Treinador de campeã olímpica lamenta ″linchamento mediático″ por alegada agressão

Treinador de campeã olímpica lamenta 'linchamento mediático' por alegada agressão

Judo, Violência Doméstica

03/12/2021 02:20:00

Treinador de campeã olímpica lamenta 'linchamento mediático' por alegada agressão

O treinador francês Alain Schmitt denunciou, esta quinta-feira, o que entende ser o 'linchamento mediático' em torno da suposta agressão à companheira e campeã olímpica Margaux Pinot, que neste mesmo dia assumiu ter receado pela vida.

"Houve um recurso [doMinistério Público], é justiça. Eles têm o direito de fazer e fizeram. Agora, o que eu não respeito por outro lado é o linchamento nos media que está a ser feito em torno disto. Instagram e Twitter é tudo menos um tribunal", justificou Alain Schmitt, de 28 anos, numa conferência de imprensa em que exibiu um enorme hematoma na parte superior direita do rosto.

Legislativas: Marques Mendes prevê nova queda de Governo em 2024 - SIC Notícias

Margaux Pinot, de 27 anos, acusou o companheiro e ex-treinador do clube Etoile Sportive du Blanc-Mesnil, na região de Paris, de a ter feito bater, reiteradamente, com a cabeça no chão, além de a ter tentado estrangular durante uma luta na noite de sábado, na casa que partilham.

A polícia deteve Alain Schmitt pouco depois, mas o tribunal acabou libertá-lo, por considerar não ter"provas suficientes de culpa": a acusação recorreu desta sentença, que indignou a opinião pública francesa. headtopics.com

Enquanto Alan Schmitt alega ser vítima de calúnia, a companheira reiterou as acusações.Alain alega que Margaux não queria quer ele viajasse para, onde iria treinar a seleção feminina, atirando-se a ele e provocado uma luta no solo, com ambos a rolarem no apartamento como se um combate de judo se tratasse.

Nova ″grande erupção″ sentida em vulcão submarino em Tonga

Entretanto, a federação de judo de Israel anunciou ter suspendido todos os contactos com o treinador.PUBJá Margaux, medalha de ouro em Toquio2020 com a seleção mista de França, assegurou que Alain"está a mentir", garantindo que o companheiro, que consumiu álcool nessa noite, terá iniciado as agressões enquanto ela estava na cama.

"Atirou-se para cima de mim e começou a dar-me socos. Direita, esquerda... nem me defendi dos golpes, disse-lhe: 'Alain, pára, pára!'".A judoca, que publicou uma foto com o rosto algo desfigurado, confessou ter pensado para si própria:"Tens de sair daqui, senão ele mata-te".

Margaux Pinot, que já competiu em duas categorias, -63 kg e -70 kg, tem ainda uma medalha de bronze mundial em 2019, dois títulos de campeã da Europa, em 2019 e 2020, bem como duas de prata, em 2017 e 2021.

Consulte Mais informação: Jornal de Notícias »

Decisão 22: o confronto entre Catarina Martins e Cotrim Figueiredo na íntegra - CNN Portugal

CNN Portugal. O novo canal de informação, com uma cultura multiplataforma, propõe-se a acompanhar, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo.

″O que faltou? A morte talvez″: Caso da judoca Margaux Pinot gera indignação em FrançaEm causa está a alegada agressão a Margaux Pinot, campeã olímpica de judo, pelo seu parceiro e ex-treinador, que foi absolvido por 'falta de provas'

Judoca olímpica francesa acusa treinador de agressão violentaMargaux Pinot, que conquistou o ouro em Tóquio na competição de equipas, revelou o rosto cheio de hematomas nas redes sociais. O agressor, acusa a atleta, é o seu treinador e companheiro, Alain Schmitt.

Sérgio Conceição e a ida a Portimão: «Estamos precavidos para um jogo difícil»FC Porto - Sérgio Conceição e a ida a Portimão: «Estamos precavidos para um jogo difícil» Ahahahah! A dificuldade vai ser dar as luvas habituais nas barbas da PJ! Isso é porque o Pedro Pinho das malas ainda está na Roménia?

Jorge Jesus: «O hoje é sempre mais importante do que o amanhã, já dizia Gandhi»Vídeos - Jorge Jesus: «O hoje é sempre mais importante do que o amanhã, já dizia Gandhi» Foda-se!! Ouvir o nome de Ghandi, no boca deste demente , deveria dar lugar a cadeia.

GNR descobre mulher colocada em cativeiro pelo marido em GondomarAutoridades judiciárias optaram por fixar para o suspeito medidas de coação não privativas de liberdade.

Os processos em que Pinto da Costa já esteve envolvidoNão é a primeira vez que o presidente do Futebol Clube do Porto é associado a investigações criminais, sendo o processo Apito Dourado o mais mediático.