Internacional, Guiné-Bissau, Guerra Colonial

Internacional, Guiné-Bissau

″No mato ninguém morre em versão John Wayne″. Livro homenageia combatentes na Guiné

'No mato ninguém morre em versão John Wayne'. Livro homenageia combatentes na Guiné

02/08/2021 18:58:00

'No mato ninguém morre em versão John Wayne'. Livro homenageia combatentes na Guiné

A editora Livros Horizontes lançou o livro 'No mato ninguém morre em versão John Wayne -- Guiné, o Vietname Português', do jornalista Jorge Monteiro Alves, que pretende homenagear os antigos combatentes que 'deram tudo' por Portugal.

SubscreverDo ponto de vista militar, explicou o autor, o"livro aborda com a profundidade possível algumas das principais operações levadas a cabo pelas tropas que combatiam sob bandeira portuguesa"."Neste capítulo, ao qual é dedicada boa parte da obra, merecem especial atenção as ações levadas a cabo pelas tropas especiais", disse, com destaque para o tenente-coronel Marcelino da Mata, o militar mais condecorado pelas forças armadas portuguesas.

Marcelo: votar é mais importante do que nunca para o país recomeçar a viver 'Task force' está a preparar transição para a vacina da gripe Lava do vulcão de La Palma já atingiu quase 500 edifícios e cobriu 212 hectares

O jornalista sublinhou que aquela figura"revela-se crucial", porque a"sua ação atingiu grande mediatismo, quer na Guiné, quer em Portugal" e acaba por"servir de fio condutor a todo o livro"."Claro que o papel do tenente-coronel Marcelino foi polémico -- herói para uns, criminoso de guerra para outros. O que este livro pretende também demonstrar é que não há guerras limpas", disse.

Segundo Jorge Monteiro Alves, na Guiné-Bissau ambos os lados em combate"cometeram ações muito condenáveis". Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

Auriol Dongmo ficou a cinco centímetros da medalhaLançadora portuguesa ficou em quarto na final do lançamento do peso nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Incêndios. Fogo em Santa Maria da Feira combatido por 116 operacionais e cinco meios aéreosO incêndio continuava ativo pelas 18h45, ardendo em 'mato e floresta'

Inflação na zona euro situou-se nos 2,2% em julhoAs maiores contribuições para a subida da inflação na zona euro partiram da energia, situando-se em 14,1% em comparação com os 12,6% de junho.

Homem de 59 anos morre afogado na Praia da Vieira'Corpo foi encaminhado para a morgue do hospital de Leiria', especificou capitão-de-fragata.

Homem de 59 anos morre afogado na Praia da Vieira, na Marinha GrandeO alerta foi dado pelas 16:00. Fechem as praias

Homem morre depois de ter sido detido em manifestação em BerlimFoi iniciado um inquérito sobre a morte do indivíduo.