Covıd-19, Rio De Janeiro, Carnaval Do Rio, Carnaval, Internacional

Covıd-19, Rio De Janeiro

Rio de Janeiro cancela Carnaval em julho deste ano e remete para 2022

Rio de Janeiro cancela carnaval em julho deste ano e remete para 2022

21/01/2021 21:12:00

Rio de Janeiro cancela carnaval em julho deste ano e remete para 2022

O autarca Eduardo Paes confirmou que as celebrações carnavalescas na 'cidade maravilhosa' não ocorrerão este ano, mas 'certamente em 2022'.

SubscreverEduardo Paes confirmou que as celebrações carnavalescas na"cidade maravilhosa" não ocorrerão este ano, mas"certamente em 2022"."Certamente em 2022 poderemos (todos devidamente vacinados) celebrar a vida e a nossa cultura com toda a intensidade que merecemos. Já determinei que a Riotur [empresa de turismo do município] e a secretaria municipal de cultura trabalhem na preparação de editais a fim de permitir que os fazedores dessa grande festa e celebração cultural tenham alguma forma de sustento ao longo de 2021"

Artur Soares Dias vai apitar o F. C. Porto - Braga Autárquicas. PAN vai apresentar candidato próprio à Câmara de Lisboa Desconfinamento? Só depois da Páscoa, com testes e ''vacinação mais rápida''

, informou ainda o autarca.A pandemia da covid-19 no Brasil, país que enfrenta uma segunda vaga da doença, fez os carnavais deste ano serem adiados ou cancelados em todo o país sul-americano.Em fevereiro, mês em que habitualmente se celebra o carnaval, a festa não acontecerá em Belo Horizonte, Florianópolis, São Paulo, Salvador, Recife e Rio de Janeiro, cidades que ainda avaliavam transferir a folia para outra datas.

Em setembro do ano passado, a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) do Rio de Janeiro e os presidentes das agremiações decidiram não realizar o tradicional desfile em fevereiro deste ano.Dessa forma, julho era o mês mais especulado para que a festa ocorresse, e foi a ocasião indicada pela Liesa para os festejos, num plenário realizado em novembro último, frisando que tudo dependeria do agravamento da pandemia e do cenário da imunização contra a covid-19 no país. headtopics.com

O Brasil é o país lusófono mais afetado pela pandemia e um dos mais atingidos no mundo, ao contabilizar o segundo maior número de mortos (212.831, em mais de 8,6 milhões de casos), depois dos Estados Unidos.A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.075.698 mortos resultantes de mais de 96,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

Certíssimo.