São Paulo, Ayrton Senna, Milton Da Silva

São Paulo, Ayrton Senna

Morreu o pai de Ayrton Senna

Milton da Silva tinha 94 anos

28/10/2021 13:12:00

Fórmula 1 - Morreu o pai de Ayrton Senna

Milton da Silva tinha 94 anos

Milton da Silva, pai de Ayrton Senna, morreu ontem em São Paulo, de causas naturais, segundo avança a imprensa brasileira. Tinha 94 anos.Era casado com Neyde Senna da Silva, mãe do piloto tragicamente falecido em 1994, e juntos tiveram três filhos: Viviane, Ayrton e Leonardo.

Fernando Gomes: «O Ronaldo tem um impacto brutal nas nossas finanças» Covid-19: Madeira vacina crianças com menos de 12 anos como ''mecanismo de proteção'' Adeptos do Flamengo cantam a plenos pulmões por Jorge Jesus: «Olé, olé olé olé! Míster! Míster!»

O pai de Senna dedicou grande parte do seu tempo à carreira do piloto, acompanhando-o de perto desde os primeiros passos no kart até à Fórmula 1. Milton dividia a sua atenção entre a carreira do filho e a empresa metalúrgica que fundou.

Consulte Mais informação: Diário Record »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Morreu o jornalista que filmou o massacre de Santa Cruz, em DíliTimor-Leste: Morreu o jornalista que filmou o massacre de Santa Cruz, em Díli

Morreu Gilberto Braga, autor de novelas como ''Escrava Isaura'' e ''Dancin' Days''Morreu Gilberto Braga, autor de novelas como 'Escrava Isaura' e 'Dancin' Days'

Morreu o jornalista Max Stahl, que filmou o massacre de Santa CruzEstava na Austrália e lutava contra doença prolongada. GAntunes8 Obrigada pela partilha!

Morreu Gilberto BragaMorreu o autor de várias telenovelas brasileiras Gilberto Braga. Tinha 75 anos. Estava internado há uma semana num Hospital do Rio de Janeiro e não resistiu a uma infeção generalizada.

Morreu o jornalista que filmou o massacre de Santa Cruz, em TimorChristopher Wenner, que começou a ser conhecido como Max Stahl, iniciou a sua ligação a Timor-Leste a 30 de agosto de 1991 quando, 'disfarçado de turista', entrou no território para filmar um documentário para uma televisão independente inglesa

Morreu o jornalista Max Stahl, que documentou massacre do cemitério de Santa Cruz em Timor-LesteAnúncio foi feito pelo ex-presidente da República Democrática de Timor-Leste, José Ramos-Horta. Este jornalista é que impulsionou a independência de Timor quando escondeu e depois divulgou a cassete do massacre.