Ventura acusa Costa de prometer 'mundos e fundos' com a bazuca europeia: 'Isso chama-se fraude'

Ventura acusa Costa de prometer 'mundos e fundos' com a bazuca europeia: 'Isso chama-se fraude'

19/09/2021 22:11:00

Ventura acusa Costa de prometer 'mundos e fundos' com a bazuca europeia: 'Isso chama-se fraude'

André Ventura acusou António Costa de andar pelo país a prometer 'mundos e fundos' com a bazuca. Sobre a deslocação de Temido ao Porto, ironizou: 'Uma coisa é gamar outra coisa é gamar de coração'.

19 Setembro 2021, 16:55André Ventura acusou António Costa de andar pelo país a prometer “mundos e fundos” com a bazuca. Sobre a deslocação de Temido ao Porto, ironizou: “Uma coisa é gamar outra coisa é gamar de coração”.

Jorge Jesus: «Se não puder ganhar ao Bayern, um ponto já é bom» Governo aberto a todas as sugestões do PCP e BE. Costa reúne-se com os partidos esta terça-feira Ministério Público e IGAS arquivam caso de vacinação indevida no Hospital da Cruz Vermelha

Hugo Delgado/LusaO líder do Chega, André Ventura acusou este domingo o primeiro-ministro António Costa, de andar pelo país a prometer “mundos e fundos”, com o dinheiro da bazuca europeia, situação que considera ser de deslealdade e uma fraude.

“António Costa não para de andar pelo país todo a prometer mundos e fundos, com dinheiro que não é dele, que é dinheiro da Europa. Já prometeu uma nova maternidade em Coimbra, novas redes ferroviárias e rodoviárias pelo norte do país e já prometeu mais mil milhões para os municípios. Isto chama-se fraude”, afirmou André Ventura. headtopics.com

Num comício realizado em Castelo Branco, em pleno centro cívico da cidade, onde esteve o candidato do partido à câmara local, o presidente do Chega realçou que António Costa está há sete anos no Governo, como primeiro-ministro.

“O país está a empobrecer. Continuamos a ter das pensões mais baixas da Europa, continuamos a ter da eletricidade mais cara, o gasóleo e gasolina mais caros, e agora anda a prometer mundos e fundos com a bazuca europeia. Isto tem um nome, chama-se deslealdade e fraude. Costa é a maior fraude política que ocorreu em Portugal nas últimas décadas”, vincou.

Ventura quer também que a ministra da Saúde, Marta Temido, seja responsabilizada pelo uso indevido de um carro do Estado para fazer ir fazer campanha eleitoral para o Porto.“A ministra da Saúde usou anteontem o carro do Estado para ir fazer campanha para o Porto. Carro do Estado, do Governo, pago pelos nosso impostos. Quando confrontada, a ministra disse que o fez de coração. Eu fiquei sensibilizado. Uma coisa é gamar outra coisa é gamar de coração. Os socialistas, às vezes gamam de coração. A direita não. A direita quando gama, gama terrivelmente”, ironizou.

André Ventura abordou também a corrupção para dizer que em Castelo Branco o tema é “bem conhecido”.“Um presidente [em Castelo Branco] perdeu um mandato por causa da corrupção. Nós perdemos 18 mil milhões de euros para a corrupção. Dava para termos a saúde digna que nos prometeram (…). No parlamento ninguém quer efetivamente combater a corrupção. Dizem que querem, mas são cúmplices do sistema que se montou em Portugal nos últimos 47 anos”, afirmou. headtopics.com

Filipa Martins nas finais de 'all around' e paralelas nos Mundiais de artística Ursula Perez: Ex-mulher de futebolista escolhe Portugal para viver Covid-19 em Portugal: 832 novos casos e seis mortes

O líder do Chega disse ainda que vai propor na Assembleia da República que as autarquias possam recorrer ao trabalho dos presos para fazer algumas tarefas, “mas com uma condição”.“Os presos não serão pagos por esse trabalho, porque eles já recebem todo o esforço que o país faz para os manter na prisão. Por isso é que nós vamos propor que os presos trabalham para as autarquias a reflorestar o território que ardeu, a construir estradas que estão destruídas, a recuperar alguns edifícios públicos, porque é assim que um país a sério devia fazer”, sustentou.

