Tensão a leste. Amnistia Internacional Portugal alerta para possível crise de refugiados

As notícias das 3h

29/01/2022 06:20:00

As notícias das 3h

Neste jornal, os desenvolvimentos da tensão Rússia-Ucrânia. Os EUA vão enviar tropas. Já Putin garante que não vai reagir no imediato. Ainda os últimos dados da pandemia em Portugal.

Consulte Mais informação: Observador »

Presidente ucraniano pede a Moscovo gesto para desanuviar a tensão - SIC NotíciasZelensky disse estar preparado para se encontrar com o Presidente russo.

Tensão nos cuidados continuados

Tensão Rússia-Ucrânia:Europa depende em 40% do gás russo. Uma escalada significaria subida dos preços - CNN PortugalCNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo. E há quem dependa da Tefal e da Silampos. Conversa da treta em que este senhor é especialista. Por que razão a adorada Merkel deixou as coisas chegar a este ponto?! Que motivos a levaram a meter-se nas patas de um Ditador como o Putin? Por que ñ são feitas estas perguntas a este carapau? O vosso Jornalista Pedro Bello Moraes não tem um pingo de isenção. É triste haver jornalistas assim. Depois de uma peça sobre a campanha do PartidoCHEGA ele diz: ' políticos e as suas promessas á caça de votos'. Ele fez o mesmo aos outros partidos?

Conflito armado na Ucrânia 'pode agravar crise de refugiados', alerta Amnistia Internacional - RenascençaO diretor executivo da Amnistia Internacional Portugal avisa que o resto da Europa e a UE terão de lidar com uma eventual crise humanitária. Pedro Neto lamenta que as negociações 'não estão a correr bem'.

Portugal alerta para 'aumento de risco de atentados terroristas' no QuéniaAs autoridades portuguesas alertaram o Quénia para a possibilidade elevada de um atentado terrorista e aconselham os portugueses presentes no país a seguirem as recomendações das autoridades locais. é serio isto?! 'Portugal alerta para “aumento de risco de atentados terroristas” no Quénia' Portugal não detecta o próximo incendio florestal terrorista no seu próprio quintal e vai dar bitaites no...Quénia?!🤬🤡🤡🤡

Se para lá das eleições “houver atenção política, é possível um médico de família para todos” - RenascençaEm entrevista à Renascença, Pedro Pita Barros defende penalizações para os maus gestores dos hospitais públicos e o copagamento de alguns serviços prestados nos hospitais de forma a controlar os abusos no SNS.