Oe2022, Pensões, Reforma, Dinheiro, Irs

Oe2022, Pensões

Novos escalões de IRS dão 1,80€ por mês a reformas de mil euros

Novos escalões de IRS dão 1,80? por mês a reformas de mil euros

17/10/2021 11:41:00

Novos escalões de IRS dão 1,80? por mês a reformas de mil euros

Rendimento mensal líquido dos pensionistas nesta situação sobe 6,16 euros, por efeito combinado da atualização de janeiro e de agosto

SubscreverJá para uma pensão no valor de mil euros, considerando um contribuinte solteiro ou viúvo, sem dependentes, o rendimento líquido total também subirá 0,7%, pelo efeito combinado das alterações no IRS e da atualização de pensões (mais 0,5%, por esta via). Ao fim de um ano, o pensionista terá um ganho de 86,25 euros (dos quais 25,32 euros dados pelos novos escalões). Por mês, serão 6,16 euros (1,80 euros por via dos novos escalões).

Ferro Rodrigues despede-se da AR: 'Maior honra da minha vida' foi ser presidente do Parlamento «Nós somos o Bayern, tu não»: Assembleia Geral do clube alemão a 'ferro e fogo' Portugal tem médicos suficientes mas SNS não é atrativo, diz bastonário

Já mais acima, e bem distante daqueles que são os valores médios de pensões pagos pela Segurança Social, um pensionista que receba uma reforma de 2500 euros mensais vê subir o rendimento líquido em 0,5%, com mais 137, 63 euros anuais - ou 9,8 euros mensais -, e em linha com aquela que será a atualização prevista nas pensões. A contribuição da mexida de escalões de IRS é mínima. Serão apenas mais 2,37 euros ao fim de um ano, ou 17 cêntimos por mês.

Valor médio de novas pensõesMas, estas são contas que não serão feitas pela maioria dos pensionistas. Se há cerca de dois milhões de pensionistas a receber abaixo dos 664 euros mensais, nos cálculos do governo, o valor médio das pensões de reforma pagas pela Segurança Social - sem contabilizar as pensões da Caixa Geral de Aposentações, mais elevadas - ficou no ano passado em 501,77 euros, de acordo com os dados do último relatório sobre a sustentabilidade financeira da Segurança Social divulgado com a proposta de Orçamento do Estado para o próximo ano. headtopics.com

Trata-se de uma melhoria global, com um crescimento de 2,2% no valor médio de pensões face a 2019. Mas essa melhoria não ocorre quando se analisa os valores das novas pensões de velhice atribuídas no ano passado. Apesar de serem mais elevadas, com aumento das carreiras contributivas face a gerações anteriores, o valor médio das prestações atribuídas a novos pensionistas caiu pelo segundo ano consecutivo, em 1,1%, ficando em 586,48 euros.

Diferenças de género persistemPor outro lado, os valores de pensões continuam a evidenciar uma grande disparidade quando se analisam as reformas pagas a homens e mulheres. Na globalidade das pensões em pagamento pela Segurança Social, as pensionistas recebem em média 367,19 euros, menos 43% do que os 647,37 euros recebidos por homens.

Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Mas rouba a quem queira trabalhar mais . Tenta nivelar a susiedade por baixo em vez de estimular a produtividades

Novos radares, 13 milhões de euros, um assalto aos contribuintesA colocação de novos radares, assim como a estimativa feita pelo Governo, apenas vem declarar que, der por onde der, os condutores vão ter de pagar 13 milhões de euros ao Estado, sendo multados, a bem ou a mal.

Famílias com filhos pequenos ganham 'lotaria' no IRSReduzir os impostos a quem tem prole é um dos eixos da política fiscal do Governo

BPN e Banif custam mais do que alívio de IRS e subida extra de pensõesRestos do antigo BPN estão acautelados na despesa do OE2022 com 117 milhões de euros. Antigo Banif também, com 178 milhões. As duas despesas juntas valem 295 milhões, mais que o alívio no IRS e o aumento extra das pensões mais pobres. BPN = Sócrates. Banif = Costa. 2x PS

IRS de 2022 ainda não desfaz o “enorme” aumento do tempo da “troika”Apesar da revisão dos escalões em 2018 e 2022, os contribuintes pagarão mais IRS no próximo ano do que antes da crise financeira.

BPN e Banif custam mais do que alívio de IRS e subida extra de pensõesRestos do antigo BPN estão acautelados na despesa do OE2022 com 117 milhões de euros. Antigo Banif também, com 178 milhões. As duas despesas juntas valem 295 milhões, mais que o alívio no IRS e o aumento extra das pensões mais pobres.

Madeira: CDS satisfeito com redução do IRS nos 3.º 4.º escalões no Orçamento da RegiãoO CDS quer também, com as verbas do PRR orçamentadas para a habitação (176 milhões de euros), que se dê prioridade à construção de habitação a custos controlados de modo a possibilitar sobretudo aos casais mais jovens acesso a habitação, quer através de renda ou compra, mas que este custo não ultrap