chile decreta toque de recolher em mais regiões; governo diz que há mortosTrês pessoas morreram durante um incêndio em um supermercado na madrugada deste domingo; 9.500 integrantes das Forças Armadas foram mobilizados para atuar contra os protestos. Mas isso não é na Venezuela? ''Eu vi o Chile mais pobre que Cuba e a Venezuela hoje. O Chile é agora como a Suíça ' Paulo Guedes' Meios dúzia de retardados por causa de um aumento mínimo na passagem do 🚇

Novos confrontos explodem no Chile após ataques e estado de emergência - CartaCapitalConfrontos entre manifestantes e policiais eclodiram mais uma vez neste sábado 19, na aglomeração de Santiago.

Protestos no Chile deixam três mortos e 700 presosSebastián Piñera, presidente chileno, suspendeu no sábado a alta da passagem de metrô que deflagrou as manifestações na capital Parabéns a ex presidente Michele adoradora de ditadores , cadê. ONU? Vermelha respeite o Brasil !! Vai falar algo ? No Equador , Chile , Perú e Venezuela o povo está nas ruas lutando pelos direitos , O Brasil não está pq o povo gosta mais de funk e novela do que do país Protesto ou terrorismo?

Protestos no Chile deixam três mortos na capital do paísO que começou como marchas pacíficas contra o aumento na passagem de metrô se tornou a maior onda de protestos em décadas em Santiago O negócio está pipocando outra vez. As ditaduras estão ressurgindo. Quem será o próximo?

Escrever Comentário

Thank you for your comment.
Please try again later.

Últimas Notícias

Notícia

20 outubro 2019, domingo Notícia

Notícias anteriores

O projeto do primeiro útero artificial, que poderá salvar bebês prematuros

Próxima notícia

O Assunto #41: K-pop, a onda sul-coreana que produz hits planetários e levanta o debate sobre a superexposição de seus jovens ídolos