Não faltam médicos, falta orçamento

  • 📰 expresso
  • ⏱ Reading Time:
  • 34 sec. here
  • 2 min. at publisher
  • 📊 Quality Score:
  • News: 17%
  • Publisher: 73%

Portugal Manchetes Notícia

Portugal Últimas Notícias,Portugal Manchetes

Portugal é o terceiro país da OCDE com mais médicos por habitante. Serviço Nacional de Saúde tem carência de profissionais porque é cada vez menos sedutor do que o sector privado

Chegar aos meses de verão e ser alarmado pela falta de médicos para assegurar as escalas das Urgências não tem nada de surpreendente. A novidade é que o problema se agudizou porque passou mais um ano. Ou seja,, durante o dia ou nas chamadas horas incómodas.

. Mas o bastonário da Ordem dos Médicos avisa que o tratamento proposto é insuficiente, que os cuidados vão estar em risco e que é mesmo preciso ter mais médicos nas escalas. E não apenas obstetras, faltam também neonatologistas e anestesistas. Como? Pagando mais ao longo do ano e não apenas nos momentos de aflição, aliás, como faz o sector privado para ter verões sem sobressaltos.

mais 150 ginecologistas-obstetras para perfazer os mil especialistas calculados como necessários em todo o paísÉ preciso devolver ao SNS a sedução que teve antes de se deixar envelhecer.

 

Obrigado pelo seu comentário. Seu comentário será publicado após ser revisado.
Resumimos esta notícia para que você possa lê-la rapidamente. Se você se interessou pela notícia, pode ler o texto completo aqui. Consulte Mais informação:

 /  🏆 8. in PT

Portugal Últimas Notícias, Portugal Manchetes

Similar News:Você também pode ler notícias semelhantes a esta que coletamos de outras fontes de notícias.

Centeno diz que “não há cativações no Serviço Nacional de Saúde”Ministro das Finanças afirma que o país “nunca” teve “tantos médicos no Serviço Nacional de Saúde”, e que só há cativações em serviços administrativos do Ministério da Saúde.
Fonte: Publico - 🏆 7. / 73 Consulte Mais informação »

Constâncio, a imprensa e a velha rábula da “história mal contada”Não só o contrato de empréstimo da Caixa dizia não necessitar de mais nenhuma autorização interna ou externa, como permitia o uso do dinheiro para adquirir ações de mais empresas. Formalismos, já que Constâncio sabia o dinheiro era para o BCP? É isso mesmo que os contratos são: formalismos. E com base neles, o Banco de Portugal não podia impedir aquele empréstimo
Fonte: expresso - 🏆 8. / 73 Consulte Mais informação »

Joana Amaral Dias: Não se resolve a falta de poucos profissionais prejudicando os direitos dos utentesVídeos - Joana Amaral Dias: 'Não se resolve a falta de poucos profissionais prejudicando os direitos dos...
Fonte: cmjornal - 🏆 26. / 51 Consulte Mais informação »

Paraguai perdeu mas não foi por falta de apoio de Larissa RiquelmeFotogalerias - Paraguai perdeu mas não foi por falta de apoio de Larissa Riquelme
Fonte: Record_Portugal - 🏆 24. / 51 Consulte Mais informação »

A Europa negoceia-se, não se impõeO Conselho Europeu da semana passada não conseguiu chegar a acordo sobre os nomes para os postos principais da União Europeia e a notícia foi que isso era sinal de fraqueza das instituições e do processo democrático europeu. Não é. A dificuldade em encontrar soluções não prova que a 'Europa' não existe. Prova, sim, que é o que é: uma construção de Estados. É política e diplomacia.
Fonte: dntwit - 🏆 1. / 91 Consulte Mais informação »

Resgatar alguém no mar é crime? “A resposta curta: não”, mas há mais do que a resposta curtaMiguel Duarte e nove membros do “Iunventa”, navio de resgate de migrantes no AMr Mediterrâneo, são suspeitos de auxílio à imigração ilegal. Ao Expresso, Gunel Guliyeva, antiga jurista do Tribunal Europeu dos Direitos do Homem e especialista em lei internacional de Direitos Humanos, explica porque não é um crime mas um dever legal e humano tirar do mar quem está em sofrimento. “Só depois o Estado decide, caso a caso, se a pessoa tem direito a asilo ou não, se há perigo ou não, se é enviada de volta ao país de origem ou não” Encontrar alguém a afogar-se em mar alto e resgatar essa pessoa não é crime. Ir a um ponto de encontro combinado com um traficante de pessoas ir buscar uma entrega é. Não me venham com tretas. Estes tipos têm que ser todos presos, além de fazerem um negócio de milhões, ajudaram a entrada de terroristas e bandidos na Europa.
Fonte: expresso - 🏆 8. / 73 Consulte Mais informação »