Haris Seferovic, Odyssas Vlachodimos, Liga Nos

Haris Seferovic, Odyssas Vlachodimos

Seferovic: «Não há outro objetivo: queremos ser campeões»

Benfica - Seferovic: «Não há outro objetivo: queremos ser campeões»

02/06/2020 20:20:00

Benfica - Seferovic: «Não há outro objetivo: queremos ser campeões»

Avançado suíço diz-se totalmente recuperado e pronto a lutar pela titularidade

, também Haris Seferovic falou à imprensa internacional esta terça-feira. A um dia do retorno da Liga NOS, o avançado helvético mostrou-se entusiasmado e confiante para o que resta disputar no campeonato e assegurou já estar totalmente livre dos problemas físicos que o incomodaram.

No Líbano deixou de ser possível comprar carne e já nem o pão é garantido Katia Aveiro garante: 'Gosto de ser eu a pagar as minhas contas' Covid-19. Espanha dá passo atrás e confina 70 mil pessoas na Galiza

"A temporada tem sido de altos e baixos. Depois da primeira lesão não quis perder muitos jogos e joguei apenas ao fim de três semanas, ao invés das cinco a seis que o médico tinha dito. Graças a esta longa paragem fui capaz de recuperar totalmente. A lesão está ultrapassada por completo e agora queremos ser campeões. Não há outro objetivo", assegurou o avançado, numa conversa com a emissora MySports, na qual elogiou a forma como Vinícius se afirmou:"Fez um bom trabalho e aproveitou a oportunidade".

Por fim, Seferovic abordou ainda aa crianças necessitadas que fez durante o mês de abril, um gesto que teve porque"nem todas as crianças têm acesso a este tipo de ajuda. Quis dar algo à sociedade". Consulte Mais informação: Diário Record »

Os padres vão fazer o seu melhor não tenho dúvidas nenhumas! nem que seja aos empurrões

Rui Rio não se opõe a Costa Silva mas não quer tê-lo com interlocutorPolítica - Rui Rio não se opõe a Costa Silva mas não quer tê-lo com interlocutor

Não basta não sermos racistas, sejamos anti-racistasO racismo não é um filme americano, não é um vídeo violento, não é a morte de George Floyd. É uma cultura transversal. É uma decisão. E o silêncio não chega. Não basta não sermos racistas. Sejamos anti-racistas. Obrigado por pregar a intolerância.

Vítor Oliveira: «É importante que não facilitemos para não andarmos com as calças na mão»Treinador do Gil Vicente sublinha que 'deviam ter sido dados passos maiores para que o futebol regressasse com maior normalidade'

Covid-19: ''A batalha não está ganha''Governo apela para que as pessoas desconfinem em segurança.

Recolher obrigatório não trava protestos nos EUAMilhares de manifestantes rodearam a Casa Branca.

Delegado de saúde diz que ″não faz sentido″ um cordão sanitário na AzambujaA implementação de um cordão sanitário no concelho de Azambuja, distrito de Lisboa, 'não faz qualquer sentido', afirmou hoje o delegado regional de saúde, defendendo que basta o isolamento das 40 pessoas infetadas pela covid-19.