Presidente dos EUA denuncia antissemitismo e ascensão do extremismo no país

Beth Israel, Dallas

16/01/2022 13:00:00

O Presidente dos EUA saudou a libertação dos reféns da sinagoga do Texas e, enquanto se aguardam detalhes sobre a motivação do sequestrador, disse ser necessário denunciar 'o antissemitismo e ascensão do extremismo' no país.

cancelarReutersO Presidente dos EUA saudou a libertação dos reféns da sinagoga do Texas e, enquanto se aguardam detalhes sobre a motivação do sequestrador, disse ser necessário denunciar"o antissemitismo e ascensão do extremismo" no país.

VER MAIS"Estou grato face ao trabalho incansável das forças de segurança, a todos os níveis, que agiu de forma cooperativa e corajosa para resgatar os reféns. Estamos a enviar amor e força aos membros da Congregação Beth Israel, Colleyville, e à comunidade judaica", afirmou Joe Biden no sábado à noite.

Consulte Mais informação: RTPNotícias »

Presidente dos EUA denuncia antissemitismo e ascensão do extremismo no paísHá outras questões bem mais problemáticas. Soundbite para desviar atenções dos verdadeiros problemas…

Ucrânia: Presidente Zelensky propõe reunião tripartida com homólogos da Rússia e EUA

EUA dizem que Rússia planeia orquestrar “pretexto” para poder invadir a UcrâniaAs informações reveladas por Washington surgem depois de as iniciativas diplomáticas para tentar baixar a tensão entre a Rússia e a Ucrânia e NATO terem falhado. Estilo Afeganistão, Iraque, ... Mormal Querem ver que a Rússia vai alegar que a Ucrânia tem armas de destruição massiva, como fizeram os EUA antes de invadirem o Iraque? Não me digam que os russos contrataram o Barroso, o Blair e o Aznar...

Justiça dos EUA acusa Google e Meta de práticas anticoncorrenciais no mercado publicitário

Sequestrador morto e reféns libertados em sinagoga nos EUA - SIC NotíciasSequestrador exigiu a libertação da irmã, que cumpre uma pena de 86 anos.

Covid-19: Vaga da Ómicron está a recuar na Costa Leste dos EUA, incluindo Nova Iorque