Zmar. Imigrantes começaram a ser realojados durante a noite

Zmar. Imigrantes começaram a ser realojados durante a noite

08/05/2021 11:54:00

Zmar. Imigrantes começaram a ser realojados durante a noite

Seis dos 24 imigrantes que estavam alojados no empreendimento turístico Zmar, abandonaram pelas 22h00 o complexo em Odemira para serem realojados noutros locais mais próximos das plantações onde trabalham.

De acordo com a notícia avançada pela “Sic Notícias”, este sábado, estas seis pessoas, entre elas algumas crianças, foram retiradas do Complexo Turístico pelas 22h00 e durante o dia de hoje deverão ser retirados pelo menos mais 10 imigrantes instalados no espaço. Estas pessoas foram realojadas em alojamentos disponibilizados pelas empresas empregadoras.

Fernando Santos confiante na vitória cita Pinto da Costa ''Se houver reações negativas, problema deles'' Neemias Queta começa em grande o NBA Draft Combine: as melhores jogadas do poste português

Quanto à providência cautelar que foi aprovada pelo Supremo Tribunal Administrativo, o Governo disse, esta sexta-feira, ainda não ter sido notificado mas que quando for, garante, vai responder ao tribunal.“Não há nenhuma decisão, não há nenhuma notificação. Vamos continuar a garantir a saúde dos portugueses”, afirmou o ministro da Administração Interna, esta sexta-feira. “O Governo não foi notificado. Se for notificado, analisará. Os serviços jurídicos da presidência do Conselho de Ministros já estão instruídos para preparar a resolução fundamentada que garante a produção de efeitos”, segundo Eduardo Cabrita.

Nas suas declarações aos jornalistas, transmitidas pela RTP 3, o governante elogiou o trabalho da GNR no concelho de Odemira na “garantia de defesa dos direitos humanos e da saúde pública”, apontando que a sua ação contribuiu para reduzir em um terço o número de casos de Covid-19, desde que a “cerca sanitária foi instaurada”, e tendo libertado “de condições indignas vários cidadãos”. headtopics.com

O Supremo Tribunal Administrativo (STA) admitiu hoje a providência cautelar contra a requisição civil no Zmar para onde já foram transferidos 30 trabalhadores migrantes, que apesar de terem testado negativo para a Covid-19, foram realojados para evitar serem infetados, segundo disse ao JE o advogado de 114 proprietários de casas privadas, Nuno da Silva Vieira. O complexo conta com 160 casas privadas e 100 do estabecimento turístico.

O que é que isto implica? Ao admitir, o tribunal vai apenas analisar a providência cautelar, suspendendo os seus efeitos. Quando for notificado, o Governo tem 10 dias para responder ao processo. Consulte Mais informação: Jornal Económico »

Realojados noutros locais seis imigrantes que estavam no ZMarPara este domingo está prevista a saída de mais dez imigrantes que vão ser alojados em locais mais próximos das plantações onde trabalham. Entradas de leão.....

Retirados seis dos 28 imigrantes que foram realojados no ZmarQuem precisar de ser realojado será encaminhado exclusivamente para a Pousada de Almograve, disse o autarca de Odemira.

Quase 48 horas depois de terem chegado, seis imigrantes já abandonaram o ZmarOs seis imigrantes são duas famílias. Estão agora em casas indicadas pelos empregadores e alvo de vistorias das autoridades de saúde.

GNR diz que atuou durante os realojamentos de imigrantes no Zmar a pedido da Proteção CivilA Guarda Nacional Republicana indica ainda que a operação decorreu 'sem incidentes'. Pessoas que acham que a ação da GNR foi injustificada, é porque não têm visto a quantidade de ódio que aquelas pessoas têm recebido, ou fazem parte dele... A intervenção da GNR, neste caso, revela o uso da força de forma belicista. Aproveitar o momento de descanso do 'inimigo', a população do Zmar, para 'invadir' o espaço. Se não fosse a coberto de ordens do MAI, nunca a GNR tomaria aquele lugar daquela forma. Este modus de atuação deve servir para refletir sobre os perigos da militarização das polícias. Foi precisamente essa a razão genética que presidiu à criação da Polícia Cívica, hoje PSP.

GNR continua no complexo Zmar onde foram realojados imigrantesAlguns proprietários decidiram abandonar as suas casas depois do grupo de imigrantes ser realojado no complexo. DITADURA Que bom GNR toma conta dos cumpridores, os criminosos continuam em investigação durante anos, como estes migrantes. Tenho nojo de Portugal ser governado por minoria PS 20% dos cidadãos. Abstenção foi 60%, será que está gente não sente a Ditadura,o peso da opressão? NÃO VOTEM PS O Ventura é que é perigoso para a democracia ? Tem se visto ! Tanto português desfavorecido e carenciado que não teve uma única ajuda do estado nesta pandemia a ver incrédulo este atentado contra a sua dignidade. Continuem a votar nestas nódoas medíocres .

Proprietários do Zmar pedem fim da requisição civil após saída de imigrantes