Juventude Popular promete estar 'completamente solta e completamente livre' no congresso do CDS-PP

Juventude Popular promete estar 'completamente solta e completamente livre' no congresso do CDS-PP

25/10/2021 14:24:00

Juventude Popular promete estar 'completamente solta e completamente livre' no congresso do CDS-PP

Francisco Camacho prometeu que a organização que lidera estará 'unida na sua diversidade e pluralidade' no congresso de Lamego em que Francisco Rodrigues dos Santos e Nuno Melo vão disputar a presidência do CDS-PP.

25 Outubro 2021, 10:16Francisco Camacho prometeu que a organização que lidera estará “unida na sua diversidade e pluralidade” no congresso de Lamego em que Francisco Rodrigues dos Santos e Nuno Melo vão disputar a presidência do CDS-PP.

Idade da reforma em Portugal deve aumentar cerca de dois anos até 2050 Alta Comissária da ONU defende que vacinação forçada é inaceitável, mas quer multas para quem recusar Vacinação das crianças deve começar pelos de 11 anos e ser descendente, diz Costa

O presidente da Juventude Popular, Francisco Camacho, garantiu que os delegados da Juventude Popular no congresso do CDS-PP estarão “completamente soltos e completamente livres” na disputa entre Francisco Rodrigues dos Santos e Nuno Melo. O atual líder do partido e o seu único eurodeputado deverão ser os únicos candidatos à presidência no congresso que se irá realizar em Lamego nos dias 27 e 28 de novembro.

Num discurso na sessão de encerramento daEscola de Quadros da Juventude Popular, que decorreu durante o fim-de-semana em Portimão, Francisco Camacho garantiu que os centristas poderão contar consigo para “manter a Juventude Popular unida na sua diversidade e pluralidade”. E confirmou a indicação, avançada ao Jornal Económico, de que a organização apresentará uma moção de estratégia global que reflita as suas preocupações e prioridades para o futuro do país e do partido. headtopics.com

Cai assim por terra a ideia de que Francisco Rodrigues dos Santos pode contar na disputa com Nuno Melo com um apoio inequívoco da Juventude Popular, de que era presidente em janeiro de 2020, quando sucedeu a Assunção Cristas, derrotando João Pinho de Almeida no congresso de Aveiro. O seu mandato à frente da organização juvenil dos centristas acabaria por ser terminado por Francisco Maia, com Francisco Camacho a ser eleito a 7 de março deste ano.

Consulte Mais informação: Jornal Económico »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

CDS-PP: Nuno Melo defende reconfiguração do partido para evitar ser aniquilado por nova direitaAo longo da intervenção, Nuno Melo lembrou o CDS-PP como um partido de centro-direita, fundador da democracia, “direita essa que o separa da direita de hoje, que quer destruir a democracia em Portugal”.

Líder do CDS-PP pede respeito pelas tradições militaresFrancisco Rodrigues dos Santos referiu-se à alegada proibição de os militares das forças especiais que desfilaram no dia do Exército cantarem o hino 'Pátria Mãe'. Claro! Foi moço que cumpriu o serviço militar obrigatório 😂 que raio de ganza é que este labrego andou a fumar? Por mim... Não tenho respeito por traidores à PÁTRIA e aos PORTUGUESES!!!

Líder do CDS-PP pede respeito pelas tradições militaresFrancisco Rodrigues dos Santos adiantou que Portugal “deve muito às suas Forças Armadas”, cujas tradições “devem ser respeitadas pelo passado do serviço ao país e pelo seu histórico valor corajoso de sacrificar a sua vida para defender a Bandeira”.

Madeira: líder regional do CDS-PP apoia Nuno Melo mas dá liberdade de voto aos delegadosO CDS-PP Madeira terá 48 delegados no congresso.

Rui Barreto destaca aumento da representação autárquica do CDS-PP na MadeiraO líder regional do CDS-PP referiu que o partido cumpriu os objetivos para as autárquicas: vencer a Câmara Municipal de Santana, resgatar o Funchal ao PS e manter ou aumentar o número de mandatos.

Protesto de ex-paraquedistas: CDS acusa Governo de colocar Portugal de lutoPresidente do CDS coloca-se ao lado dos militares. Mas porque é que este gajo ainda tem tempo de antena? Caridade? Este é igual ao Ventura. Oportunista! Oportunista, os boinas grossos é que não atingem mais, são grossos