Rtp, Notícias, Rtp Notícias

Rtp, Notícias

Ministério Público abre inquérito a ameaças a deputadas e ativistas de direitos civis

14/08/2020 13:45:00

Ministério Público abre inquérito a ameaças a deputadas e ativistas de direitos civis - RTP Notícias

O primeiro passo da investigação é escrutinar as contas da internet do movimento Resistência Nacional.A RTP sabe que a Polícia Judiciária ainda não estabeleceu ligações entre o movimento e qualquer partido político.

Lisboa põe placa de homenagem a Alcindo Monteiro no local onde foi assassinado Pantone tem uma nova cor: o ″vermelho período″ para acabar com estigma da menstruação Kikas bate o campeão mundial na Ericeira e dedica vitória aos portugueses

O grupo Resistência Nacional é o responsável pela manifestação à porta da Associação SOS Racismo. Já o grupo que enviou as ameaças intitula-se "Nova Ordem de Avis - Resistência Racional".

Apesar das semelhanças, o movimento Resistência Nacional garantiu à RTP que não teve qualquer responsabilidade pelas ameaças.Convidado do Bom Dia Portugal, António Raposo Subtil, advogado, defende tolerância zero neste tipo de crime, previsto no código penal e punido com 1 a 8 anos de prisão.

Consulte Mais informação: RTPNotícias »

Ministério Público abre inquérito às ameaças a deputadas e à SOS Racismo34 grupos escreveram carta aberta a pedir ação política para combater o racismo.

Ministério Público abre inquérito sobre ameaças a deputadas e à SOS RacismoQuando os ameaçados mataram

Minist\u00e9rio P\u00fablico abre inqu\u00e9rito \u00e0s amea\u00e7as \u00e0s deputadas e ativistas e \u00e0 concentra\u00e7\u00e3o de grupo de extrema-direita

Ministério Publico abre inquérito a ameaças a deputadas e à SOS RacismoO Ministério Público instaurou um inquérito-crime na sequência de várias deputadas e a associação SOS Racismo terem recebido ameaças via e-mail e depois da autoproclamada 'Nova Ordem de Avis - Resistência Nacional' ter feito uma vigília junto à associação.

Ministério Público abriu inquérito sobre ameaças a deputadas e à associação SOS RacismoDez pessoas receberam um email a estipular o prazo de 48 horas para abandonarem o país, sob pena de correrem risco de vida. Não passarão. E têm 48 horas para ir para a puta que os pariu. Ora, como se diz na minha terra: Vamos mostrar às putas, quem são os paneleiros!... Também não me admirava nada se os tão perigosos emails fossem cozinhados pela extrema esquerda...é o mais certo.

PJ investiga ameaças de neonazis contra Mamadou Ba, deputadas e ativistas 'Antifa'Um grupo neonazi designado Nova Ordem de Avis fez um ultimato a 10 pessoas, entre as quais deputadas e ativistas antirracistas e antifascistas: têm que deixar todos os cargos políticos e o país em 48 horas Então, toca a começar pelo Livre, o pequeníssimo partido da extrema esquerda, do 'humorista' Rui Tavares. E para quando uma reportagem sobre a dívida do mamadou ba às finanças? É que ele consta até na lista de devedores! Todos os dias há ameaças ao Andre Ventura, de morte, físicas, insultos, zero comentários nas TVs e jornais. Fica-vos bem.