Rio em tom “picado” aposta no voto útil para primeiro-ministro e recebe apoio do ex-presidente do Constitucional

Rio em tom “picado” aposta no voto útil para primeiro-ministro e recebe apoio do ex-presidente do Constitucional

23/10/2021 19:55:00

Rio em tom “picado” aposta no voto útil para primeiro-ministro e recebe apoio do ex-presidente do Constitucional

O ex-presidente do TC apoia Rio para ser “primeiro-ministro”. Líder arrancou duro contra Rangel com discurso à procura dos votos não condicionados pelo aparelho

fotoCom um tom muito mais agressivo do que o de Paulo Rangel a semana passada, Rui Rio apresentou a sua recandidatura à liderança do PSD a destacar a imagem de perfil executivo e com um ataque feroz ao rival (que tinha deixado no ar na noite das europeias de 2019): “O adversário que tenho, teve o pior resultado da história do PSD” (ver texto pág. 14). As duas fações já tinham arrancado para a corrida com a contagem de espingardas no aparelho, mas Rio pôs o ónus todo do outro lado: “O que está em causa é a escolha do próximo primeiro-ministro do nosso país. Não estamos perante a escolha de um bom tribuno nem de um eficaz angariador de votos partidários”, atirou o presidente do PSD. Este posicionamento faz parte da nova estratégia.

Viagra reduz risco de ter Alzheimer MP tem na sua posse emails sobre negócios fictícios no FC Porto para desvio de dinheiro (com áudio) Três casos da Ómicron no voo de Moçambique que chegou a Lisboa no sábado

Ensombrado pela derrota no Conselho Nacional quanto ao adiamento das eleições internas por causa da crise política, acusou a oposição interna de “aventureirismo”. O tom “picado” acentuou-se nas perguntas aos jornalistas, mas no discurso já tinha assumido que “seria muito prejudicial para o partido” se “o PSD mudasse de presidente” quando há “sinais visíveis de uma grande abertura para votar no PSD”. O mote de comunicação da candidatura está lançado: o apelo ao voto útil.

Consulte Mais informação: Expresso »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Rio 'picado' vai a jogo com apoio das basesAndou sempre va onda do ditador e agora sente arrependimento

Rui Rio aponta às legislativas: ″Estamos mais perto de ganhar ao PS″Rui Rio oficializou, esta sexta-feira, a recandidatura à liderança do PSD, destacando que os sociais-democratas estão hoje 'mais perto de ganhar ao PS'. E atirou-se a quem, olhando para interesses individuais, origina divisões internas no partido.

Rangel e Rio usam o Porto para medir forças nas diretasEurodeputado apresenta, no domingo, candidatura aos militantes, e lança o slogan 'Unir, crescer e vencer'.

Socialista Daniel Adrião critica estratégia do PS de ″isolar″ PSD de Rui RioO dirigente socialista Daniel Adrião, da ala minoritária do PS, criticou, esta sexta-feira, a estratégia da direção do seu partido de isolar o PSD de Rui Rio, ficando só com o PCP e Bloco de Esquerda como interlocutores. Ai meu querido bloco central O PSD concorreu em coligações pelo país todo, então que isolamento é esse? 🙄

PSD: Rui Rio assegura que se vai “conter” nas eleições internas“Quando me picam, eu vou melhor”, disse Rui Rio na apresentação da sua nova candidatura à liderança do PSD. Partido que, recordou mais uma vez, nem sempre esteve com o seu líder, apesar de todos os seus esforços.

Empresários querem valorizar rio Tejo e a região do Médio TejoProjetos Expresso. As declarações dos protagonistas de mais um Encontro Fora da Caixa, organizado pela Caixa Geral de Depósitos com o apoio do Expresso, desta vez sobre os recursos hídricos e a adaptação às alterações climáticas na zona do Médio Tejo