TAP: SITAVA condena 'ignóbeis e sórdidos ataques' da Associação Comercial do Porto

TAP: SITAVA condena “ignóbeis e sórdidos ataques“ da Associação Comercial do Porto

20/09/2021 20:15:00

TAP: SITAVA condena “ignóbeis e sórdidos ataques“ da Associação Comercial do Porto

Sindicato dos trabalhadores da aviação lamenta a ausência de reação da administração da TAP ao que diz serem os ataques da Associação Comercial do Porto, que veio na semana passada apelar à falência da transportadora e à criação de uma empresa ao lado. O SITAVA considera o discurso do presidente Nuno Botelho 'recheado de imbecilidades'

O presidente da ACP defendeu que seria mais barato para o país fechar a TAP e abrir uma empresa ao lado."É hora de dizer basta. É urgente avançar para a falência da TAP e fechar a empresa de uma vez por todas para abrir outra companhia ao lado, que até pode ser uma PAT”, salientou. Nuno Botelho acrescentou ainda que “pedir a falência da TAP é optar por uma solução mais barata, uma vez que significa deixar de passar cheques sem branco atrás de cheques em branco”.

Sporting e FC Porto inflacionam ativos com troca de jovens da equipa B Governo afasta demissão de Costa em caso de chumbo do OE Primeiro-ministro polaco acusa UE de ter uma “arma apontada à cabeça” da Polónia

O SITAVA não gostou das palavras de Nuno Botelho, e contesta-as."As ideias lá expressas, se lhe podemos chamar ideias, não representam apenas um ataque aos trabalhadores da TAP – o que, só por si já seria grave – mas o que tresanda de todo o texto é uma declaração de guerra a todos os trabalhadores portugueses".

O SITAVA defende que para o presidente da ACP existem apenas dois destinos para os trabalhadores em Portugal:"ou um emprego precário no turismolow costque essa associação defende e promove, ou a emigração para que os trabalhadores portugueses produzam lá fora os produtos que esse senhor irá depois comprar mais baratos em Portugal". headtopics.com

O sindicato enumera as razões por que considera a TAP importante para o país, perguntando se a ACP as ignora."Será que estes senhores negam que a TAP foi e voltará a ser o maior exportador nacional de serviços? Que o Grupo TAP, mesmo depois da pandemia, cria mais de dez mil postos de trabalho diretos – a esmagadora maioria deles altamente especializados – e muitos mais milhares indiretos? Que compra no mercado nacional a mais de mil empresas portuguesas? Ou que a atividade do grupo representava e voltará a representar no pós-pandemia mais de 2% do PIB nacional?".

Consulte Mais informação: Expresso »

Sérgio Conceição avisa: “Se alguém não está bem, sai”Treinador do FC Porto exige manutenção da atitude competitiva na mudança da Champions para a Liga.

Associação Académica de Lisboa pede revogação da lei que impede festejos académicosJá pediu esclarecimentos ao Governo.

Portugal lídera na cobertura de redes de alta velocidade com fibra óticaA conclusão é da Associação de Operadores, que, numa análise ao desempenho do setor, destaca o crescimento, em cinco anos, da cobertura em fibra ótica.

Portugal lídera na cobertura de redes de alta velocidade com fibra óticaA conclusão é da Associação de Operadores, que, numa análise ao desempenho do setor, destaca o crescimento, em cinco anos, da cobertura em fibra ótica.

FC Porto-Moreirense: os onzes e a antevisão dos especialistas Record

Portugal tem segundo maior défice comercial da Europa nos produtos químicosPortugal ficou com um saldo negativo de 451 milhões de euros em 2020 no que diz respeito ao comércio de produtos químicos, segundo o Eurostat. Na UE o excedente foi de 178 mil milhões de euros, sendo os medicamentos o produto mais comercializado