Ventura deu um exemplo daquilo que considera ser o “país ao contrário” e que tem a ver com a Dielmar, empresa de confeções de Alcains.“A empresa cometeu erros de gestão, sem dúvida. O Estado não pode ir suportar todos os erros de gestão, claro que não. É evidente que não. Mas sabem o que me choca verdadeiramente? É que naquele dia estavam em causa cerca de 300 postos de trabalho e temos um Governo que disse que evidentemente não podem vir agora estar a esturricar (foi a palavra do ministro e do líder do PSD), mais dinheiro na Dielmar e nestes trabalhadores”, disse.

Ventura argumentou que cerca de duas semanas depois, o ministro da Administração Interna disse que se podem “esturricar milhões de euros a receber 400 refugiados afegãos em Portugal”. Consulte Mais informação: Jornal Económico »

Facho, anda com tanto medo, que leva um pelotão de gorilas 🦍 e nem abre o pio, quem paga esta gente? Seria bom dizeres de onde vem tanto dinheiro🤮🤢☠️☠️☠️☠️☠️☠️☠️ ventura diz as verdades ... isso é verdade....

Costa promete mais mil milhões de euros para os municípiosSecretário-geral do PS acenou com as verbas para transferência de novas competências e chamou a atenção para potencialidades do PRR Vai Costa! Já foste ao banco 🤡🤡🤡 Faz-me lembrar o outro que ganhou a lotaria, e passado 2 anos estava pobre outravez. Promessas das esquerdas está bem está

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros“O Estado não passa responsabilidades na educação, na saúde ou não ação social, sem transferir também para os municípios os recursos financeiros necessários para que possam exercer essas competências”, afirmou o líder socialista num comício da candidatura do PS naquele município liderado pelo empres Com o dinheiro dos sucessivos orçamentos não fizeram nada de jeito. Com os dinheiros vindos de Bruxelas têm engordado amigos e nada foi sentido pelo povo Agora Costa grita aos 4 ventos que vêm aí mais milhões da Europa, mas onde vão ser aplicados ninguém sabe. Estamos lixados.

Autárquicas: Líder do CDS acusa Costa de “deslealdade perante os eleitores”Em declarações aos jornalistas em Nelas (distrito de Viseu) à margem de uma iniciativa da campanha autárquica, Francisco Rodrigues dos Santos afirmou que “há uma questão ética e moral que deve haver na política, que é em altura de eleições alguém que ocupa a função de primeiro-ministro não deve exac E eu acuso todos eles, por não fazerem nada por Portugal e os portugueses. Vivemos numa miséria Franciscana! O que é que este bebé chorão percebe de política ? quanto foi o 25 de abril ainda nem sonhava que vinha ao mundo ,como este andam muitos e muitas a fazer campanha eleitoral por todo o PAÍS sem saberem nada de nada da vida.👎👎👎👎

“Há aqueles que têm unhas para tocar guitarra e há os que não têm”, avisa CostaO secretário-geral do PS falava em Marco de Canaveses, num comício com a actual presidente e candidata do PS à Câmara Municipal local, Cristina Vieira, e abordava o projecto piloto de descentralização que decorreu no município, que, nos últimos quat E... Se alguém têm jeito para música é o... Costa!!! Anda há anos a dar música aos portugueses!!! Já lembra os festivais da canção! Jmm e depois há os que dão música aos Portugueses para os fazer de parvos, Costa é mestre nisso. Que campanha nojenta de insultos e mal dizer sem mais nada em concreto, Costa fala fala fala , mente descaradamente sobre os PRR, alguém que o meta na ordem O Costa formou outro partido o que era conhecido por PS, agora é o PRR... Esses gajos vão vão por a bazuca a disparar 'pólvora seca'... E os portugueses vão acabar, como sempre, a pagar a conta desses devaneios..

Agora é a doer: o PS e Costa estão na mira da CDUSem 'geringonça' a limitar o discurso político, os candidatos da CDU destravaram a língua para mostrar que a batalha se faz taco a taco com o adversário socialista. É hora de acertar contas com António Costa, acusado de penalizar as autarquias comunistas e de favorecer 'com pedaços da sua bazuca os candidatos do seu partido'. 'Será que o PM vai aplicar a ética e a lei?', questionou Maria das Dores Meira

Costa considera fundamental dotar territórios de infraestruturas essenciais para empresasO secretário-geral falava na Maia, num comício de apoio ao candidato do partido à Câmara Municipal local, Francisco Vieira de Carvalho.