João Lopes, Opinião, Entre As İmagens

João Lopes, Opinião

Números e factos do cinema português

Números e factos do cinema português

17/10/2021 02:39:00

Números e factos do cinema português

Consulto os mais recentes números das bilheteiras de cinema em Portugal, publicados pelo Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA). No fim de semana de 7/10 de outubro, 007: Sem Tempo para Morrer vendeu 59.683 bilhetes; no mesmo período, o filme português A Metamorfose dos Pássaros teve 1.206 espectadores - contas redondas: 50 vezes menos que a nova aventura de James Bond. Entretanto, o filme de 007, estreado na semana anterior, já foi visto por 246.478 pessoas.

SubscreverProblema em aberto: como pensar a relação entre a oferta e a procura?O mesmo cinismo lembrará que a"crítica" considera que o mercado funciona mal quando os"seus" filmes eleitos não têm sucesso... A esse propósito, posso citar a simpatia que já exprimi publicamente, tanto por

Portugal tem médicos suficientes mas SNS não é atrativo, diz bastonário Proteção de espécies em extinção. Nações pesqueiras proíbem pesca de tubarão-anequim V. Guimarães tem trio em risco para o Dragão

007: Sem Tempo para Morrercomo porA Metamorfose dos Pássaros. Mas sei que, ao fazê-lo, estou a dar um tiro no pé: não se trata de pensar a vida pública dos filmes (portugueses ou não) a partir dos juízos de valor que possam suscitar, mas sim de relembrar a necessidade de problematizar a circulação desses mesmos filmes à margem de tais juízos. Quero eu dizer: ainda que a minha avaliação destes dois filmes fosse totalmente negativa, os problemas que aqui enumero seriam rigorosamente os mesmos.

Que se passa, então? Tudo começa num problema de conhecimento e percepção - por vezes, há que reconhecê-lo, favorecido por formas de jornalismo que apenas procuram"agitação" ou"polémica" -, problema que começa na sistemática ignorância dos (outros) números do mercado. headtopics.com

Assim, por exemplo, no período referido, quantos ecrãs exibiram007: Sem Tempo para Morrer? Resposta do ICA: 165 ecrãs que promoveram 1.492 sessões. Quais os números respectivos paraA Metamorfose dos Pássaros? Ainda com a preciosa ajuda do ICA: 19 ecrãs, 84 sessões. Digamos, para simplificar: mesmo que a lotação média das salas de

A Metamorfose dos Pássarosfosse de 500 lugares (número estupidamente exagerado para a estrutura actual do mercado), e mesmo que o filme de Catarina Vasconcelos esgotasse todas as suas sessões, ainda assim ficaria abaixo da performance de

007: Sem Tempo para Morrer.O que está, então, em causa? Uma ideologia que, pela minha parte, profissionalmente, conheço desde os heróicos anos 70. Transmitida de geração em geração, tal ideologia mantém-se incólume e inabalável, apostada em convencer-nos - e, não tenho dúvidas sobre isso, convencer os seus mensageiros - de que os números de fim de semana são o princípio e o fim da complexidade do mercado cinematográfico.

O que se recalca, então? Uma infinidade de vectores que nos podem (e devem) levar a reflectir, por exemplo, sobre o lugar do cinema no ensino (a começar pelas crianças) ou as suas diversas configurações televisivas, sem esquecer as limitações promocionais dos pequenos distribuidores e a sua dificuldade de acesso a muitas salas. Mas fiquemo-nos pelas escolhas dominantes no mercado e o modo como tais escolhas, de uma maneira ou de outra, desempenham um decisivo papel cultural na formação e formatação dos públicos. headtopics.com

«Nós somos o Bayern, tu não»: Assembleia Geral do clube alemão a 'ferro e fogo' Estado vai pagar às empresas para compensar aumento do salário mínimo Ferro Rodrigues despede-se da AR: 'Maior honra da minha vida' foi ser presidente do Parlamento

Cultural? Mas então quem faz a cultura cinematográfica não são os artistas e, já agora, os pobres dos críticos? Serão, sim, em modesta escala, mas é tempo de desmontarmos essa noção de"cultura" como uma espécie de medicina das almas (bela metáfora, por sinal) que, mais tarde ou mais cedo, será sancionada por alguma medalha estatal. Nada disso: os mais poderosos agentes culturais do cinema estão do lado da produção, da difusão e do marketing.

Podemos imaginar uma experiência surreal: coloque-se a nova superprodução da Marvel ou da DC Comics apenas em 19 salas, tal comoA Metamorfose dos Pássaros. E não se gastem os milhares de euros que habitualmente são investidos na promoção das aventuras de super-heróis. Depois disso, marcamos encontro para voltar a falar de números... Alternativa séria? Alguma disciplina para lidarmos com aquilo que Michel Foucault chamou"a grande cólera dos factos".

Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

Novo estudo sobre a origem da Covid-19 aponta para mercado de Wuhan

Para o“ chef” Claude Troisgros, o vinho português é “um dos maiores do mundo”O maior evento de vinhos portugueses no Brasil arrancou este fim-de-semana, o primeiro de dois, com chefs e actores brasileiros a descobrirem vinhos, castas e terroirs em conversas descontraídas com produtores portugueses.

O que José Gomes disse ao dono do Almería: «Se for buscar o Guardiola, Mourinho ou Ancelotti… seja quem for vai precisar de tempo»Vídeos - O que José Gomes disse ao dono do Almería: «Se for buscar o Guardiola, Mourinho ou Ancelotti… seja...

Gonçalo Paciência voltou aos golos, Dortmund assumiu a liderançaO avançado português marcou de penálti, mas não conseguiu impedir a derrota do Eintracht Frankfurt.

Os hábitos que José Gomes mudou na Arábia Saudita: «Jogadores enchiam-se de doces e chocolates»Vídeos - Os hábitos que José Gomes mudou na Arábia Saudita: «Jogadores enchiam-se de doces e chocolates» 🤣🤣

Fim de semana excêntrico? Prémio de 220 milhões de euros em jogo no EuromilhõesSociedade - Fim de semana excêntrico? Saiba se é grande vencedor dos 220 milhões de euros em jogo esta... Eu não fui, acusem-se 😋😍🙋‍♂️ Não é Excentricidade suficiente pagar o combustivel ao preço que pagamos....?

Morreu o historiador português de arte Luís de Moura SobralInformação foi revelada pelo Instituto da História da Arte da Universidade Nova.