Amn Sintra Praia Da Ursa

Amn Sintra Praia Da Ursa

Mulher com fraturas graves numa perna resgatada na praia da Ursa por helicópetro da Força Aérea

16/09/2021 23:48:00

Uma mulher, de 27 anos, de nacionalidade francesa, foi assistida e resgatada, na tarde desta quinta-feira, após ter sofrido fraturas graves na perna direita, na praia da Ursa, uma praia não vigiada, em Sintra, anunciou a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

UGT desiludida com chumbo de Orçamento que compromete medidas positivas para trabalhadores Jesus: «Não houve tretas nem jogadores a mandarem-se para o chão.. eu não deixo que entrem nisso» CGTP diz que chumbo deve-se a falta de vontade política do Governo

Segundo revela a AMN em comunicado, elementos da Polícia Marítima de Cascais deslocaram-se para o local, depois de receberem um alerta, pelas 14h24, através dos Bombeiros Voluntários de Almoçageme, “a informar que se encontrava uma mulher na praia da Ursa com fraturas expostas no membro inferior direito”.

“A vítima foi assistida na praia pelos Bombeiros Voluntários de Almoçageme e pelo INEM, tendo sido posteriormente resgatada por uma aeronave (EH101) da Força Aérea Portuguesa, face às condições do mar que se faziam sentir no local e ao difícil acesso por terra”, lê-se. headtopics.com

A mulher foi transportada para o Aeródromo de Trânsito nr.º 1, onde aguardava uma ambulância dos Bombeiros Voluntários de Lisboa, que a transportou para o hospital de Santa Maria.Ver Comentários Consulte Mais informação: Jornal SOL »

Detido por agredir mulher com quem estava casado há 19 anos em Paredes

Mulher de militar que morreu no ataque em Cabul dá à luzRylee McCollum foi um dos militares norte-americanos que morreu no ataque junto ao aeroporto de Cabul, no Afeganistão.

Condenado a 14 anos de prisão por matar amante da ex-mulherO Tribunal de Coimbra condenou, esta quarta-feira, um homem a 14 anos de prisão pelo homicídio do amante da ex-mulher, na Tocha, Cantanhede.

Mulher suspeita de matar cunhado na zona do Cacém fica em prisão preventivaCrime ocorreu na sequência de uma discussão familiar. Arguida desferiu 12 facadas na vítima.

Prisão preventiva para mulher suspeita de matar cunhado na zona do CacémPJ adiantou que a mulher tinha sido identificada e detida 'fora de flagrante delito' e que a arma branca que terá sido utilizada na prática do crime também tinha sido localizada e apreendida

Homem condenado a 14 anos de prisão por matar amante da ex-mulher