Portugal regista novo caso de gripe das aves em Constância

14/01/2022 22:28:00

Sociedade - Portugal regista novo caso de gripe das aves em Constância

Vila Nova Da Barquinha, Direção-Geral De Alimentação E Veterinária

Sociedade - Portugal regista novo caso de gripe das aves em Constância

Segundo a DGAV , caso foi detetado em animais domésticos na freguesia de Santa Margarida da Coutada.

gripe aviária, avesFOTO: ReutersA Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) confirmou esta sexta-feira um foco de infeção por vírus da gripe aviária numa instalação que detém aves de coleção em Constância, no distrito de Santarém.

Em comunicado, a DGAV adiantou que o caso foi detetado em animais domésticos na freguesia de Santa Margarida da Coutada, que se insere na zona de vigilância do foco primário detetado em dezembro em Vila Nova da Barquinha, município contíguo ao de Constância.

Consulte Mais informação: Correio da Manhã »

Sol da Caparica na RTP | Extra | RTP

Os artigos da TV e da Rádio no entretenimento, música, comédia, ficção, artes e espetáculo no universo RTP Consulte Mais informação >>

Frango? Nunca. Lagosta sim!!

Mercedes de futebolista furtado recuperado em Vila das AvesViatura, avaliada em 100 mil euros, tinha sido dada como furtada em Coimbra. Afinal era um caso de segurança Nacional!! Os futebolistas são uma prioridade nacional!

Luís Freire: «Não houve a estrelinha»As declarações do treinador do Rio Ave após eliminação na Taça de Portugal

Pako Ayestarán: «Não vou perder nem dois segundos a pensar na meia-final»As declarações do treinador do Tondela após triunfo sobre o Rio Ave na Taça de Portugal

Tondela vence Rio Ave no prolongamento e estás nas 'meias' da Taça de PortugalFutebol - Tondela vence Rio Ave no prolongamento e estás nas 'meias' da Taça de Portugal

Telepizza planeia abrir mais de dez lojas em Portugal em 2022A cadeia de fast-food entra em 2022 com 'fome' de aberturas em Portugal, depois de ter atingido o marco das 150 lojas em todo o país. Só demonstra que os portugueses não percebem nada de pizzas.. para comer dessas..

Excesso de mortalidade em Portugal foi o 5º mais baixo da UEEm novembro de 2021, voltou a registar-se um aumento no excesso de mortalidade na União Europeia. Portugal registou a quinta taxa mais baixa da UE e bastante abaixo da média do bloco comunitário.

Lusa gripe aviária, aves FOTO: Reuters A Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) confirmou esta sexta-feira um foco de infeção por vírus da gripe aviária numa instalação que detém aves de coleção em Constância, no distrito de Santarém.Aureliana Gomes 15:36 Militares da GNR em operação de fiscalização A GNR recuperou, esta sexta-feira, um Mercedes de Classe E, do futebolista, David Sualehe, do Paços de Ferreira, emprestado à Académica de Coimbra.Assine para partilhar E usufrua de todas as vantagens de ser assinante Luís Freire deu corpo ao"contexto complicado do Rio Ave, em função de várias ausências", mas elogiou o espírito de compromisso dos seus jogadores, bem como diferenciou o peso do cartão vermelho a Aderllan Santos.Assine para partilhar E usufrua de todas as vantagens de ser assinante Pako Ayestarán reconheceu dificuldades em explorar a profundidade e garantiu que o seu foco está já no jogo com o Santa Clara.

Em comunicado, a DGAV adiantou que o caso foi detetado em animais domésticos na freguesia de Santa Margarida da Coutada, que se insere na zona de vigilância do foco primário detetado em dezembro em Vila Nova da Barquinha, município contíguo ao de Constância. A Direção-Geral de Alimentação e Veterinária indicou ainda que"as medidas de controlo do foco estão já a ser implementadas de acordo com a legislação em vigor". Foi agora recuperada pela Guarda Nacional Republicada que está agora a investigar os contornos do furto. Estas medidas, acrescenta, incluem a"inspeção aos locais onde foi detetada a doença e a eliminação dos animais afetados, assim como a inspeção e notificação das explorações que detêm aves nas zonas de proteção, num raio de três quilómetros (km) em redor do foco, e na zona de vigilância num raio de 10 km". Leia também Detetado terceiro foco de gripe das aves em Portugal No dia 31 de dezembro tinha sido confirmado um foco numa exploração de perus, em Praia do Ribatejo, Vila Nova da Barquinha, sendo que a confirmação de hoje de aves mortas em Constância e da existência de novos casos de gripe aviária do subtipo H5N1 de alta patogenicidade em patos mudos, encontrados mortos no parque ribeirinho de Vila Nova da Barquinha em 11 de janeiro, não configuram novos focos da doença estando, antes, ligados ao foco já existente.. "Os últimos casos detetados em Vila Nova da Barquinha e agora em Constância não configuram novos focos uma vez que já estão incluídos na zona de vigilância demarcada aquando do foco primário detetado" em dezembro em Praia do Ribatejo, disse à Lusa Susana Pombo, da DGAV.

Segundo a responsável, Portugal tem atualmente cinco focos de infeção ativos pela gripe das aves, tendo sido levantadas as medidas de restrição em Palmela, no concelho de Setúbal, depois de, no início de dezembro, ter sido detetado um foco de gripe das aves numa exploração naquela localidade e terem passado 30 dias sem registo de novas situações. Os dois primeiros focos foram detetados em 01 de dezembro, numa capoeira doméstica em Palmela, e, em 23 de dezembro, numa exploração de perus em Óbidos, com cerca de 18 mil aves, existindo"uma ligação" entre essa exploração e o terceiro foco, confirmado em 31 de dezembro, em Vila Nova da Barquinha, numa exploração com cerca de seis mil perus. Leia também Portugal regista quinto foco de infeção por gripe das aves No dia 04 de janeiro foi detetado um quarto foco de gripe aviária numa exploração de galinhas e patos em Santiago do Cacém, no distrito de Setúbal, e no dia seguinte foi confirmado um quinto foco em Alpiarça, num ganso selvagem, a que se juntou no dia 11 de janeiro um sexto foco, em Peniche, detetado numa gaivota. Face à"situação epidemiológica atual", a DGAV defende ser importante"cumprir e reforçar" as regras de biossegurança, assim como as boas práticas de produção avícola, evitando contactos entre aves domésticas e selvagens. "É ainda de extrema importância a notificação imediata de qualquer suspeita, de forma a permitir uma rápida e eficaz implementação das medidas de controlo da doença", acrescenta.

A notificação de mortalidade de aves selvagens pode ser feita através da aplicação ANIMAS (http://animas.icnf.pt). Leia também .