''O ministro Eduardo Cabrita mais uma vez conseguiu esticar os limites do admissível''

A reação de João Cotrim Figueiredo à demissão do ministro da Administração Interna.

03/12/2021 21:56:00

“O ministro Eduardo Cabrita mais uma vez conseguiu esticar os limites do admissível“

A reação de João Cotrim Figueiredo à demissão do ministro da Administração Interna.

demissão do cargoque ocupava desde outubro de 2017."Assistimos a um pedido de demissão que está ao nível daquilo que foi um péssimo ministro. Não assumiu as responsabilidades que teve no acidente e chegou a usar a frase 'o automóvel foi vítima de acidente'. Não foi o automóvel que foi vítima, foi Nuno Santos", afirmou em entrevista à SIC Notícias.

Chega exigirá presença governativa caso tenha mais de 7% dos votos - SIC Notícias

Cotrim Figueiredo diz ainda que Eduardo Cabrita não teve capacidade para reconhecer que"há uma responsabilidade política e objetiva" no caso do atropelamento."Porque é que isto é feito agora? É para proteger o primeiro-ministro, porque estamos a dois meses das eleições?".

A Iniciativa Liberal diz que Portugal não pode continuar numa situação em que nunca ninguém é responsabilizado por nada.A decisão de Eduardo Cabrita surge no dia em que o Ministério Público acusou o, no caso do atropelamento mortal de um trabalhador na A6. headtopics.com

Consulte Mais informação: SIC Notícias »

O debate entre António Costa e Inês de Sousa Real na íntegra - CNN Portugal

CNN Portugal. O novo canal de informação, com uma cultura multiplataforma, propõe-se a acompanhar, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo.

O ativo da sociedade com a sua ceifa.

António Costa agradece a Cabrita e garante um substituto em breveO primeiro-ministro reagiu prontamente ao pedido de demissão de Eduardo Cabrita, agradecendo os seis anos de serviço enquanto ministro adjunto e da Administração Interna.

Ministro Eduardo Cabrita demite-seDecisão surge depois do Ministério Público acusar o motorista do ministro de homicídio negligente no acidente que matou um homem na A6

Ministro Eduardo Cabrita demite-seDecisão surge depois do Ministério Público acusar o motorista do ministro de homicídio negligente no acidente que matou um homem na A6. OS IMBECIS VÃO SEMPRE TARDE, MAS A HORA ACABA POR CHEGAR, E ASSIM É DADO UM BOM PASSO PARA LIMPAR UM GOVERNO. OS IMBECIS VÃO SEMPRE TARDE, MAS A HORA ACABA POR CHEGAR, E ASSIM É DADO UM BOM PASSO PARA LIMPAR UM INCOMPETENTE GOVERNO. Agora já pode ser um passageiro...

Eduardo Cabrita pediu demissão ao primeiro-ministroO ministro da Administração Interna fez uma declaração a partir do Ministério. Eduardo Cabrita despediu-se com um balanço positivo do seu mandato, assumido no final de 2017. Já vai tarde! Já vai tarde! Isto com eleições trabalha-se sempre tão bem 🤌🏻

Eduardo Cabrita, um ministro sem qualidadesQue Costa ainda não tenha percebido que Cabrita é matéria radioactiva, um peso morto que dia após dia afunda a popularidade do seu Governo, demonstra bem a cegueira que acompanha todo o exercício demorado do poder. Alô . Este artigo não está assinado. Esqueceram-se. É pior do que isso.

“'Sou um mero passageiro' não é uma frase nada brilhante” de Eduardo CabritaRicardo Costa analisa a acusação no caso do atropelamento mortal com o carro em que seguia o ministro da Administração Interna. É de um crápula! Só mesmo neste 'Cartel-Costa/PS'. Isto passa-se, num país de Cobardes. E fico por aqui... Nada do que sai da boca daquele senhor é 'brilhante'