UGT quer salário mínimo de 1.000 euros até 2028

UGT quer salário mínimo de 1.000 euros até 2028

16/09/2021 18:51:00

UGT quer salário mínimo de 1.000 euros até 2028

Para já, no próximo ano, reivindica um aumento para os 715 euros.

"Este é um Governo socialista, que conta com o apoio da esquerda no Parlamento, tem o dever social de fazer subir os salários", disse o sindicalista, acrescentando que é a palavra do primeiro-ministro que está em causa, que assumiu no congresso socialista de Portimão que"chega de baixos salários".

Mais de uma centena em protesto contra ″roubo″ no preço dos combustíveis Centenas pelo país protestam contra o aumento do preço dos combustíveis Novo estatuto do SNS prevê dedicação plena dos médicos

Carlos Silva lembrou a promessa do Governo, no sentido de fixar o Salário Mínimo Nacional nos 750 euros em 2023, e apresentou a nova proposta da UGT, para a legislatura seguinte,com o objetivo de alcançar os 1.000 euros em 2028."O Governo tem de dar o exemplo e exigimos que dê um passo em frente".

A UGT aprovou esta quinta-feira a sua proposta de política reivindicativa para 2022 que prevêaumentos salariais de pelo menos 50 eurospara todos os trabalhadores em 2022 e a fixação do salário mínimo nacional nos 715 euros. headtopics.com

A proposta aprovada por unanimidade pelo Secretariado Nacional da UGT defende também que os aumentos salariais a negociar na contratação coletiva devem situar-se entre os 2% e os 4%, nunca ficando abaixo dos 50 euros por trabalhador. Consulte Mais informação: SIC Notícias »

Que peça ao *dono disto tudo*. Os milhões roubados darão para uma porrada de anos!!! Jmm Já ajudava se pedisse ao amigo Salgado para devolver aos donos o que roubou

UGT quer salário mínimo nos 715 euros em 2022 e aponta para mil euros em 2028Carlos Silva, secretário-geral da UGT, defende um aumento de 50 euros na remuneração mínima garantida em Portugal já no próximo ano. Na apresentação da política reivindicativa da central sindical para o próximo ano, lembrou a entrada de 49 mil milhões de euros de fundos estruturais no país nos próximos anos, considerando que 'é tempo de os trabalhadores terem um bocadinho do bolo' Fdx... mais vale ir pras polícias por 740..

UGT pede salário mínimo de 715 euros no próximo ano

UGT aprova hoje política de rendimentosNovo documento reivindicativo vai defender que se volte à discussão sobre valorização salarial.

Três sindicatos portugueses reúnem-se com UGT espanhola por causa dos despedimentos do Santander TottaO Mais Sindicato, o Sindicato dos Bancários do Centro e o Sindicato dos Bancários do Norte ressalvaram que da reunião saiu a importância do diálogo ibérico, 'para que a administração central Santander em Espanha saiba o que se passa em Portugal e como os responsáveis do Santander Totta 'agem, de for

UGT espanhola defende fim dos despedimentos no Santander PortugalUma delegação da UGT de Espanha, que integrou dirigentes sindicais do grupo Santander naquele país, esteve em Lisboa a convite da congénere portuguesa para se reunir com os três sindicatos da banca da UGT, Mais Sindicato, SBC e SBN e discutir o despedimento em curso

UGT quer salário mínimo nos 715 euros em 2022 e aponta para mil euros em 2028Carlos Silva, secretário-geral da UGT, defende um aumento de 50 euros na remuneração mínima garantida em Portugal já no próximo ano. Na apresentação da política reivindicativa da central sindical para o próximo ano, lembrou a entrada de 49 mil milhões de euros de fundos estruturais no país nos próximos anos, considerando que 'é tempo de os trabalhadores terem um bocadinho do bolo' Fdx... mais vale ir pras polícias por 740..