“Lutámos juntos, fomos presos juntos”: a carta de Navalny que ajudou Pavel, um dos ativistas afetados pela CML, a ter asilo em Portugal

“Lutámos juntos, fomos presos juntos”: a carta de Navalny que ajudou Pavel, um dos ativistas afetados pela CML, a ter asilo em Portugal

14/06/2021 21:40:00

“Lutámos juntos, fomos presos juntos”: a carta de Navalny que ajudou Pavel, um dos ativistas afetados pela CML, a ter asilo em Portugal

Quando veio para Portugal com intenção de pedir asilo, o ativista russo Pavel Elizarov, um dos três que viram os seus dados pessoais passados a entidades russas pela Câmara Municipal de Lisboa (CML), apresentou como uma das provas de que corria riscos na Rússia uma carta escrita por Alexei Navalny, um dos maiores opositores ao Presidente russo, Vladimir Putin, e que atualmente se encontra preso. Esta é a carta na íntegra

Consulte Mais informação: Expresso »

AnaMartinsGomes O Pavel quer vender a sua biografia de activismo, mas está a cometer um crime contra a República Portuguesa q lhe ofereceu a liberdade. Em troca o Pavel Navalnizou-se num palco de um partido político e está a extorquir a Camara de Lisboa. A imprensa é rastejante ao serviço dele.

Como o que aconteceu em Portugal está a assustar os opositores de Putin espalhados pelo mundo: o que Pavel Elizarov tem para dizerCom 16 anos, Pavel Elizarov já andava na luta contra o sistema político russo, que perpetuava as mesmas pessoas nos mesmos lugares há anos. Foi preso com Alexei Navalny em 2011, seu amigo de sempre que até lhe escreveu uma carta para ajudar o próprio Pavel Elizarov a conseguir proteção internacional em Portugal. Elizarov, russo de 35 anos, é um dos rostos do caso da partilha de dados de ativistas com a embaixada e o MNE russos. Falou com o Expresso

Reacende-se rivalidade em França: «Estes belgas rapidamente irão para casa comer batatas fritas»Euro 2020 - Reacende-se rivalidade em França: «Estes belgas rapidamente irão para casa comer batatas fritas»

Como o que aconteceu em Portugal está a assustar os opositores de Putin espalhados pelo mundo: o que Pavel Elizarov tem para dizerCom 16 anos, Pavel Elizarov já andava na luta contra o sistema político russo, que perpetuava as mesmas pessoas nos mesmos lugares há anos. Foi preso com Alexei Navalny em 2011, seu amigo de sempre que até lhe escreveu uma carta para ajudar o próprio Pavel Elizarov a conseguir proteção internacional em Portugal. Elizarov, russo de 35 anos, é um dos rostos do caso da partilha de dados de ativistas com a embaixada e o MNE russos. Falou com o Expresso

Euro2020: Países Baixos regressam após nove anos contra Ucrânia que nunca passou fase de gruposDesde a última participação em 2012 a seleção 'laranja' passou de Holanda a Países Baixos e conta com um leque de 26 jogadores que juntos valem mais de 600 milhões de euros.

Os melhores locais para passeios a cavalo estão aqui. Atreve-se a montar?Um passeio a cavalo tem sempre potencial para ser uma experiência memorável, mas há percursos em Portugal que, pela beleza natural intocada que atravessam, prometem ser viagens inesquecíveis

Homem encontrado morto em ValongoUm homem com cerca de 50 anos foi, este sábado, encontrado morto junto de umas escadas da sua residência, na localidade de Couce, em Valongo.