Covid

Covid

Brasil tem 1.354 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas; média móvel de óbitos é a mais baixa desde 22 de fevereiro

Brasil tem 1.354 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas; média móvel de óbitos é a mais baixa desde 22 de fevereiro #G1 #covid

30/07/2021 02:04:00

Brasil tem 1.354 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas; média móvel de óbitos é a mais baixa desde 22 de fevereiro G1 covid

País contabiliza 554.626 óbitos e 19.838.909 casos de coronavírus, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa com dados das secretarias de Saúde.

Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil, consolidados às 20h desta quinta-feira. O balanço é feito a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

181 harpias mortas, maioria por 'curiosidade': dado bizarro levou pesquisador a apostar no turismo para salvar a maior ave de rapina do Brasil Indígena é aprovada em Medicina após driblar dificuldades no estudo remoto e o preconceito Uber exclui motoristas por cancelamento constante de corridas

Veja a sequência da última semana na média móvel:Média móvel de mortes — Foto: Arte G1De 17 de março até 10 de maio, foram 55 dias seguidos com essa média móvel de mortes acima de 2 mil. No pior momento desse período, a média chegou ao recorde de 3.125, no dia 12 de abril.

Três estados apresentam tendência de alta nas mortes: ES, AP e PINão houve registro de mortes no Acre nesta quinta-feira.Em casos confirmados, desde o começo da pandemia, 19.838.909 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 41.393 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 44.974 diagnósticos por dia. Isso representa uma variação de 10% em relação aos casos registrados na média há duas semanas, o que indica estabilidade. headtopics.com

Em seu pior momento, a curva da média de diagnósticos chegou à marca de 77.295 novos casos diários, no dia 23 de junho.Brasil, 29 de julhoEstadosEssa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

Vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados.

VacinaçãoMais de 40 milhões de brasileiros estão totalmente imunizados contra a Covid-19, segundo dados divulgados pelo consórcio dos veículos de imprensa às 20h desta quinta-feira.No total, 40.232.066 pessoas, que correspondem a 19% da população, já receberam a segunda dose da vacina ou o imunizante em dose única.

Em todos os estados e no Distrito Federal, a primeira dose foi aplicada em 98.912.578 pessoas, o equivalente a 46,71% da população.Veja a situação nos estadosEstados com alta nas mortes — Foto: Arte G1Estados com estabilidade nas mortes — Foto: Arte G1 headtopics.com

Cadelinha que viralizou ao 'acenar' para clientes foi resgatada à beira da morte e 'atua' como chefe de oficina Bebê ganha título de 'prefeita de Boa Vista' por mamar até os 6 meses e ter vacinas em dia Estimulado por Bolsonaro, o armamento de cidadãos comuns tem escalada

Estados com queda nas mortes — Foto: Arte G1SulSudesteCentro-OesteNorteNordesteBrasil Sul Sudeste Centro-Oeste Norte Nordeste Consórcio de veículos de imprensaOs dados sobre casos e mortes de coronavírus no Brasil foram obtidos após uma parceria inédita entre G1, O Globo, Extra, O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL, que passaram a trabalhar, desde o dia 8 de junho, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal (saiba mais).

Consulte Mais informação: G1 »

'Casa milagrosa' escapa da lava de vulcão nas Ilhas Canárias - BBC News Brasil

Não à toa, o imóvel foi apelidado nas redes sociais de 'casa milagrosa'.

Brasil precisa de vacinação em ritmo mais acelerado. Não dá para ficar nesse maldito negacionismo. Vida não tem preço 😢 G1, dá uma mexida nesse gráfico de SP, tá muito zoado... O povo exige QueremosVotoImpresso 1354?! Se cada uma tinha no mínimo, 3 familiares e 3 amigos, como um país que ainda produz tanto luto pode pensar em publico em eventos ou eliminar o uso de ações preventivas?

Brasil registra 1.366 novas mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas - ISTOÉ IndependenteO Brasil notificou 1.366 novas mortes por covid-19 nesta quarta-feira, 28, elevando o número total de vítimas para 553.272. A média móvel de óbitos dos últimos sete dias, que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, agora é de 1.083. É o segundo dia consecutivo em que o valor fica abaixo de 1.100. […] Esse patamar não cai. Ainda o número é muito alto.

Covid-19 aumenta risco de depressão e demência, indica estudo britânico - BBC News BrasilPesquisadores britânicos analisaram probabilidade de 600 mil pacientes desenvolverem uma das 14 doenças cerebrais comuns. É o que tá acontecendo com os generais de pijama do Clube Militar! Várias pessoas q conheço e tiveram COVID relataram falta de memória nos meses seguintes.

Covid-19: Pfizer entrega ao Brasil mais 1 milhão de doses da vacinaRemessa, a 29º do imunizante enviada ao Brasil, chegou ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), às 20h15 desta terça-feira (27). Hehehehe...essa semana tomo a 2 dose. Obrigada, Bolsonaro!!!! Ainda temos esperança! A minha é amanhã

Cidade de Nova York vai pagar US$ 100 para quem se vacinar contra a Covid-19Medida foi pensada para incentivar os americanos a buscarem pela vacinação. País vem encontrando dificuldade em atingir a imunidade de rebanho e tem experimentado uma 'pandemia de não vacinados'. quem diria que depois de anos de evolução estaríamos regredindo dessa forma, o negacionismo virou um vírus assim como a covid Aqui um dólar por dose, mas é o povo que paga. É ridículo, é como pagar pras pessoas não roubarem nem matarem

Calendário de vacinação contra a covid-19 no Estado de São PauloGoverno estadual prevê imunizar toda a população com mais de 18 anos até 16 de agosto e aplicar doses em jovens de 12 a 17 anos no mesmo mês. Prefeitura de São Paulo segue cronograma próprio. Veja as datas Que absurdo aplicar vacina em crianças

Pfizer solicita à Anvisa autorização para novo tratamento contra Covid-19Pedido de uso emergencial do tofacitinibe é baseada em um projeto de pesquisa realizado em parceria com o Hospital Albert Einstein