Legislativas: Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020 - Renascença

23/01/2022 20:10:00
Legislativas: Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020 - Renascença

Legislativas: Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020

Legislativas: Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020

António Costa falava aos jornalistas depois de uma ação de rua em Guimarães, depois de confrontado com a acusação de Catarina Martins de que o PS está a quebrar todas as pontes de diálogo entre os partidos de esquerda.

Um Orçamento que foi viabilizado pelos votos a favor do PS, as abstenções do PCP, PEV, PAN e pelas duas deputadas não inscritas e que foi rejeitado pelo PSD, Bloco de Esquerda, CDS-PP, Iniciativa Liberal e Chega.Em 2020, segundo António Costa,"quando não havia ainda um único português vacinado, quando a pandemia da covid-19 estava mesmo no pico, o Bloco de Esquerda, em vez de se manter junto ao PS e ao PCP, rompeu e ficou sozinho a votar com a direita".

Consulte Mais informação: Renascença »

Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020Após Vizela, António Costa fecha um intenso dia de campanha eleitoral com comícios em Braga, ao fim da tarde, e à noite em Viana do Castelo.

Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020

Costa considera que BE deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda em 2020O secretário-geral do PS afirmou este domingo que o Bloco de Esquerda deve pedir desculpa por ter rompido a unidade de esquerda e adiantou que, em matéria de diálogo político, não recebe lições da coordenadora bloquista, Catarina Martins. Lá ta o Costa atacar. Ó Tninho, tu não consegues o centro assi! Ó centro olha para isto e pensa 'que confusão, estes não se entendem'

Visão | Legislativas: Figuras da cultura, ciência e desporto lançam manifesto em apoio de Costa

Visão | Legislativas: Figuras da cultura, ciência e desporto lançam manifesto em apoio de CostaO PS divulgou hoje um manifesto subscrito por cerca de 150 personalidades 'independentes' dos setores da cultura, da ciência e Ensino Superior e desporto a favor da estabilidade política e da continuidade de António Costa como primeiro-ministro Este José Cid que venha cá para trás-os-montes! Andou-nos a chamar de feias e desdentadas! Se por acaso o PS perder e também quiser migrar que venha para o Nordeste.... Vai ver o que bom para a tosse..... Tudo isto é uma falsidade! Pois a maioria destas figuras foram compradas com donativos e outros tipos de ofertas para aplaudirem o governo PS. É natural que alguns sejam do PS por convicção mas a maioria tem recebido ofertas e favores de modo a estarem próximos do António Costa. É ver quantos recebem dinheiro dos contribuintes para fazerem a sua *cultura'.

Legislativas: Costa diz que compromissos assumidos por Rui Rio “está quieto”CNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo. Costa, se sabe que há letras pequenas nos seguros, nos contractos, porque é que não acaba com esse abuse para poder proteger muitos cidadãos com defuculdade nessa matéria. Pensa nisto! Se calhar não tão mau como o seu OE que lhe serviu para provocar eleições e agora ainda tem o desplante de o mostrar nos debates. Ninguém lho aprovou, não vai ter maioria, então quem I viabilizará? Chama a isto seriedade política? Eu não! Foi como os aumentos da função pública em 2009, era preciso ler as letras pequeninas...

Legislativas: Costa apela a mobilização de militantes para “chamar a votar” indecisos

Legislativas: Costa apela a mobilização de militantes para “chamar a votar” indecisosSem dúvida. Vamos concentrar os votos em Rui Rio e no PSD! Amigo se os indecisos forem votar acredite que maior vai ser a vitória do chega por isso cala a boca porque só dizes merda

Legislativas: Costa diz que há 'diferença abismal' entre projeto de futuro do PS e PSD

Legislativas: Costa diz que há 'diferença abismal' entre projeto de futuro do PS e PSDFalando aos jornalistas depois de ter visitado a empresa Ibermoldes, na Marinha Grande, António Costa acusou o PSD ser “contra a subida do salário mínimo nacional, quanto mais dos outros”, e de recusar a “descida do IRS ao longo dos próximos anos”, só a admitindo “como mera possibilidade a partir de

Ver mais Um Orçamento que foi viabilizado pelos votos a favor do PS, as abstenções do PCP, PEV, PAN e pelas duas deputadas não inscritas e que foi rejeitado pelo PSD, Bloco de Esquerda, CDS-PP, Iniciativa Liberal e Chega..e receba as informações em primeira mão.Legislativas: Figuras da cultura, ciência e desporto lançam manifesto em apoio de Costa Lusa O PS divulgou hoje um manifesto subscrito por cerca de 150 personalidades"independentes" dos setores da cultura, da ciência e Ensino Superior e desporto a favor da estabilidade política e da continuidade de António Costa como primeiro-ministro Lusa Legislativas 2022 21.

Em 2020, segundo António Costa,"quando não havia ainda um único português vacinado, quando a pandemia da covid-19 estava mesmo no pico, o Bloco de Esquerda, em vez de se manter junto ao PS e ao PCP, rompeu e ficou sozinho a votar com a direita". "Não recebo lições da Catarina Martins", rematou, no final de uma animada arruada, que juntou várias centenas de socialistas e que aconteceu horas depois de outra, do PSD, no mesmo local. No percurso pelas ruas do centro histórico de Guimarães, António Costa teve sempre ao seu lado o presidente da Federação de Braga, Joaquim Barreto, e o cabeça lista socialista por este círculo eleitoral, José Luís Carneiro, que é secretário-geral adjunto do PS. No percurso pelas ruas do centro histórico de Guimarães, António Costa teve sempre ao seu lado o presidente da Federação de Braga, Joaquim Barreto, e o cabeça lista socialista por este círculo eleitoral, José Luís Carneiro, que é secretário-geral adjunto do PS. Com bombos a animar a ação de rua, António Costa recebeu sucessivos abraços de apoiantes socialistas e, já junto ao Largo da Oliveira, entregaram-lhe um ramo de rosas. Pós uma rosa na lapela no casaco e entregou o resto à sua mulher, Fernanda Tadeu, que começou a distribuí-las. Fazemo-lo por considerarmos o momento que estamos a viver um momento cheio de riscos, mas também de oportunidades.

Legislativas 2022 . Depois, o secretário-geral do PS subiu a uma varanda no primeiro andar de uma das casas, de onde acenou aos simpatizantes e militantes do seu partido.