Quem quer casar com o PSD? Edição PAN

16/01/2022 01:00:00

Portugal - Quem quer casar com o PSD? Edição PAN

Assembleia Da República, Psd

Portugal - Quem quer casar com o PSD ? Edição PAN

Rui Rio elogiou o PAN pela forma como está disposto a negociar acordos. Mas Inês de Sousa Real tem condições para esse apoio: debates quinzenais, ordenamento florestal e impostos.

Rui Rio (PSD) e Inês de Sousa Real (PAN) debateram este sábado na RTP no último dos debates frente a frente antes das legislativas de 30 de janeiro. O líder social-democrata tentou estabelecer um clima de romance com o partido Pessoas-Animais-Natureza, com a sua adversária a admitir uma relação, mas desde que sejam cumpridos requisitos mínimos.

Quem venceu o debate?Inês de Sousa Real foi dominante no debate, marcando os temas que foram discutidos, mas colocou-se a si mesma e ao seu partido numa posição de muleta. Inês de Sousa Real não disse:"Se o PSD não nos levar ao baile, vamos com o PS", mas é quase como se o tivesse dito. Admitiu negociar com qualquer um dos dois partidos, desde que respeitassem as posições do PAN.

Consulte Mais informação:
Revista SÁBADO »

PSD vs PAN. Dos elogios a possíveis acordos às 'linhas vermelhas' que poderão causar desentendimentos

Visão | Covid-19: Quebec avança com multas pesadas para quem recusar a vacinaNa província canadiana do Quebec, 90% dos residentes elegíveis para tomar a vacina contra a Covid-19 têm pelo menos uma dose da vacina, mas o Governo argumenta que os não-vacinados continuam a ser um fardo para o sistema de saúde da província Muito bem o Quebeque, também devia ser assim em Portugal, multas para quem não levou a vacina e para quem levou.

Função pública é ″tema tabu″ na campanha, mas exige respostas a quem governarCrescentes saídas para a reforma, dificuldades em recrutar, carreiras consumidas pela subida do salário mínimo e um sistema de avaliação cada vez mais contestado deixam o serviço público à espera de soluções que tardam, dizem os sindicatos. Os partidos até têm propostas mas, até aqui, não arriscaram debatê-las. Função Publica, Forcas Armadas, comunidade Indiana e jornalistas são os 4 grandes Lobbies do Partido Socialista de Antonio Costa mas a Função pública é o filho 'pródigo '. Mais burocracia mais jobs for the boys.

Cotrim Figueiredo: Quem não quer reformar o SNS está a ajudar na sua 'implosão'Presidente da Iniciativa Liberal arrancou campanha com visita a Centro Hospitalar de Coimbra. Cotrim Figueiredo defendeu a abertura da prestação de serviços de saúde dos privados no SNS. Quanto é que será que os privados lhes estão a pagar?

Erros alimentares comuns de quem frequenta um ginásioIndependentemente do objetivo (perder peso ou ganhar massa muscular), para o alcançar é necessário saber como treinar e o que comer. Se um destes dois estiver a falhar, o ...

+ Rui Rio (PSD) e Inês de Sousa Real (PAN) debateram este sábado na RTP no último dos debates frente a frente antes das legislativas de 30 de janeiro.legislativas2022 A líder do PAN, Inês Sousa Real, e o líder do PSD, Rui Rio, enfrentaram-se, este sábado, nos estúdios da RTP no Porto, naquele que foi o último debate a dois antes das eleições legislativas antecipadas.Pedro Villas Boas Mundo 14.e receba as informações em primeira mão.

O líder social-democrata tentou estabelecer um clima de romance com o partido Pessoas-Animais-Natureza, com a sua adversária a admitir uma relação, mas desde que sejam cumpridos requisitos mínimos. Quem venceu o debate? Inês de Sousa Real foi dominante no debate, marcando os temas que foram discutidos, mas colocou-se a si mesma e ao seu partido numa posição de muleta. Depois de ser questionada sobre se é indiferente que seja Costa ou Rio o primeiro-ministro, a partir do dia 30 de janeiro, a líder do PAN começou por dizer que “é fundamental” conseguir avançar com as causas do partido, mas avisou que o tema dos debates quinzenais “é uma linha vermelha”. Inês de Sousa Real não disse:"Se o PSD não nos levar ao baile, vamos com o PS", mas é quase como se o tivesse dito. A nova medida pretende assegurar que o sistema de saúde público da província não seja sobrecarregado, já que a grande maioria de pacientes hospitalizados no Quebec – o número não foi revelado – ainda não foram vacinados. Admitiu negociar com qualquer um dos dois partidos, desde que respeitassem as posições do PAN. “Não é indiferente aquela que seja a posição não só de Rui Rio ou de António Costa da reposição dos debates quinzenais. Já Rui Rio teve de estar na defensiva, respondendo aos ataques que o acusavam de"falta de respeito com o Parlamento", afirmando que é crítico do funcionamento do Parlamento, mas que não o despreza. "Milhares a marcar passo" Mas, estas são palavras que para já pouco dirão aos assistentes técnicos, grupo da administração pública que na última semana se tem mobilizado com o envio de várias cartas aos partidos e aos media para chamar a atenção para o que considera ser uma injustiça.

"Para mim, a política tem de ser feita com seriedade, não com espectáculo", afirmou. Rui Rio aproveitou para elogiar a “abertura” do PAN para negociar com o PSD ou PS, sublinhando que “dificilmente haverá maioria absoluta de alguém” e, dessa forma, uma grande diferença entre ambos os partidos, uma vez que António Costa insiste numa maioria absoluta. O presidente do executivo do Quebec falou em justiça “para os 90% da população que fizeram alguns sacrifícios”. Para continuar a ler .