Multas no âmbito do RGPD atingiram 1.087 milhões de euros na Europa em 2021

No ano passado, as multas aplicadas por autoridades de proteção de dados no espaço europeu aumentaram 585% face aos dados de 2020. As contas são feitas no relatório da DLA Piper

Dla Piper, Rgpd

23/01/2022 18:05:00

No ano passado, as multas aplicadas por autoridades de proteção de dados no espaço europeu aumentaram 585% face aos dados de 2020. As contas são feitas no relatório da DLA Piper

No ano passado, as multas aplicadas por autoridades de proteção de dados no espaço europeu aumentaram 585% face aos dados de 2020. As contas são feitas no relatório da DLA Piper.

E usufrua de todas as vantagens de ser assinanteNo espaço de um ano, o valor das multas aplicadas pelas diferentes autoridades de proteção de dados europeias foi quase sete vezes mais alto do que o montante de 2020. Estas coimas, aplicadas no âmbito do Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) devido a violação das regras da proteção de dados, totalizaram 1.087 milhões de euros desde 28 de janeiro, face aos 158,5 milhões de 2020.

Consulte Mais informação: Jornal de Negócios »

Grupo hoteleiro Selina fecha 2021 com faturação de 82 milhões de euros e prossegue expansãoO grupo dispõe de seis unidades hoteleiras em Portugal: Lisboa, Porto, Gerês, Ericeira, Peniche e Vila Nova de Milfontes.

Euromilhões: conheça a chave vencedora desta sexta-feiraJogos sociais: Euromilhões: conheça a chave vencedora desta sexta-feira

Relação confirma que Rafael Leão tem de pagar 16,5 milhões de euros ao SportingO futebolista foi um dos que rescindiu com o Sporting na sequência dos incidentes violentos registados na Academia do clube, em Alcochete, em 15 de Maio de 2018. O dinheiro que os ratos todos teriam que pagar... A narrativa vai ter que ser outra ou os burros vão insistir no mesmo? Isto é um lamentável racismo

Reclamações disparam 82% nos aeroportos e 32% nos hotéis em 2021 - SIC NotíciasA maior parte das queixas são relativas aos vouchers e reembolsos de viagens.

Só 316 mil para votar no domingo, mais do que nas presidenciaisGoverno criou logística para 1,2 milhões de pessoas, cinco vezes mais do que em 2021, mas inscritos ficaram aquém.

Vacinados ou não vacinados? Evolução dos óbitos em 2021Nos últimos meses de 2021, registou-se um aumento na proporção de pessoas que não tinham vacinação completa entre os óbitos, segundo os dados da DGS e INSA. Eficiência! Comparar estado vacinal sem indicação de idade é SÓ idiota.

Assine para partilhar E usufrua de todas as vantagens de ser assinante No espaço de um ano, o valor das multas aplicadas pelas diferentes autoridades de proteção de dados europeias foi quase sete vezes mais alto do que o montante de 2020. Estas coimas, aplicadas no âmbito do Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) devido a violação das regras da proteção de dados, totalizaram 1.087 milhões de euros desde 28 de janeiro, face aos 158,5 milhões de 2020. As conclusões constam do relatório"DLA Piper GDPR fines and data breach survey", pela empresa de advogados DLA Piper. Este relatório inclui dados sobre o bloco dos 27 e ainda sobre a Noruega, Islândia e Liechtenstein. A DLA Piper nota as duas"multas recordes aplicadas no âmbito do RGPD", regulamento que passou a ter aplicabilidade direta no território europeu a 25 de maio de 2018: neste caso, a multa aplicada pelo Luxemburgo à Amazon, no valor de 746 milhões de euros, e ainda a coima de 225 milhões aplicada pela Comissão de Proteção de Dados Irlandesa à WhatsApp Ireland. No terceiro lugar do pódio figura a multa de 50 milhões de euros aplicada pela Comissão de Proteção de Dados francesa, a CNIL, à tecnológica Google. Neste caso, foi considerado que a empresa falhou nos requisitos de transparência no tema da publicidade personalizada. Leia Também WhatsApp multada em 225 milhões de euros pela Irlanda por violar proteção de dados As multas avultadas sempre foram um dos pontos de atenção do RGPD: afinal, pode chegar a 4% das receitas anuais globais da empresa que infrinja as regras ou a 20 milhões de euros - o valor que seja mais elevado. O relatório nota que, comparando com os anteriores dados, as notificações diárias sobre"data breaches" aumentaram 8%, passando das 331 notificações por dia em 2020 para 356 em 2021. No total, desde 28 de janeiro de 2021, tinham sido contabilizadas mais de 130 mil situações de violação de dados pessoais aos reguladores. No âmbito do RGPD, as empresas são obrigadas a notificar a respetiva entidade nacional de proteção de dados no espaço de 72 horas após ser detetada uma violação de dados pessoais. Leia Também Amazon recebe multa recorde de 746 milhões de euros por infringir RGPD Desde que o RGPD entrou em cena na Europa, o Luxemburgo é o estado que já aplicou o maior montante de multas, com um total de 746,3 milhões de euros, estima este relatório, seguido pela Irlanda, com 226 milhões de euros. Itália ocupa o terceiro posto, com um montante de 79,1 milhões em multas agregadas. Leia Também