Polícia brasileira abre inquérito para investigar divulgação de dados de Bolsonaro

Polícia brasileira abre inquérito para investigar divulgação de dados de Bolsonaro

03/06/2020 10:06:00

Polícia brasileira abre inquérito para investigar divulgação de dados de Bolsonaro

Presidente brasileiro afirmou que a divulgação dos dados se tratou de uma 'medida de intimidação'.

Presidente brasileiro afirmou que a divulgação dos dados se tratou de uma"medida de intimidação".A Polícia Federal brasileira determinou na terça-feira a abertura de um inquérito para apurar a divulgação de dados pessoais do Presidente, Jair Bolsonaro, dos seus filhos e ministros, pelo grupo de hackers (piratas informáticos) Anonymous Brasil.

Silêncio de Jorge Jesus causa mal-estar no Brasil Bombeiro morre a combater incêndio na serra da Lousã O excêntrico look de Renato Sanches

Segundo a revista Época, do grupo Globo, a Polícia Federal está ainda a definir o delegado que irá conduzir a investigação, que visa apurar crimes previstos no Código Penal brasileiro, na Lei de Segurança Nacional e na Lei das Organizações Criminosas.

A abertura do inquérito surgiu horas depois do ministro da Justiça do Brasil, André Mendonça, ter informado na rede social Twitter que determinou à Polícia Federal o início das investigações à divulgação"de informações pessoais do Presidente, Jair Bolsonaro, seus familiares e demais autoridades".

Já Bolsonaro indicou que se tratou de uma"medida de intimidação" e que serão tomadas medidas legais."Em clara medida de intimidação, o movimento de hacker Anonymous Brasil divulgou, em conta do Twitter, dados do Presidente da República e familiares. Medidas legais estão em andamento, para que tais crimes não passem impunes", escreveu o chefe de Estado na mesma rede social.

Ver TwitterSegundo informações publicadas pelos media locais, os piratas informáticos publicaram dados pessoais, como endereços, números de documentos e contactos telefónicos dos atingidos em links, entretanto apagados pelo Twitter. Foram também divulgadas informações sobre registos de empregos, rendimentos e bens, como imóveis e automóveis.

Além do chefe de Estado brasileiro, foram alvo do ataque os filhos envolvidos na atividade política: Flávio, Eduardo e Carlos Bolsonaro.Também tiveram informações pessoais divulgadas ilegalmente os ministros da Educação, Abraham Weintraub, a ministra da Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, além de outros apoiantes conhecidos do Presidente brasileiro, como o empresário Luciano Hang.

Nas suas redes sociais, Carlos Bolsonaro confirmou a divulgação das suas informações pessoais."A turma pró-democracia vazou os meus dados pessoais e de outros na internet. Após vermos violações do direito à livre expressão, agora ferem a privacidade. Sob a desculpa de combater o mal, justificam seus crimes e fazem justamente aquilo que nos acusam, mas nunca provam!", escreveu.

Incrível: penálti repetido 2 vezes, guarda-redes expulso e... não houve golo Marcelo lamenta com consternação morte de bombeiro Mulher de Jair Bolsonaro com teste negativo à Covid-19

O empresário Luciano Hang disse que os seus documentos foram usados para pedir o auxílio de emergência do Governo para pessoas de baixos rendimentos durante a pandemia de Covid-19.Já o ministro Weintraub declarou que, a par da sua família, tem sido ameaçado de morte.

Consulte Mais informação: SIC Notícias »

No Brasi há um protolcolo para Presidentes!! No final tem de ser preso e cumprir prisão!!! Que carai ..

Polícia brasileira abre inquérito para investigar divulgação de dados de BolsonaroA Polícia Federal brasileira determinou na terça-feira a abertura de um inquérito para apurar a divulgação de dados pessoais do Presidente, Jair Bolsonaro, dos seus filhos e ministros, pelo grupo de 'hackers' (piratas informáticos) Anonymous Brasil.

Dois homens encapuzados assaltam idosa no Porto e sequestram empregadaA Polícia Judiciária está a investigar o caso.

Covid-19. Jonas Almeida, cientista de dados nos EUA: “Alegra-me ver o jornalismo a ter um papel tão importante”A covid-19 tem sido mais uma prova de como a divulgação pública de dados é fundamental. O português Jonas Almeida, chefe da equipa de Data Science no Instituto Nacional do Cancro nos Estados Unidos, fala do 'The New York Times' como exemplo do papel a desempenhar na defesa da divulgação de dados. E explica a relevância dos dados de saúde para a Medicina Preventiva e o seu papel na longevidade

Hackers divulgam dados pessoais de Bolsonaro, filhos e aliadosMundo - Hackers divulgam dados pessoais de Bolsonaro, filhos e aliados

Hackers divulgam dados pessoais de Bolsonaro, familiares e ministrosAlém do Presidente brasileiro, foram alvo do ataque os seus filhos envolvidos na atividade política, Flávio, Eduardo e Carlos Bolsonaro. E outra, Tem que ver de qual órgão municipal estadual e federal, rede de telefonia, banco e créditos, académias, universidade, escolas ou rede social Facebook, LinkedIn e Twitter serviram de dossiê para anonymousbrasil Anomymous Porque perfil social é possível ser pseudônimo Tem a pila pequena!

“O Presidente dos EUA deve ser parte da solução e não o problema”, disse BidenCandidato democrata às eleições presidenciais nos EUA fez um discurso para criticar actuação de Trump na crise dos protestos por causa da morte de George Floyd por um polícia.